Exportar (0) Imprimir
Expandir Tudo
Este tópico ainda não foi avaliado como - Avalie este tópico

Configurar propriedades do arquivo de log

Atualizado: janeiro de 2005

Aplica-se a: Windows Server 2003, Windows Server 2003 R2, Windows Server 2003 with SP1, Windows Server 2003 with SP2

Para configurar propriedades do arquivo de log

  1. Abra o Serviço de Autenticação da Internet.

  2. Na árvore de console, clique em Log de Acesso Remoto.

  3. No painel de detalhes, escolha Arquivo Local ou SQL Server e, em seguida, siga as instruções apropriadas abaixo:

Arquivo Local

  1. No painel de detalhes, clique com o botão direito do mouse em Arquivo Local e, em seguida, clique em Propriedades.

  2. Na guia Arquivo de Log, em Diretório, digite a localização na qual os arquivos de log deverão ser armazenados. A localização padrão é a pasta raiz_do_sistema\System32\LogFiles.

  3. Em Formato, clique em Compatível com banco de dados. Ou, para manter seus arquivos de log em formato IAS, clique em IAS.

  4. Para abrir novos arquivos de log a intervalos específicos, clique no intervalo que você deseja usar:

    • Para um volume de transações e atividades de log intensos, clique em Diariamente.

    • Para volumes de transações e atividades de log menos intensos, clique em Semanalmente ou Mensalmente.

    • Para armazenar todas as transações em um arquivo de log, clique em Nunca (tamanho de arquivo ilimitado).

    • Para limitar o tamanho de cada arquivo de log, clique em Quando o arquivo de log atingir este tamanho e, em seguida, digite um tamanho de arquivo—depois do qual um novo log será criado. O tamanho padrão é 10 MB.

  5. Para excluir automaticamente os arquivos de log quando o disco está cheio, clique em Excluir arquivos de log antigos quando o disco estiver cheio. Se o arquivo de log mais antigo for o arquivo de log atual, ele não será excluído.

SQL Server

  1. No painel de detalhes, clique com o botão direito do mouse em SQL Server e, em seguida, em Propriedades.

  2. Em Registrar no log as seguintes informações, selecione as informações que deseja registrar:

    • Para registrar todas as solicitações de estatísticas, clique em Solicitações de estatísticas.

    • Para registrar as solicitações de autenticação, clique em Solicitações de autenticação.

    • Para registrar o status periódico, como solicitações de estatísticas provisórias, clique em Status periódico.

  3. Para configurar o número de sessões simultâneas permitido entre o servidor IAS e o banco de dados do SQL Server, digite um número em Número máximo de sessões simultâneas.

  4. Para configurar a origem de dados do SQL Server, clique em Configurar e, em seguida, na guia Conexão, especifique:

    • Para especificar o nome do servidor no qual o banco de dados está armazenado, digite ou selecione um nome em Selecione ou insira um nome de servidor.

    • Para especificar o método de autenticação com o qual fazer logon no servidor, clique em Usar a segurança integrada do Windows NT. Ou clique em Usar nome de usuário e senha específicos e, em seguida, digite as credenciais no Nome de usuário e na Senha.

    • Para permitir uma senha em branco, clique em Senha em branco.

    • Para armazenar a senha, clique em Permitir salvamento de senha.

    • Para especificar a qual banco de dados se conectar no computador que está executando o SQL Server, clique em Selecionar o banco de dados no servidor e, em seguida, selecione um nome de banco de dados na lista.

  5. Para testar a conexão entre o servidor IAS e o computador que está executando o SQL Server, clique em Testar Conexão.

Observações

  • Para abrir o Serviço de Autenticação da Internet, clique em Iniciar, Painel de Controle, clique duas vezes em Ferramentas Administrativas e depois clique duas vezes em Serviço de Autenticação da Internet.

  • Para impedir que os arquivos de log ocupem o disco rígido no qual você os está armazenando, recomenda-se que você os mantenha em uma partição separada da partição do sistema.

  • Para enviar os dados do arquivo de log para coleta por outro processo, você pode configurar o IAS para gravar um pipe nomeado. Para usar pipes nomeados, configure a pasta do arquivo de log como \\.\pipe ou \\Nome_do_Computador\pipe. O programa do servidor do pipe nomeado cria um pipe nomeado denominado \\.\pipe\iaslog.log para aceitar os dados. Na caixa de diálogo Propriedades de arquivo local, em Criar um novo arquivo de log, selecione Nunca (tamanho de arquivo ilimitado) ao usar pipes nomeados.

  • O diretório de arquivos de log pode ser criado usando as variáveis de ambiente do sistema (em vez de variáveis do usuário), como %systemdrive%, %systemroot% e %windir%. Por exemplo, o caminho a seguir, usando a variável de ambiente %windir%, localiza o arquivo de log no diretório de sistema na subpasta \System32\Logs (ou seja, %windir%\System32\Logs\).

  • A mudança de formatos de arquivos de log não faz com que um novo log seja criado. Se você alterar os formatos de arquivos de log, o arquivo ativo no momento da alteração conterá uma mistura dos dois formatos (os registros no início do log terão o formato anterior e os registros no final do log terão o novo formato).

  • Se você estiver administrando um servidor IAS remotamente, não poderá procurar a estrutura do diretório. Se você precisar registrar as informações estatísticas em um servidor remoto, especifique o nome do arquivo de log inserindo um nome de Convenção Universal de Nomenclatura (UNC) como \\Meu_Servidor_de_Log\Compartilhamento_de_Log.

  • Se você não fornecer uma instrução de arquivo completo no Diretório de Arquivo de Log, será usado o caminho padrão. Por exemplo, se você digitar IASLogFile no Diretório de Arquivo de Log, o arquivo estará localizado em raiz_do_sistema\System32\IASLogFile.

Informações sobre diferenças funcionais

  • O seu servidor pode funcionar de forma diferente dependendo da versão e edição do sistema operacional instalado, das permissões da conta e das configurações de menu. Para obter mais informações, consulte Exibindo a Ajuda na Web.

Consulte também

Isso foi útil para você?
(1500 caracteres restantes)
Agradecemos os seus comentários

Contribuições da comunidade

ADICIONAR
Mostrar:
© 2014 Microsoft. Todos os direitos reservados.