Exportar (0) Imprimir
Expandir Tudo
Expandir Minimizar

Configurando regras de processamento

Configurando regras de processamento

Publicado em: 30 de novembro de 2006

Os scripts configuram definições de computador com base em regras e definições de configuração armazenadas no arquivo CustomSettings.ini. Durante a fase Planejar do MSF (Microsoft Solutions Framework), você determinou as regras de processamento apropriadas para uso na sua organização. Agora, é necessário configurar essas regras em CustomSettings.ini ou no banco de dados da bancada de trabalho de implantação (DWDB).

A Figura 6 ilustra as etapas na configuração de regras de processamento.

Bb490326.SE_DepConfig06(pt-br,TechNet.10).gif

Figura 6. Etapas na configuração das regras de processamento

Para configurar as regras de processamento

  1. Configure as regras no arquivo CustomSettings.ini.

  2. Configurar as regras no DWDB.

  3. Modifique a seqüência de tarefas para uma compilação.

  4. Atualize as regras de processamento.

Nesta página

Configurando as regras no arquivo CustomSettings.ini
Configurando as regras no banco de dados da bancada de trabalho de implantação
Modificando a lista de versões do BIOS incompatíveis
Modificando a seqüência de tarefas para uma compilação
Atualizando regras de processamento de implantação

Configurando as regras no arquivo CustomSettings.ini

Configure regras no arquivo CustomSettings.ini. Modifique o arquivo CustomSettings.ini com base nas regras determinadas durante a fase Planejar do MSF. A versão de modelo do arquivo CustomSettings.ini, junto com as suas regras, torna-se o CustomSettings.ini personalizado. Para obter mais informações sobre como determinar as regras apropriadas, consulte “Determinando as regras de processamento apropriadas", anteriormente neste guia.

Dependendo do seu ambiente, talvez seja necessário personalizar o modelo CustomSettings.ini apenas para a LTI. Para a LTI, talvez seja suficiente configurar as definições com base em grupo. Para a ZTI, você deve adicionar definições de configuração exclusivas para um computador cliente específico. Essas definições de configuração podem ser em acréscimo ou em substituição às regras com base em grupos.

Configurando as regras no banco de dados da bancada de trabalho de implantação

É possível configurar as regras para as implantações da LTI e da ZTI no DWDB usando a bancada de trabalho de implantação. Os benefícios de usar o DWDB incluem:

  • Versão mais genérica de CustomSettings.ini. O armazenamento das definições de configuração no DWDB remove a maioria dos detalhes de CustomSettings.ini. Essa alteração ajuda a tornar o arquivo CustomSettings.ini mais genérico, de modo que o mesmo arquivo possa ser usado em vários pontos de implantação.

  • Repositório centralizado para todas as configurações de propriedades. A centralização da configuração para todas as definições de propriedade garante consistência em todos os pontos de implantação.  

Para configurar as regras no banco de dados de configuração

  1. Configure os valores de propriedade no DWDB usando o nó Database na bancada de trabalho de implantação.

  2. Configure CustomSettings.ini de forma a incluir as consultas de banco de dados apropriadas para retornar os valores de propriedade armazenados no DWDB.

Configurando os valores de propriedade no banco de dados da bancada de trabalho de implantação

A configuração dos valores de propriedade no DWDB são organizados pelo método para aplicação das propriedades aos computadores de destino. Um nós abaixo do nó Database na bancada de trabalho de implantação representa cada método, conforme listado na Tabela 8.

Tabela 8. Nós abaixo do nó Database na bancada de trabalho de implantação

Use este nó para definir

Computers

Computadores de destino específicos com base nas propriedades AssetTag, UUID, SerialNumber e MACAddress. Você pode associar configurações de propriedade, aplicativos, pacotes, funções e contas em nível administrativo a um computador.

Roles

Um grupo de computadores com base nas tarefas realizadas pelos usuários dos computadores de destino (usando a propriedade Role). Você pode associar configurações de propriedade, aplicativos, pacotes, funções e contas em nível administrativo a uma função.

Locations

Um grupo de computadores usando a propriedade DefaultGateway dos computadores de destino para identificar um local geográfico. Você pode associar configurações de propriedade, aplicativos, pacotes, funções e contas em nível administrativo a um local.

Make and Model

Um grupo de computadores usando as propriedades Make e Model dos computadores de destino. Você pode associar configurações de propriedade, aplicativos, pacotes, funções e contas em nível administrativo a computadores de destino da mesma marca e modelo.

Observação   Crie os itens no nó Role antes de criar os outros itens abaixo dos outros nós (Computers, Locations e Make and Model), porque os outros nós podem ser associados a funções.

Criando um novo item de Roles

Para criar um novo item de Roles , conclua as etapas a seguir

  1. Inicie a bancada de trabalho de implantação.

  2. Na árvore do console, expanda Deploy, expanda Database e clique em Roles.

  3. Na árvore do console, clique com o botão direito em Roles e clique em New.

  4. Na caixa de diálogo Properties, na guia Identity, na caixa Role name, digite nome_função (em que nome_função é o nome da função).

  5. Clique na guia Details e configure os valores de propriedade apropriados identificados anteriormente no processo.

  6. Clique na guia Applications e configure os aplicativos a serem instalados e a ordem das instalações desses aplicativos.

  7. Clique na guia Packages e configure os pacotes a serem instalados e a ordem das instalações desses pacotes.

  8. Clique na guia Administrators, configure as contas que se tornarão membros do grupo local de administradores nos computadores de destino e clique em OK.

Criando um novo item de Computers

Para criar um novo item de Computers , conclua as etapas a seguir

  1. Inicie a bancada de trabalho de implantação.

  2. Na árvore do console, expanda Deploy, expanda Database e clique em Computers.

  3. Na árvore do console, clique com o botão direito em Computers e clique em New.

  4. Na caixa de diálogo Properties, na guia Identity, forneça as informações listadas na Tabela 9.

    Tabela 9. Informações para preencher a guia Identity referente a um novo item de Computers

    Nesta caixa

    Digite

    Descrição

    A descrição amigável do computador.

    Asset tag

    A tag de ativo ou a tag de controle de inventário atribuída ao computador.

    UUID

    O UUID (Universally unique identifier) atribuído ao computador de destino.

    Serial number

    O número de série atribuído ao computador de destino.

    MAC address

    O endereço MAC atribuído ao computador de destino.

    Para obter mais informações sobre os valores para a tag de ativo, o UUID, o número de série e o endereço MAC, consulte as propriedades AssetTag, UUID, SerialNumber e MACAddress na Referência de configuração.

  5. Clique na guia Details e configure os valores de propriedade apropriados identificados anteriormente no processo.

  6. Clique na guia Applications e configure os aplicativos a serem instalados e a ordem das instalações desses aplicativos.

  7. Clique na guia Packages e configure os pacotes a serem instalados e a ordem das instalações desses pacotes.

  8. Clique na guia Roles e configure as funções que você deseja associar ao computador.

  9. Clique na guia Administrators, configure as contas que se tornarão membros do grupo local de administradores nos computadores de destino e clique em OK.

Criando um novo item de Locations

Para criar um novo item de Locations , conclua as etapas a seguir

  1. Inicie a bancada de trabalho de implantação.

  2. Na árvore do console, expanda Deploy, expanda Database e clique em Locations.

  3. Na árvore do console, clique com o botão direito em Locations e clique em New.

  4. Na caixa de diálogo Properties, na guia Identity, na caixa Location, digite nome_local (em que nome_local é o nome amigável a ser associado ao local).

  5. Na caixa de diálogo Properties, na guia Identity, na caixa Default gateways, adicione os endereços IP de todos os gateways padrão existentes no local.

  6. Clique na guia Details e configure os valores de propriedade apropriados identificados anteriormente no processo.

  7. Clique na guia Applications e configure os aplicativos a serem instalados e a ordem das instalações desses aplicativos.

  8. Clique na guia Packages e configure os pacotes a serem instalados e a ordem das instalações desses pacotes.

  9. Clique na guia Roles e configure as funções que você deseja associar ao computador.

  10. Clique na guia Administrators, configure as contas que se tornarão membros do grupo local de administradores nos computadores de destino e clique em OK.

Criando um novo item de Make and Model

Para criar um novo item de Make and Model , conclua as etapas a seguir

  1. Inicie a bancada de trabalho de implantação.

  2. Na árvore do console, expanda Deploy, expanda Database e clique em Make and Model.

  3. Na árvore do console, clique com o botão direito em Make and Model e clique em New.

  4. Na caixa de diálogo Properties, na guia Identity, na caixa Make, digite nome_marca (em que nome_marca é o nome amigável a ser associado à marca do fabricante dos computadores de destino).

  5. Além disso, na guia Identity, na caixa Model, digite nome_modelo (em que nome_modelo é o nome amigável a ser associado ao modelo dos computadores de destino).

  6. Clique na guia Details e configure os valores de propriedade apropriados identificados anteriormente no processo.

  7. Clique na guia Applications e configure os aplicativos a serem instalados e a ordem das instalações desses aplicativos.

  8. Clique na guia Packages e configure os pacotes a serem instalados e a ordem das instalações desses pacotes.

  9. Clique na guia Roles e configure as funções que você deseja associar ao computador.

  10. Clique na guia Administrators, configure as contas que se tornarão membros do grupo local de administradores nos computadores de destino e clique em OK.

Configurando CustomSettings.ini para consultas de banco de dados

Depois de ter configurado os valores de propriedade no DWDB, é necessário configurar CustomSettings.ini para realizar as consultas de banco de dados apropriadas. Isso pode ser feito usando o Configure DB Wizard na bancada de trabalho de implantação.

Execute Configure DB Wizard para cada ponto de implantação definido na bancada de trabalho de implantação que você deseja atualizar.

Para configurar CustomSettings.ini para consultas de banco de dados usando Configure DB Wizard na bancada de trabalho de implantação , conclua as seguintes etapas

  1. Inicie a bancada de trabalho de implantação.

  2. Na árvore do console, expanda Deploy , e clique em Deployment Points.

  3. No painel de detalhes, clique com o botão direito em ponto_implantação e clique em Configure DB (em que ponto_implantação é o nome do ponto de implantação que você deseja configurar).

    O Configure DB Wizard é iniciado.

  4. Conclua a página do assistente Select computer query options. usando as informações na Tabela 10 e clique em Next.

    Tabela 10. Informações para preencher a página do assistente Select computer query options .

    Marque esta caixa de diálogo

    Quando quiser

    Query for computer-specific settings.

    Consultar as definições configuradas na guia Details da caixa de diálogo Properties do item de computador.

    Query for roles assigned to this computer.

    Consultar as funções associadas ao computador na guia Roles da caixa de diálogo Properties do item de computador.

    Query for applications to be installed on this computer.

    Consultar os aplicativos a serem instalados no computador, conforme configurado na guia Applications da caixa de diálogo Properties do item de computador.

    Query for SMS packages to be installed on this computer.

    Consultar os pacotes a serem instalados no computador, conforme configurado na guia Packages da caixa de diálogo Properties do item de computador.

    Query for administrators to be assigned to this computer.

    Consultar as contas que se tornarão membros do grupo Administrators local no computador de destino, conforme configurado na guia Administrators da caixa de diálogo Properties do item de computador.

  5. Conclua a página do assistente Select role query options usando as informações na Tabela 11 e clique em Next.

    Tabela 11. Informações para preencher a página do assistente Select role query options .

    Marque esta caixa de diálogo

    Quando quiser

    Query for role-specific settings.

    Consultar as definições configuradas na guia Details da caixa de diálogo Properties do item de função.

    Query for applications to be installed for this role.

    Consultar os aplicativos a serem instalados nos computadores que executam essa função, conforme configurado na guia Applications da caixa de diálogo Properties do item de função.

    Query for SMS packages to be installed for this role.

    Consultar os pacotes a serem instalados nos computadores que executam essa função, conforme configurado na guia Packages da caixa de diálogo Properties do item de função.

    Query for administrators to be assigned for this role.

    Consultar as contas que se tornarão membros do grupo Administrators local nos computadores que realização essa função, conforme configurado na guia Administrators da caixa de diálogo Properties do item de função.

  6. Conclua a página do assistente Select location query options. usando as informações na Tabela 12 e clique em Next.

    Tabela 12. Informações para preencher a página do assistente Select location query options .

    Marque esta caixa de diálogo

    Quando quiser

    Query for location names based on default gateways.

    Consultar nomes de locais com base nos endereços IP dos gateways padrão configurados na guia Identity da caixa de diálogo Properties do item de local.

    Query for location-specific settings.

    Consultar as definições configuradas na guia Details da caixa de diálogo Properties do item de local.

    Query for roles assigned for this location.

    Consultar as funções associadas ao local na guia Roles da caixa de diálogo Properties do item de local.

    Query for applications to be installed for this location.

    Consultar os aplicativos a serem instalados nos computadores de destino no local configurado na guia Applications da caixa de diálogo Properties do item de local.

    Query for SMS packages to be installed for this location.

    Consultar os pacotes a serem instalados nos computadores de destino no local, conforme configurado na guia Packages da caixa de diálogo Properties do item de local.

    Query for administrators to be assigned for this location.

    Consultar as contas que se tornarão membros do grupo Administrators local nos computadores de destino no local, conforme configurado na guia Administrators da caixa de diálogo Properties do item de local.

  7. Conclua a página do assistente Select make and model query options. usando as informações na Tabela 13 e clique em Finish.

    Tabela 13. Informações para preencher a página do assistente Select make and model query options .

    Marque esta caixa de diálogo

    Quando quiser

    Query for model-specific settings.

    Consultar as definições configuradas na guia Details da caixa de diálogo Properties do item de marca e modelo.

    Query for roles assigned to computers with this make and model.

    Consultar as funções associadas à marca e ao modelo na guia Roles da caixa de diálogo Properties do item de marca e modelo.

    Query for applications to be installed on computers with this make and model.

    Consultar os aplicativos a serem instalados nos computadores de destino com a marca e o modelo configurados na guia Applications da caixa de diálogo Properties do item de marca e modelo.

    Query for SMS packages to be installed on computers with this make and model.

    Consultar os pacotes a serem instalados nos computadores de destino com a marca e o modelo configurados na guia Packages da caixa de diálogo Properties do item de marca e modelo.

    Query for administrators to be assigned to machines with this make and model.

    Consultar as contas que se tornarão membros do grupo Administrators local no computador de destino com a marca e o modelo configurados na guia Administrators da caixa de diálogo Properties do item de marca e modelo.

Após a conclusão de Configure DB Wizard, o arquivo CustomSettings.ini será configurado de forma a realizar as consultas selecionadas. A Listagem 6 ilustra um exemplo do arquivo CustomSettings.ini após a conclusão de Configure DB Wizard.

Listagem 6. Arquivo CustomSettings.ini após a conclusão de Configure DB Wizard

Observação Algumas partes do trecho de código a seguir foram exibidas em várias linhas para ficarem mais legíveis. Elas devem ser inseridas em uma única linha.

[Settings]
Priority=ComputerSettings, ComputerPackages, ComputerApplications,
ComputerAdministrators, ComputerRoles, RoleSettings, RolePackages,
RoleApplications, RoleAdministrators, Locations, LocationSettings,
LocationPackages, LocationApplications, LocationAdministrators,
LocationRoles, MakeModelSettings, MakeModelPackages, 
MakeModelApplications,MakeModelAdministrators,
MakeModelRoles, Default
Properties=MyCustomProperty
[Default]
OSInstall=Y
ScanStateArgs=/v:5 /o /c
LoadStateArgs=/v:5 /c /lac
[ComputerSettings]
SQLServer=W2K3-SP1
Instance=
Database=DWDB
Netlib=DBNMPNTW
SQLShare=
Table=ComputerSettings
Parameters=UUID, AssetTag, SerialNumber, MacAddress
ParameterCondition=OR
[ComputerPackages]
SQLServer=W2K3-SP1
Instance=
Database=DWDB
Netlib=DBNMPNTW
SQLShare=
Table=ComputerPackages
Parameters=UUID, AssetTag, SerialNumber, MacAddress
ParameterCondition=OR
Order=Sequence
[ComputerApplications]
SQLServer=W2K3-SP1
Instance=
Database=DWDB
Netlib=DBNMPNTW
SQLShare=
Table=ComputerApplications
Parameters=UUID, AssetTag, SerialNumber, MacAddress
ParameterCondition=OR
Order=Sequence
[ComputerAdministrators]
SQLServer=W2K3-SP1
Instance=
Database=DWDB
Netlib=DBNMPNTW
SQLShare=
Table=ComputerAdministrators
Parameters=UUID, AssetTag, SerialNumber, MacAddress
ParameterCondition=OR
[ComputerRoles]
SQLServer=W2K3-SP1
Instance=
Database=DWDB
Netlib=DBNMPNTW
SQLShare=
Table=ComputerRoles
Parameters=UUID, AssetTag, SerialNumber, MacAddress
ParameterCondition=OR
[RoleSettings]
SQLServer=W2K3-SP1
Instance=
Database=DWDB
Netlib=DBNMPNTW
SQLShare=
Table=RoleSettings
Parameters=Role
[RolePackages]
SQLServer=W2K3-SP1
Instance=
Database=DWDB
Netlib=DBNMPNTW
SQLShare=
Table=RolePackages
Parameters=Role
Order=Sequence
[RoleApplications]
SQLServer=W2K3-SP1
Instance=
Database=DWDB
Netlib=DBNMPNTW
SQLShare=
Table=RoleApplications
Parameters=Role
Order=Sequence
[RoleAdministrators]
SQLServer=W2K3-SP1
Instance=
Database=DWDB
Netlib=DBNMPNTW
SQLShare=
Table=RoleAdministrators
Parameters=Role
[Locations]
SQLServer=W2K3-SP1
Instance=
Database=DWDB
Netlib=DBNMPNTW
SQLShare=
Table=Locations
Parameters=DefaultGateway
[LocationSettings]
SQLServer=W2K3-SP1
Instance=
Database=DWDB
Netlib=DBNMPNTW
SQLShare=
Table=LocationSettings
Parameters=DefaultGateway
[LocationPackages]
SQLServer=W2K3-SP1
Instance=
Database=DWDB
Netlib=DBNMPNTW
SQLShare=
Table=LocationPackages
Parameters=DefaultGateway
Order=Sequence
[LocationApplications]
SQLServer=W2K3-SP1
Instance=
Database=DWDB
Netlib=DBNMPNTW
SQLShare=
Table=LocationApplications
Parameters=DefaultGateway
Order=Sequence
[LocationAdministrators]
SQLServer=W2K3-SP1
Instance=
Database=DWDB
Netlib=DBNMPNTW
SQLShare=
Table=LocationAdministrators
Parameters=DefaultGateway
[LocationRoles]
SQLServer=W2K3-SP1
Instance=
Database=DWDB
Netlib=DBNMPNTW
SQLShare=
Table=LocationRoles
Parameters=DefaultGateway
[MakeModelSettings]
SQLServer=W2K3-SP1
Instance=
Database=DWDB
Netlib=DBNMPNTW
SQLShare=
Table=MakeModelSettings
Parameters=Make, Model
[MakeModelPackages]
SQLServer=W2K3-SP1
Instance=
Database=DWDB
Netlib=DBNMPNTW
SQLShare=
Table=MakeModelPackages
Parameters=Make, Model
Order=Sequence
[MakeModelApplications]
SQLServer=W2K3-SP1
Instance=
Database=DWDB
Netlib=DBNMPNTW
SQLShare=
Table=MakeModelApplications
Parameters=Make, Model
Order=Sequence
[MakeModelAdministrators]
SQLServer=W2K3-SP1
Instance=
Database=DWDB
Netlib=DBNMPNTW
SQLShare=
Table=MakeModelAdministrators
Parameters=Make, Model
[MakeModelRoles]
SQLServer=W2K3-SP1
Instance=
Database=DWDB
Netlib=DBNMPNTW
SQLShare=
Table=MakeModelRoles
Parameters=Make, Model

Para obter mais informações sobre:

  • Como personalizar o banco de dados de configuração, consulte:

    • “Automatizando a implantação para um computador específico”, no Guia de exemplos de configuração da implantação.

    • “Automatizando a implantação por função”, no Guia de exemplos de configuração da implantação.

    • “Automatizando a implantação por local”, no Guia de exemplos de configuração da implantação.

    • “Automatizando a implantação por marcar e modelo de computador”, no Guia de exemplos de configuração da implantação.

  • Cada propriedade, consulte a seção correspondente para cada propriedade em “Referência de propriedades”, na Referência de configuração.

  • As tabelas e visualizações no banco de dados de configuração, consulte “Tabelas e visualizações no banco de dados da bancada de trabalho de implantação”, na Referência de configuração.

Modificando a lista de versões do BIOS incompatíveis

A seqüência de tarefas padrão para uma compilação inclui a tarefa Check BIOS no grupo de não substituição no grupo de validação. A tarefa Check BIOS executa o script ZTIBIOSCheck.wsf. O script ZTIBIOSCheck.wsf verifica a versão do BIOS (sistema básico de entrada/saída) dos computadores de destino com base na lista de versões do BIOS incompatíveis no arquivo ZTIBIOSCheck.xml.

É possível modificar o arquivo ZTIBIOSCheck.xml de forma a conter a lista de versões do BIOS que são incompatíveis com o sistema operacional de destino na compilação de sistemas operacionais. Você pode modificar ZTIBIOSCheck.xml para cada compilação criada na bancada de trabalho de implantação. O arquivo ZTIBIOSCheck.xml é armazenado no arquivo ponto_distribuição\id_compilação\TS.xml (em que ponto_distribuição é o nome da pasta que é a raiz do ponto de distribuição e id_compilação é o nome do ID de compilação listado na bancada de trabalho de implantação).

Atualize os atributos no arquivo ZTIBIOSCheck.xml listados na Tabela 14 para versão do BIOS incompatível.

Tabela 14. Atributos no arquivo ZTIBIOSCheck.xml

Atributo

Descrição

DESCRIPTION

Descrição de texto do computador de destino que possui uma versão do BIOS incompatível, incluindo referências de texto a possíveis atualizações na versão do BIOS.

Fabricante do computador

O fabricante do computador de destino com uma versão do BIOS incompatível. Esse valor deve corresponder o valor armazenado no BIOS.

Model

O modelo do computador de destino com uma versão do BIOS incompatível. Esse valor deve corresponder o valor armazenado no BIOS.

Data

A data do BIOS para o computador de destino com uma versão do BIOS incompatível. Esse valor deve corresponder o valor armazenado no BIOS.

O arquivo ZTIBIOSCheck.xml contém a origem para um script (ZTIBIOS_Extract_Utility.vbs) que pode ajudá-lo a extrair os atributos listados na Tabela 14.

Para usar o utilitário ZTIBIOS_Extract_Utility.vbs para extrair atributos em um computador de destino

  1. Inicie o Bloco de Notas.

  2. Copie a origem do script a partir do arquivo ZTIBIOSCheck.xml para o Bloco de notas.

  3. Salve a origem do script no Bloco de notas como ZTIBIOS_Extract_Utility.vbs.

  4. Execute ZTIBIOS_Extract_Utility.vbs em um computador de destino que possua um BIOS incompatível.

  5. Atualize ZTIBIOSCheck.xml para incluir o BIOS com base nos atributos recuperados nas etapas anteriores.

Modificando a seqüência de tarefas para uma compilação

Você pode modificar a seqüência para tarefas realizadas referentes a cada compilação definida na bancada de trabalho de implantação. O seqüenciador de tarefas usado pelo BDD 2007 executa essa seqüência de tarefas. As informações de seqüência de tarefas são armazenadas no arquivo ponto_distribuição\id_compilação\TS.xml (em que ponto_distribuição é o nome da pasta que é a raiz do ponto de distribuição e id_compilação é o nome do ID de compilação listado na bancada de trabalho de implantação). You can specify a unique task sequence for each build defined in Deployment Workbench.

Por meio da bancada de trabalho de implantação, é possível:

  • Adicionar novas tarefas.

  • Modificar tarefas existentes.

  • Remover tarefas existentes.

  • Alterar a seqüência de tarefas.

  • Agrupar uma ou mais tarefas.

  • Especificar condições para execução de uma tarefa.

Observação   Embora você pode modificar diretamente o arquivo TS.xml, convém modificar a seqüência de tarefas usando a bancada de trabalho de implantação.

Para modificar a seqüência de tarefas de uma compilação

  1. Inicie a bancada de trabalho de implantação.

  2. Na árvore do console, navegue até Builds.

  3. No painel de detalhes, clique com o botão direito em compilação (em que compilação é a compilação cuja seqüência de tarefas você deseja modificar) e clique em Propriedades.

  4. Clique na guia Task Sequence e modifique a seqüência de tarefas realização as ações apropriadas na Tabela 15.

    Tabela 15. Ações para modificar a seqüência de tarefas de uma compilação

    Ação

    Etapa

    Adicionar uma nova tarefa

    Clique em Add , e em Task

    Adicionar um novo grupo

    Clique em Add , e em Group.

    Adicionar uma etapa de reinicialização

    Clique em Add , e em Reboot.

    Adicionar um aplicativo a ser instalado

    Clique em Add, em Application e em nome (em que nome corresponde ao nome do aplicativo que você deseja instalar).

    Remover uma tarefa existente

    Clique em tarefa (em que tarefa corresponde à tarefa que você deseja remover), e em Remove.

    Remover um grupo

    Clique em grupo (em que grupo corresponde ao grupo que você deseja remover) e em Remove.

    Observação   Remover um grupo remove todas as tarefas e subgrupos nesse grupo.

    Remover uma etapa de reinicialização

    Clique em reinicialização (em que reinicialização é a etapa de reinicialização que você deseja remover), e em Remove.

    Remover um aplicativo a ser instalado

    Clique em aplicativo (em que aplicativo é o aplicativo que você deseja remover) e em Remove.

    Alterar a seqüência

    Clique em item (em que item é a tarefa, o grupo, a etapa de reinicialização ou o aplicativo que você deseja antecipar ou atrasar na seqüência), e clique em direction (em que direction é Up ou Down , sendo que Up faz com o que o item ocorra mais cedo na seqüência e Down faz com ele ocorra mais tarde na seqüência).

    Modificar as propriedades de um grupo

    Clique em grupo (em que grupo corresponde ao nome do grupo que você deseja modificar), clique na guia Properties e modifique as seguintes caixas conforme apropriado:

    • Nome. Nome amigável a ser associado ao grupo.

    • Descrição. Texto para descreve a finalidade do grupo.

    Modificar as propriedades de uma tarefa

    Clique em tarefa (em que tarefa corresponde ao nome da tarefa que você deseja modificar), clique na guia Properties e modifique as seguintes caixas conforme apropriado:

    • Nome. Nome amigável a ser associado ao grupo.

    • Descrição. Texto para descreve a finalidade da tarefa.

    • Command line. O programa a ser executado pela tarefa, incluindo parâmetros.

    • Start in. A pasta padrão na qual executar o programa especificado na caixa Command line.

    Modificar as opções de um grupo

    Clique em grupo (em que grupo corresponde ao nome do grupo que você deseja modificar), clique na guia Options e modifique as seguintes caixas conforme apropriado:

    • Disable this step. Se você selecionar essa caixa, todas as tarefas no grupo serão desabilitadas.

    • Continue on error. Se você selecionar essa caixa, todas as tarefas no grupo continuarão a ser executadas se uma tarefa detectar um erro.

    • Conditions. Adicione critérios para determinar quando o grupo de tarefas deve (ou não) ser executado. É possível usar os botões Add, Remove e Edit para modificar as condições nas quais o grupo de tarefas é executado. Os critérios podem ter como base:

      • Uma instrução IF.

      • Uma variável de seqüência de tarefa.

      • A versão do sistema operacional de destino.

      • Um WQL (WMI Query Language) em um namespace WMI.

        Observação   Todas as condições configuradas para um grupo afetam todas as tarefas nesse grupo.

    Modificar as opções de uma tarefa

    Clique em tarefa (em que tarefa corresponde ao nome da tarefa que você deseja modificar), clique na guia Options e modifique as seguintes caixas conforme apropriado:

    • Disable this step. Se você selecionar essa caixa, todas as tarefas no grupo serão desabilitadas.

    • Success codes. Lista dos códigos de retorno a partir do programa (especificado na caixa Command line) que indica que o programa foi concluído com êxito.

    • Continue on error. Se você selecionar essa caixa, todas as tarefas no grupo continuarão a ser executadas se uma tarefa detectar um erro.

    • Conditions. Adicione critérios para determinar quando o grupo de tarefas deve (ou não) ser executado. É possível usar os botões Add, Remove e Edit para modificar as condições nas quais o grupo de tarefas é executado. Os critérios podem ter como base:

      • Uma instrução IF.

      • Uma variável de seqüência de tarefa.

      • A versão do sistema operacional de destino.

        Um WQL em um namespace WMI.

  5. Ao terminar de modificar a seqüência de tarefas, clique em OK.

Para a LTI, nenhum dos aplicativos instalados durante o processo de implantação pode reinicializar o computador durante o processo de instalação. Se o processo de instalação do aplicativo reinicializar o computador, o Seqüenciador de tarefas retornará um código de falha, e o processo de implantação será encerrado. Para os casos em que for necessário reinicializar o computador, use a tarefa Reboot no Seqüenciador de tarefas em vez de permitir que o processo de instalador de aplicativos realize uma reinicialização.

Para a ZTI, nenhuma reinicialização é permitida.

Cuidado   Não permita que um aplicativo reinicie o computador. O BDD 2007 deve controlar as reinicializações para que a Seqüência de tarefas não falhe. Use a propriedade REBOOT=REALLYSUPPRESS da linha de comando para impedir que alguns aplicativos baseados no Windows Installer reiniciem, por exemplo. É possível fazer com que o BDD 2007 reinicie o computador após a instalação de um aplicativo, marcando a caixa de seleção Reboot the computer after installing this application na caixa de diálogo Application Properties da bancada de trabalho de implantação, conforme descrito no “Apêndice B: configuração do compartilhamento de distribuição” do Guia da equipe de recursos do Computer Imaging System.

Atualizando regras de processamento de implantação

Após a atualização de CustomSettings.ini, é preciso garantir que a versão atualizada esteja incluída nas suas imagens. Para a ZTI, as imagens criadas pelo SMS OSD Feature Pack devem ser atualizadas. Para a LTI, as imagens criadas pela bancada de trabalho de implantação precisam executar o Configure DB Wizard sempre que uma atualização é feita.

Atualizando os pontos de implantação

Sempre que alterações forem feitas na bancada de trabalho de implantação, atualize os pontos de implantação correspondentes na bancada de trabalho de implantação. Isso faz com que todas as imagens e todos os arquivos de configuração de implantação contenham as modificações.

Para atualizar os pontos de implantação

  1. Inicie a bancada de trabalho de implantação.

  2. No console da bancada de trabalho de implantação, na árvore do console, expanda Deploy e clique em Deployment Points.

  3. No painel de detalhes, clique com o botão direito em ponto_implantação (em que ponto_implantação é o nome do ponto de implantação a ser atualizado) e clique em Update.

    A caixa de diálogo Update Deploy Point é exibida e indica o andamento para a atualização do ponto de atualização. A caixa de diálogo é fechada quando o processo é concluído.

  4. Feche todas as janelas abertas.

Observação   Use a opção Update (files only) em vez da opção Update (como mostra acima na etapa 3). A diferença principal entre as duas opções é que Update (files only) não regenera o arquivo .iso ou .wim contendo o Windows PE. Todas as outras atualizações são realizadas.

Atualizando a imagem do SMS OSD Feature Pack

Sempre que você atualizar o arquivo CustomSettings.ini para a ZTI, atualize as imagens correspondentes do SMS OSD Feature Pack.

Observação   Não é necessário realizar essa etapa para a LTI.

Para cada imagem do SMS OSD Feature Pack que precisa ser atualizada, realize as seguintes etapas:

  1. Copie o arquivo CustomSettings.ini modificado para \\nome_servidor\ZTI (em que nome_servidor é o nome do servidor que hospeda a pasta compartilhada).

  2. No servidor do site do SMS ou no computador cliente em que o SMS OSD Feature Pack foi instalado, inicie o SMS Administrator Console.

  3. No SMS Administrator Console, navegue até OSDPackage (em que OSDPackage é o nome da imagem do SMS OSD Feature Pack que você deseja atualizar).

  4. Clique com o botão direito em OSDPackage , aponte para All Tasks e clique em Update Operating System Package Files (em que OSDPackage é o nome da imagem do SMS OSD Feature Pack que você deseja atualizar).

  5. Clique com o botão direito em OSDPackage , aponte para All Tasks e clique em Update Distribution Points (em que OSDPackage é o nome da imagem do SMS OSD Feature Pack que você deseja atualizar).

  6. Feche o SMS Administrator Console.

Atualizando a versão personalizada do Windows PE e do SMS OSD Feature Pack

Sempre que você atualizar a configuração do Windows PE (Microsoft Windows Preinstallation Environment) 2004 ou do Windows PE 2005 para a ZTI (na guia Windows PE 2004/2005 da folha de propriedades do ponto de implantação), atualize a versão personalizada do Windows PE para o SMS 2003 OSD Feature Pack. Depois de atualizar o ponto de distribuição, conclua as etapas nas seções a seguir:

  • “Importing the Customized Version of Windows PE Into the SMS OSD Feature Pack”, no Zero Touch Installation Guide (em inglês)

  • “Creating the SMS OSD Feature Pack Operating System Installation CD”, no Zero Touch Installation Guide (em inglês)

Isso foi útil para você?
(1500 caracteres restantes)
Agradecemos os seus comentários
A Microsoft está realizando uma pesquisa online para saber sua opinião sobre o site do MSDN. Se você optar por participar, a pesquisa online lhe será apresentada quando você sair do site do MSDN.

Deseja participar?
Mostrar:
© 2014 Microsoft