Exportar (0) Imprimir
Expandir Tudo

Função de servidor de fluxo contínuo de mídia: Configurando um servidor de fluxo de mídia

Função de servidor de fluxo contínuo de mídia: Configurando um servidor de fluxo contínuo de mídia

Você pode usar o Windows Media Services para disponibilizar o fluxo do conteúdo de áudio e vídeo pela Internet ou por uma intranet. Os clientes podem ser computadores ou dispositivos que reproduzem conteúdo usando um player, como o Windows Media Player, ou computadores que executam o Windows Media Services (chamados de servidores Windows Media) que armazenam em proxy ou em cache ou redistribuem o conteúdo. Os clientes também podem ser aplicativos personalizados desenvolvidos com SDK (kit de desenvolvimento de software) Windows Media Software.

Se você quiser que o computador forneça fluxos de conteúdo de áudio e vídeo aos clientes e a outros servidores Windows Media, configure-o como um servidor de fluxo de mídia.

Observações

  • Este conteúdo não está disponível neste lançamento preliminar.
  • Este recurso não está incluído em computadores que rodam o sistema operacional Microsoft® Windows Server® 2003, Web Edition. Para obter mais informações, consulte Visão geral do Windows Server 2003, Web Edition.

Este tópico explica o procedimento básico para configurar um servidor de fluxo de mídia. Depois de concluir as etapas básicas, você pode executar outras tarefas de configuração, dependendo de como deseja usar o servidor de fluxo de mídia.

Este tópico aborda o seguinte:

Antes de começar

Configurando o servidor de fluxo contínuo de mídia

Próximas etapas: Concluindo tarefas adicionais

Antes de começar

Antes de configurar o computador como um servidor de fluxo de mídia, verifique se:

  • O sistema operacional está configurado corretamente. Na família Windows Server 2003, o Windows Media Services depende da configuração adequada do sistema operacional e seus serviços. Se houver uma nova instalação de um sistema operacional Windows Server 2003, você poderá usar as configurações padrão do serviço. Nenhuma outra ação é necessária. Se você atualizou para um sistema operacional Windows Server 2003, ou se deseja confirmar se os serviços estão configurados corretamente para obter melhor desempenho e segurança, verifique as configurações dos serviços usando a tabela em Configurações padrão de serviços.
  • Todos os volumes de disco existentes usam o sistema de arquivos NTFS. Volumes FAT32 não são protegidos e não dão suporte à compactação de arquivos e pastas, cotas de disco, criptografia de arquivos ou permissões de arquivos individuais.
  • O Firewall do Windows está habilitado. Para obter mais informações, consulte Ajuda: Ativar Firewall do Windows sem exceções.
  • O Assistente de Configuração de Segurança está instalado e habilitado. Para obter informações sobre o Assistente de Configuração de Segurança, consulte Visão geral sobre o Assistente de Configuração de Segurança.

Configurando o servidor de fluxo contínuo de mídia

Para configurar o servidor de fluxo de mídia, inicie o Assistente para configurar o servidor seguindo um destes procedimentos:

  • Em Gerenciar o Servidor, clique em Adicionar ou remover uma função. Por padrão, Gerenciar o Servidor é iniciado automaticamente quando você faz logon. Para abrir Gerenciar o Servidor, clique em Iniciar e em Painel de Controle, clique duas vezes em Ferramentas Administrativas e, em seguida, clique duas vezes em Gerenciar o Servidor.
  • Para abrir o Assistente para Configurar o Servidor, clique em Iniciar, em Painel de Controle, clique duas vezes em Ferramentas Administrativas e, em seguida, em Assistente para Configurar o Servidor.

Na página Função do Servidor, clique em Servidor de fluxo de mídia e em Avançar.

Esta seção aborda os seguintes tópicos:

Resumo das Seleções

Concluindo o Assistente para Configurar o Servidor

Concluindo a configuração da função de servidor de fluxo contínuo de mídia

Removendo a função de servidor de fluxo contínuo de mídia

Resumo das Seleções

Na página Resumo das Seleções, verifique e confirme as opções selecionadas. Se você selecionou Servidor de fluxo de mídia na página Função do Servidor, aparecerá o seguinte:

  • Instalar os Serviços de mídia Windows

Para aplicar as seleções mostradas na página Resumo das Seleções, clique em Avançar. Depois que você clica em Avançar, a página Configurando Componentes do Assistente de Componentes do Windows é exibida e, depois, fechada automaticamente. Não é possível clicar em Voltar ou em Avançar nessa página.

Depois que você clica em Avançar na página Resumo das Seleções, o Assistente para Configurar o Servidor instala o Windows Media Services. Ao contrário de muitos outros serviços, o Windows Media Services é instalado sem qualquer participação do administrador.

Concluindo o Assistente para Configurar o Servidor

Depois que os componentes são configurados, o Assistente para Configurar o Servidor exibe a página Este servidor agora é um servidor de fluxo contínuo de mídia. Para revisar todas as alterações feitas no servidor pelo Assistente para Configurar o Servidor ou para se certificar de que uma nova função foi instalada com sucesso, clique em Log de Configuração do Servidor. O log do Assistente para Configurar o Servidor fica localizado em systemroot\Debug\Configure Your Server.log. Para fechar o Assistente para Configurar o Servidor, clique em Concluir.

Antes de você começar a usar o servidor de fluxo contínuo de mídia, recomendamos as seguintes etapas:

Concluindo a configuração da função de servidor de fluxo contínuo de mídia

Depois que você concluir o Assistente para Configurar o Servidor, o computador estará pronto para ser usado como um servidor de fluxo de mídia básico que pode fornecer conteúdo de mídia digital aos clientes e a outros servidores de fluxo de mídia. Geralmente, é necessária uma configuração adicional, cujas etapas dependem dos seus requisitos. Esta seção explica o procedimento básico para configurar um servidor de fluxo de mídia.

Observação

  • Se você instalou o Windows Media Services no computador, poderá exibir a Ajuda desse programa. Para exibir a Ajuda do Windows Media Services, Iniciar, Executar e digite hh wmserver.chm.

A função do servidor de fluxo de mídia oferece suporte a vários cenários, descritos em detalhes na Ajuda do Windows Media Services. Para obter mais informações, consulte "Cenários" na Ajuda do Windows Media Services. A maioria dos cenários exige que você reconfigure um ponto de publicação existente ou crie um novo. Você precisa tomar uma decisão, ou talvez duas, e os resultados determinarão qual das três configurações de ponto de publicação deve ser usada. A tabela abaixo mostra como as decisões influenciam as configurações.

 

Se você E deseja usar Usa esta configuração de ponto de publicação

Quer que os clientes controlem a reprodução

Uma conexão de servidor por cliente

Difusão ponto a ponto por demanda

Não quer que os clientes controlem a reprodução

Uma conexão de servidor por cliente

Difusão, difusão ponto a ponto

Não quer que os clientes controlem a reprodução

Uma conexão de servidor, compartilhada por todos os clientes

Difusão, difusão seletiva

Controle da reprodução

Controlar a reprodução significa que o cliente deve ser capaz de iniciar, interromper, pausar, retroceder e avançar o conteúdo da mídia digital. Com a difusão ponto a ponto por demanda, o cliente controla a reprodução e a experiência do usuário é semelhante à reprodução de um filme em um aparelho de videocassete ou DVD. Esse tipo de reprodução requer um ponto de publicação por demanda. Um ponto de publicação por demanda distribui conteúdo pré-gravado, como arquivos de áudio e vídeo. Quando você adiciona a função de servidor de fluxo contínuo de mídia, o assistente cria um ponto de publicação por demanda chamado <Padrão>. Você pode distribuir seus arquivos de mídia a partir deste ponto de publicação ou criar outro ponto de publicação. As etapas de configuração de um ponto de publicação por demanda são semelhantes àquelas apresentadas no tópico "Arquivos de fluxo contínuo do Windows Media por demanda" da Ajuda do Windows Media Services. Se você optar por usar um ponto de publicação por demanda, deverá usar a entrega por difusão ponto a ponto.

Se o cliente não controlar a reprodução, a experiência do usuário será semelhante a assistir um programa de televisão. Esse tipo de reprodução requer um ponto de publicação de difusão. Esse tipo de ponto de publicação distribui conteúdo pré-gravado e ao vivo. Quando você adiciona a função de servidor de fluxo contínuo de mídia, o assistente cria um ponto de publicação de difusão chamado Sample_Broadcast com o conteúdo de amostra. Deixe esse ponto de publicação de difusão de amostra intacto e crie um novo ponto de publicação de difusão. Se você optar por criar um ponto de publicação de difusão, consulte Conexões de servidor.

Para obter mais informações sobre tipos de ponto de publicação por demanda e de difusão, consulte "Sobre os tipos de pontos de publicação" na Ajuda do Windows Media Services.

Conexões do servidor

Com o unicast, o servidor cria uma conexão separada para cada cliente. Como resultado, a entrega do unicast pode consumir uma grande quantidade de largura de banda da rede. Por exemplo, a entrega do mesmo conteúdo a 100 clientes simultaneamente consome 100 vezes a largura de banda de rede usada na entrega do conteúdo a um cliente. No entanto, a entrega de unicast não exige a configuração de roteadores e chaves da rede. As etapas para configurar um ponto de publicação são semelhantes àquelas apresentadas no tópico "Usar o servidor para publicar conteúdo ao vivo do Windows Media Encoder" da Ajuda do Windows Media Services. Para obter mais informações sobre a entrega por difusão ponto a ponto, consulte "Entregando conteúdo como fluxo de difusão ponto a ponto" na Ajuda do Windows Media Services.

Com o multicast, o servidor não cria uma conexão com o cliente. Em vez disso, ele entrega o conteúdo a um endereço IP de classe D na rede, e qualquer cliente da rede pode recebê-lo. Isso preserva a largura de banda da rede. Por exemplo, uma entrega de multicast a 100 clientes consome a mesma largura de banda usada na entrega para um cliente. No entanto, muitas redes, por padrão, não aceitam a entrega de multicast. Para oferecer suporte à entrega de multicast, os roteadores e comutadores da rede entre o servidor e os clientes devem ser configurados para transmitir endereços IP de classe D e interpretar pacotes de informações de multicast. As etapas para configurar um ponto de publicação de difusão seletiva são semelhantes àquelas apresentadas no tópico "Usar o servidor para difundir um fluxo publicado pelo Windows Media Encoder" da Ajuda do Windows Media Services. Para obter mais informações sobre a entrega por difusão seletiva, consulte "Entregando conteúdo como fluxo de difusão seletiva" na Ajuda do Windows Media Services.

Usando firewalls

Se você planeja transferir conteúdo de um servidor Windows Media de uma rede para clientes na Internet, talvez seja necessário abrir portas adicionais no firewall para evitar que os clientes tenham problemas de recebimento de conteúdo. Além disso, para ter certeza de que o conteúdo estará sempre disponível para os clientes que se conectarem ao servidor usando uma URL iniciada por um moniker (mms://) do MMS (Microsoft Media Server), verifique se as portas do firewall estão abertas para todos os protocolos que podem ser usados durante sobreposição de protocolo. Para obter mais informações, consulte "Usando firewalls" na Ajuda do Windows Media Services.

Removendo a função de servidor de fluxo contínuo de mídia

Se for necessário reconfigurar seu servidor para uma outra função, você poderá remover funções existentes do servidor. Se você remover a função do servidor de fluxo de mídia, os clientes não poderão mais se conectar aos pontos de publicação desse servidor, e os codificadores não poderão mais enviar fluxos de mídia através do servidor. Todo o conteúdo armazenado ou distribuído neste servidor ficará indisponível.

Para remover a função do servidor de fluxo de mídia, inicie o Assistente para Configurar o Servidor seguindo um destes procedimentos:

  • Em Gerenciar o Servidor, clique em Adicionar ou remover uma função. Por padrão, Gerenciar o Servidor é iniciado automaticamente quando você faz logon. Para abrir Gerenciar o Servidor, clique em Iniciar e em Painel de Controle, clique duas vezes em Ferramentas Administrativas e, em seguida, clique duas vezes em Gerenciar o Servidor.
  • Para abrir o Assistente para Configurar o Servidor, clique em Iniciar, em Painel de Controle, clique duas vezes em Ferramentas Administrativas e, em seguida, em Assistente para Configurar o Servidor.

Na página Função do Servidor, clique em Servidor de fluxo de mídia e em Avançar. Na página Confirmação de Remoção de Função, verifique os itens listados em Resumo, marque a caixa de seleção Remover a função de servidor de fluxo contínuo de mídia e clique em Avançar. Depois que você clica em Avançar, a página Configurando Componentes do Assistente de Componentes do Windows é exibida e, depois, fechada automaticamente. Não é possível clicar em Voltar ou em Avançar nessa página. Na página Função de Servidor de Fluxo Contínuo de Mídia Removida, clique em Concluir.

Próximas etapas: Concluindo tarefas adicionais

Até este ponto, você instalou o Windows Media Services: A instalação acrescentou o Windows Media Services ao servidor, instalou o arquivo de Ajuda e criou dois pontos de publicação que contêm o conteúdo de amostra.

A tabela a seguir lista algumas tarefas adicionais que você pode executar no servidor de fluxo de mídia.

 

Tarefa Objetivo da tarefa Referência

Configure opções de segurança.

Controlar o acesso ao servidor de fluxo de mídia e ao seu conteúdo.

"Configurando opções de segurança" na Ajuda do Windows Media Services

Faça um tour.

Familiarizar-se com os recursos do Windows Media Services.

Clique em Iniciar, Executar e digite %systemroot%\system32\windows media\server\admin\mmc\hta\tour_.hta

Reveja os termos e conceitos relativos ao fluxo de mídia.

Familiarizar-se com conceitos relativos a fluxo contínuo de mídia, como difusão ponto a ponto e difusão seletiva, por demanda e difusão, arquivamento, pontos de publicação e conteúdo de anúncios.

"Noções básicas sobre terminologia" na Ajuda do Windows Media Services

Determine quantos servidores de fluxo de mídia são necessários.

Planejar antecipadamente o número de servidores que você precisa instalar.

"Visão geral sobre o sistema de fluxo contínuo de mídia" em Funções do servidor e "Planejando a capacidade" na Ajuda do Windows Media Services

Identifique conflitos de portas.

Evitar problemas quando o Windows Media Services tentar usar a mesma porta TCP do servidor Web.

"Usando fluxo contínuo HTTP e outros serviços no mesmo computador" na Ajuda do Windows Media Services

Reveja as instruções para atualizar uma versão anterior do Windows Media Services.

Assegurar que você saiba fazer a atualização de outros servidores que executam versões anteriores do Windows Media Services.

"Atualizando o Windows Media Services" na Ajuda do Windows Media Services

Habilite o serviço de áudio do Windows.

Por padrão, o serviço de Áudio do Windows fica desabilitado em uma nova instalação do Windows Server 2003, Datacenter Edition ou do Windows Server 2003, Enterprise Edition. Isso não impede que o servidor forneça fluxo de áudio aos clientes, mas você deve habilitar o áudio para testar a reprodução do conteúdo no servidor.

Ativar ou desativar um serviço para um perfil de hardware

Inicie a interface de gerenciamento do Windows Media Services.

Configurar o servidor de fluxo de mídia.

Clique em Iniciar, Executar e digite %systemroot%\system32\windows media\server\admin\mmc\wmsadmin.msc

Gerencie o servidor de fluxo de mídia

Configurar o servidor de fluxo de mídia para fornecer fluxo do conteúdo pela intranet ou pela Internet. Antes de começar a fornecer o fluxo de conteúdo, você deve definir as configurações do servidor que executa o Windows Media Services, adicionar e configurar pontos de publicação e configurar o conteúdo.

"Gerenciando o servidor Windows Media" na Ajuda do Windows Media Services

Registre dados e eventos.

Registrar a atividade de clientes que se conectam ao seu conteúdo.

"Registrando dados e eventos" na Ajuda do Windows Media Services

Gerencie e produza conteúdo.

Métodos e prioridades de gerenciamento de conteúdo variarão de um projeto para outro com base em diferentes fatores, como demografia do público, tipo de conteúdo e equipamento disponível.

"Gerenciamento e produção de conteúdo" na Ajuda do Windows Media Services

Decida como você obterá conteúdo no Windows Media Encoder.

Determinar se você quer configurar o codificador para forçar um fluxo ao servidor ou configurar o servidor para puxar um fluxo do codificador.

"Originando de um codificador" na Ajuda do Windows Media Services

Implemente um sistema de cache/proxy.

Armazenar o conteúdo de fluxo mais recente para uso por outros clientes que procuram o mesmo material. Durante difusões ao vivo, os servidores cache/proxy podem executar uma tarefa chamada divisão de fluxo, que permite que vários clientes de difusão ponto a ponto recebam o conteúdo enquanto somente um único fluxo é enviado do servidor de origem.

"Implementando um sistema cache/proxy" na Ajuda do Windows Media Services

Administrar o servidor de fluxo contínuo de mídia remotamente.

Para gerenciar o servidor de fluxo contínuo de mídia de outros computadores na rede.

"Usando o Windows Media Services Administrator for the Web" na Ajuda do Windows Media Services.

Isso foi útil para você?
(1500 caracteres restantes)
Agradecemos os seus comentários

Contribuições da comunidade

ADICIONAR
Mostrar:
© 2014 Microsoft