Exportar (0) Imprimir
Expandir Tudo

Planejando a implantação do Internet Explorer 8

Para instalar o Windows® Internet Explorer® 8 com êxito, você deve planejar os processos e as estratégias de implantação. Ao compreender como planejar e automatizar a instalação de seu navegador, você pode reduzir os custos da migração e assegurar uma transição suave para o Internet Explorer 8. Esta seção descreve como planejar sua implantação.

Avaliando os requisitos do sistema

As equipes de projeto devem estudar a documentação técnica do Internet Explorer 8 e identificar os requisitos do sistema para a implantação. As equipes podem revisar as seguintes fontes de informações técnicas:

Requisitos do Assistente para Personalização do IEAK 8

O IEAK 8 tem os seguintes requisitos de sistema operacional:

  • Internet Explorer 8

  • Windows XP SP2, Windows Server 2003 SP1 ou Windows Vista

Se possível, você deve instalar o IEAK 8 no sistema operacional de mesma versão dos computadores de destino para os quais está criando o pacote personalizado.

Antes de iniciar o Assistente para Personalização do Internet Explorer 8, verifique a quantidade de espaço em disco disponível na unidade de destino na qual você criará o pacote personalizado. A unidade de destino pode estar no mesmo computador em que você está executando o Assistente para Personalização, mas isso não é um requisito. Entretanto, é importante que a pasta de destino seja segura.

Antes de criar os pacotes do IEAK 8, certifique-se de que seu computador atende aos seguintes requisitos (além dos requisitos de sistema do Internet Explorer 8):

  • Dependendo do número de componentes que você baixar para incluir em um pacote de instalação, será necessário até 100 MB de espaço em disco.

  • Para cada pacote personalizado que você criar, poderá ser necessário até 100 MB de espaço em disco adicional. Quando você cria um pacote para um tipo de mídia (como CD-ROM), ele é considerado como um pacote separado.

Identificando problemas de migração e compatibilidade de aplicativos

Independentemente de seus usuários executarem atualmente o Internet Explorer ou outro navegador, o planejamento de como migrar esses usuários para o Internet Explorer 8 é crítico. Determine com antecedência se você precisa converter arquivos existentes e programas personalizados.

É importante identificar e resolver os problemas de migração, como problemas de compatibilidade, antes de tentar migrar de seu software de navegador atual para o Internet Explorer 8. Para identificar problemas de migração, teste o processo de migração usando as configurações reais de seus usuários. Os testes permitem identificar soluções, como o melhor método para atualizar sistemas incompatíveis existentes.

Use o Internet Explorer Compatibility Evaluator (no Windows Application Compatibility Toolkit 5) para testar sites e aplicativos a fim de verificar problemas de compatibilidade com o Internet Explorer 8. Após identificar as soluções de migração, documente-as em seu plano de implantação.

Para obter mais informações sobre o Windows Application Compatibility Toolkit 5, consulte a página do Microsoft TechNet Application Compatibility em http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=160112 (a página pode estar em inglês).

Para obter mais informações sobre problemas de migração:

  • Consulte as Notas de Versão do Internet Explorer 8 incluídas no software do navegador.

  • Visite o site de suporte do Internet Explorer 8 em http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkID=160113 (a página pode estar em inglês).

  • Contate o fabricante do software ou hardware existente.

Atualizando de versões anteriores do Internet Explorer

A Instalação do Internet Explorer 8 é executada sobre a versão existente do Internet Explorer e importa as configurações de proxy, os Favoritos e os cookies da versão anterior. Entretanto, talvez seja necessário reinstalar complementos para resolver problemas encontrados durante os testes.

Para obter mais informações sobre como instalar o Internet Explorer 8, consulte a Parte 3: Implantando o Internet Explorer 8 neste guia de implantação.

Usando complementos de navegador existentes anteriormente

Você pode usar a maioria dos aplicativos auxiliares existentes com o Internet Explorer 8 incluindo-os como componentes personalizados quando criar seus pacotes de navegador personalizados. Certamente, parte do desafio está em identificar os complementos que já estão instalados.

Se a sua organização estiver executando o System Center Configuration Manager 2007 ou o Systems Management Server 2003 Service Pack 3, você poderá aproveitar a nova funcionalidade que faz parte da inteligência do ativo que foi adicionada a esses produtos de gerenciamento. Para as organizações que não usam o SCCM ou o SMS, essas informações podem ser recuperadas por meio do WMI e de consultas no Registro nos computadores cliente usando automação e scripts desenvolvidos de maneira independente.

O SCCM e o SMS agora conseguem gerar o inventário e os relatórios sobre os Objetos Auxiliares do IE como parte da funcionalidade comum do hardware e do software. Para acessar essas informações, você deverá executar um relatório SQL em seus bancos de dados do SCCM ou do SMS a fim de retornar informações relevantes. A maioria dos planejadores deve avaliar, pelo menos, o relatório Software 05A-Browser Helper Objects do SCCM, que retorna nativamente o seguinte:

  • ProductVersion. Número de versão da DLL.

  • FileName. O nome real do arquivo .dll.

  • Publisher. O fabricante do componente. Pode estar em branco.

  • Description. Informações úteis que, geralmente, descrevem o componente do Internet Explorer.

Após obter um inventário dos complementos do Internet Explorer, você deverá analisar os resultados, identificar qualquer duplicação ou oportunidade para padronizar as versões (racionalizar), identificar qualquer população significativa de complementos comuns e desenvolver e testar a estratégia de implementação apropriadamente.

Se tiver apenas um pequeno número de complementos em seu ambiente, você deverá apenas instalar o Internet Explorer 8, instalar os complementos e, em seguida, testar e validar as funcionalidades usando recursos de TI. Para populações maiores, você pode escolher mapear os complementos para os usuários e obter a avaliação de especialistas no assunto sobre a funcionalidade dos complementos no Internet Explorer 8.

Para obter mais informações sobre como criar pacotes de navegador personalizados, consulte Personalizando o Internet Explorer 8 usando o IEAK neste guia de implantação.

Resolvendo problemas de compatibilidade

Devido às significativas alterações no código e nos recursos do Internet Explorer 8, alguns softwares existentes anteriormente talvez não sejam compatíveis com o Internet Explorer 8. Você pode corrigir problemas de compatibilidade obtendo atualizações dos fabricantes de software ou migrando para outros aplicativos compatíveis. Os aplicativos internos devem ser avaliados pelos desenvolvedores de sua organização em relação à compatibilidade.

Além disso, as páginas da Web desenvolvidas para outros navegadores da Web e para extensões de script ou HTML proprietárias talvez não funcionem da mesma maneira no Internet Explorer 8. Teste suas páginas da Web para identificar problemas de compatibilidade com o Internet Explorer 8. Talvez seja necessário reprojetar as páginas da Web que não funcionem corretamente.

Você pode testar os aplicativos e os sites com base em navegadores em relação à compatibilidade com o Internet Explorer 8 usando a Internet Explorer Compatibility Test Tool do Application Compatibility Toolkit 5: http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=160114 .

Para obter mais informações sobre o Application Compatibility Toolkit (incluído no Microsoft Deployment Toolkit 2008), consulte: http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkID=160114 (a página pode estar em inglês).

Ele também está disponível como um download separado em: http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkID=160116 (a página pode estar em inglês).

Para obter mais informações sobre problemas de compatibilidade com terceiros, consulte as notas de versão do Internet Explorer 8, incluídas no software Internet Explorer.

Usando ferramentas de implantação adicionais

Ao usar o Assistente para Personalização do Windows Internet Explorer 8 para criar seu navegador personalizado, você talvez deseje usar ferramentas adicionais como parte do processo de implantação. Considere os aplicativos a seguir e como você pode usá-los para dar suporte à sua implantação do Internet Explorer 8:

  • Software Microsoft Systems Management. O SCCM e o SMS podem ajudar a automatizar uma implantação abrangente do Internet Explorer 8 distribuindo e instalando o navegador nos computadores de seus usuários. Essa instalação automatizada exige pouca ou nenhuma intervenção sua ou de seus usuários. Você pode criar um pacote de implantação contendo todos os arquivos de instalação do Internet Explorer 8 e um arquivo de definição de pacote (.sms) que define como o Internet Explorer 8 será instalado nos computadores dos usuários. Em seguida, você pode criar um trabalho para distribuir o seu pacote para os computadores dos usuários.

  • Diretiva de Grupo. O Internet Explorer 8 pode ser distribuído por meio da Diretiva de Grupo, contanto que você primeiro encapsule o arquivo executável em um pacote .msi.

  • Windows Update. O Internet Explorer 8 é fornecido pelo Windows Update como um pacote de instalação de alta prioridade. Se os usuários tiverem acesso direto ao Windows Update, ele fornecerá um caminho de atualização. O Internet Explorer 8 Blocker Toolkit permite que os administradores de TI desabilitem a entrega automática do Internet Explorer 8 pelo Windows Update.

  • Windows System Update Services. Ao usar essa ferramenta, você poderá manter todo o controle sobre quais pacotes serão distribuídos a seus usuários.

  • Pasta de rede compartilhada. Use o IEAK 8 para criar um pacote de instalação e disponibilizá-lo aos usuários em uma pasta de rede compartilhada. Os usuários podem instalar o Internet Explorer 8 acessando a pasta compartilhada e executando o arquivo executável. Você pode fornecer um link para o arquivo em uma mensagem de email ou em uma página da Web. Isso não deve exigir engenharia adicional se os usuários não tiverem direitos administrativos locais em seus computadores.

Considerando as necessidades dos usuários

Ao decidir as opções de configuração a serem instaladas nos computadores de seus usuários, considere as seguintes necessidades dos usuários:

  • Os requisitos de segurança e privacidade do navegador que seus usuários possam ter ou que sua organização possa exigir.

  • As versões de idioma do navegador que você deverá instalar para os usuários.

  • Os recursos de acessibilidade necessários para acomodar os usuários com dificuldades e deficiências.

Fornecendo segurança e privacidade de usuário no ambiente corporativo

noteNote
Esta seção descreve as opções de segurança e privacidade do Internet Explorer 8 que são particularmente importantes para os administradores que precisam proteger as informações, a rede e os usuários dentro do ambiente corporativo. Entretanto, essas opções também podem ser valiosas para outras organizações e outros usuários.

Como os navegadores da Web habilitam os usuários a trocar informações e programas importantes pela Internet e pela intranet, considere os requisitos de segurança necessários para proteger a privacidade de seus usuários, bem como o conteúdo de suas trocas. Você deve fazer escolhas instruídas em relação aos tipos de segurança e privacidade do navegador que deseja implementar para os seus usuários.

O Internet Explorer 8 oferece suporte a uma ampla variedade de protocolos de Internet para a realização segura de transferências de informações e transações financeiras pela Internet ou pela intranet. O Internet Explorer 8 também fornece diversos recursos para ajudar os usuários a assegurar a privacidade de suas informações e a segurança do ambiente de trabalho.

Os usuários podem definir suas próprias opções de segurança e de privacidade no navegador ou você pode pré-configurar essas opções como parte de seus pacotes de navegador personalizados. Ao predefinir essas configurações, você tem a opção de bloqueá-las, impedindo que os usuários as alterarem.

Para obter mais informações sobre como pré-configurar as opções de segurança, consulte Personalizando o Internet Explorer 8 usando o IEAK neste guia de implantação. Para obter mais informações sobre a segurança do Internet Explorer 8, consulte o Guia de Segurança de Desktops do Internet Explorer 8 (a página pode estar em inglês).

Você pode implementar as opções a seguir, dependendo das necessidades de segurança e privacidade de seus usuários:

  • Microsoft Windows Defender. Você pode aprimorar as proteções de segurança e privacidade usando o Windows Defender com o Internet Explorer 8. Ao estender a proteção contra malware no nível do navegador, o Windows Defender ajuda a impedir a entrada de malware no computador por meio de um download.

  • Microsoft SmartScreen. Os desenvolvedores de phishing e outras atividades mal-intencionadas aproveitam a falta de comunicação e o compartilhamento de informações limitado. Com o novo e aprimorado Filtro SmartScreen®, as ferramentas antiphishing exibem as ameaças de sites de impostores que buscam obter informações pessoais, como nomes de usuários, senhas, dados financeiros, entre outros. O SmartScreen também inclui novas ferramentas antimalware para ajudar a impedir que spyware, adware e outros softwares potencialmente perigosos se infiltrem no sistema de seu computador e monitorem todos os seus movimentos.

  • Preferências de privacidade. Cada vez mais, os sites obtêm conteúdo de várias fontes, fornecendo um enorme valor aos consumidores e a sites semelhantes. Geralmente, os usuários não estão cientes de que alguns conteúdos, imagens, anúncios e análises estão sendo fornecidos por sites de terceiros ou que esses sites têm a capacidade de acompanhar o comportamento deles por vários sites. A Filtragem InPrivate fornece aos usuários um nível maior de controle e escolha em relação às informações que os sites de terceiros podem potencialmente usar para acompanhar as atividades de navegação.

  • Zonas de segurança. As zonas de segurança do Internet Explorer 8 o habilitam a dividir a Internet e a intranet em quatro grupos de áreas confiáveis e não confiáveis e a designar as áreas seguras e não seguras específicas às quais pertence determinado conteúdo da Web. Esse conteúdo da Web pode ser qualquer item, desde um arquivo HTML ou de elemento gráfico até um controle Microsoft ActiveX®, miniaplicativos Java ou um programa executável. 

    Depois de estabelecer as zonas confiáveis, você pode definir os níveis de segurança do navegador para cada zona. Em seguida, com base na zona à qual um site pertence, você pode controlar as configurações de controles ActiveX, download e instalação, scripts, gerenciamento de cookies, autenticação de senhas, segurança entre quadros e recursos do Microsoft Virtual Machine (VM).

  • Certificados digitais. A fim de verificar a identidade de indivíduos e organizações na Web e assegurar a integridade de conteúdo, o Internet Explorer 8 usa certificados digitais padrão do setor e a tecnologia Microsoft Authenticode® 2.0. Em conjunto com as zonas de segurança, os certificados permitem que você controle o acesso de usuários a conteúdos online com base no tipo, na fonte e no local do conteúdo. Por exemplo, você pode usar as zonas de segurança em conjunto com os certificados para fornecer aos usuários acesso completo a conteúdos da Web na intranet de sua organização e, também, limitar o acesso a conteúdos de sites restritos da Internet.

  • Classificações de conteúdo. O Supervisor de Conteúdo do Internet Explorer 8 permite que você controle os tipos de conteúdo que os usuários podem acessar na Internet. Você pode ajustar as configurações de classificação de conteúdo para refletir o conteúdo apropriado em quatro áreas: linguagem, nudez, sexo e violência. Também é possível controlar o acesso aprovando ou reprovando a exibição de sites individuais para os usuários.

  • Segurança com base em permissão para o Microsoft Virtual Machine. O Internet Explorer 8 fornece segurança com base em permissão para o Microsoft Virtual Machine e gerenciamento abrangente das permissões concedidas a bibliotecas e miniaplicativos Java. As opções administrativas aprimoradas incluem o controle refinado sobre os recursos concedidos a códigos Java, como acesso ao espaço transitório, a arquivos locais e a conexões de rede. Essas opções permitem que você forneça a um aplicativo alguns recursos adicionais sem fornecer acesso ilimitado a todos os recursos do sistema.

Atendendo às necessidades de versões de idioma

Talvez seja necessário implantar o Internet Explorer 8 em mais de um idioma, dependendo da diversidade de sua comunidade de usuários. Para isso, crie e distribua um pacote de navegador personalizado separado para cada versão de idioma que você deseja implantar. Ao criar pacotes adicionais para versões de idioma diferentes, não é necessário inserir novamente as suas configurações de instalação e navegador.

Para obter mais informações sobre como selecionar o idioma para o seu pacote de navegador personalizado, consulte Personalizando o Internet Explorer 8 usando o IEAK neste guia de implantação.

O suporte multilíngue do Internet Explorer 8 está disponível por meio de duas opções. As versões localizadas do Internet Explorer 8 oferecem suporte completo a idiomas para combinações de idiomas e localidades específicas. Essas versões localizadas podem ser obtidas na página de download do Internet Explorer 8, selecionando-se a versão de idioma apropriada na página de download principal. Outra opção disponível aos usuários que estão executando o Multilingual User Interface (MUI) Pack para Windows XP é o Windows Internet Explorer 8 MUI Pack.

noteNote
Para instalar o suporte multilíngue em computadores com o Windows XP executando o MUI Pack, você pode instalar o Windows Internet Explorer 8 MUI Pack como um componente adicional usando o Assistente para Personalização do Internet Explorer 8 no IEAK 8.

Para baixar o Internet Explorer 8 em idiomas adicionais, consulte http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=160117 (a página pode estar em inglês).

Implementando recursos de acessibilidade

Você talvez precise atender às necessidades de usuários com as seguintes dificuldades e deficiências:

  • Cegueira.

  • Visão subnormal.

  • Surdez.

  • Deficiências físicas que limitam a capacidade de executar tarefas manuais, como usar um mouse.

  • Deficiência cognitiva ou de comunicação.

  • Transtornos convulsivos.

O Internet Explorer 8 fornece vários recursos que beneficiam os usuários com dificuldades e deficiências que usam recursos de acessibilidade de terceiros, como leitores de tela, layouts personalizáveis e outros.

Determinando a mídia e os métodos de instalação

Após executar o Assistente para Personalização do Internet Explorer 8 para criar pacotes de navegador personalizados, você pode usar diversos métodos para distribuí-los a seus usuários. Você pode automatizar as instalações do Internet Explorer 8 com componentes pré-selecionados e configurações de navegador a fim de que nenhuma ação do usuário seja necessária ou você pode permitir que os usuários escolham dentre até dez opções de instalação.

É possível distribuir um pacote personalizado do Internet Explorer 8 de:

  • Sites FTP ou de download na Internet ou na intranet.

  • Compartilhamentos de rede simples (todos os arquivos em um diretório).

  • CD-ROMs.

  • Identidade visual de disco único (personaliza instalações existentes do Internet Explorer 8).

  • SCCM ou SMS.

  • Diretiva de Grupo.

As seções a seguir abordam alguns dos fatores a serem considerados ao escolher a mídia e os métodos de distribuição.

Para obter mais informações sobre como selecionar a mídia para a sua distribuição, consulte Personalizando o Internet Explorer 8 usando o IEAK neste guia de implantação.

Alcançando seus usuários

Identifique a mídia mais adequada para seus usuários. Por exemplo, talvez você precise distribuir seus pacotes de navegador personalizados aos seguintes tipos de usuários:

  • Usuários autônomos. Para os usuários autônomos que não estejam conectados à rede local (LAN), você pode distribuir pacotes de navegador personalizados da Internet ou em CD-ROMs ou outras mídias removíveis.

  • Usuários de acesso remoto. Se os seus usuários acessam a Internet ou a intranet por meio de modems de acesso remoto, poderá ser demorado para eles baixar o pacote de navegador personalizado por meio de seus modems. Em vez de usar a Internet ou a intranet, você pode distribuir o pacote de navegador personalizado a eles em CD-ROMs ou outras mídias removíveis.

  • Usuários da rede local. Para usuários corporativos que se conectam à sua rede, você pode distribuir os pacotes de navegador personalizados de sites de download em sua intranet.

Avaliando problemas de desempenho da rede e de largura de banda

Ao determinar o método de distribuição, considere a capacidade de sua rede e as expectativas de desempenho de seus usuários. Se os seus usuários acessarem os pacotes de navegador personalizados na intranet, os seus métodos de distribuição afetarão o desempenho da rede e a largura de banda disponível. A instalação do Internet Explorer 8 na rede gera uma demanda em relação ao tempo de resposta da rede e ao tempo de conexão. Devem ser escolhidos métodos de distribuição que otimizem a largura de banda e o desempenho da rede.

Por exemplo, se você distribuir os pacotes de navegador personalizados pela Internet a usuários em sua intranet, a distribuição poderá gerar cargas excessivas nos firewalls e nos servidores proxy. Se você distribuir os pacotes de navegador personalizados de um único servidor de download em uma ampla WAN, a distribuição poderá sobrecarregar o servidor e gerar problemas de tráfego entre pontes e roteadores interconectados de sub-redes e LANs. Geralmente, é possível obter o melhor desempenho de rede distribuindo os pacotes de navegador personalizados de servidores de download localizados em vários domínios ou sub-redes de sua intranet.

noteNote
Ao usar o Assistente para Personalização do Internet Explorer 8, você pode especificar sites de download adicionais entre os quais a Instalação alternará automaticamente durante as instalações. Isso fornece um excelente desempenho de download e uma distribuição de carga pela intranet.

Para ajudar a aliviar o impacto causado no desempenho e na largura de banda, você também pode considerar a distribuição de um pacote de navegador menor com um número limitado de componentes de navegador. Por exemplo, os usuários podem instalar uma versão apenas de navegador que inclui a maioria dos componentes usados na Web e, depois, instalar componentes adicionais, conforme necessário, por meio do recurso Instalação por Demanda.

Desenvolvendo um plano de implantação

Para assegurar uma implantação do Internet Explorer 8 com êxito, desenvolva um plano por escrito. O processo de quatro etapas a seguir pode ajudá-lo a concluir seu plano de implantação:

  1. Obter informações de toda a organização. Colete informações das equipes de projeto, dos funcionários, do suporte técnico e de grupos de usuários. Você pode realizar pesquisas ou entrevistas para determinar o escopo completo dos requisitos de implantação de sua organização. Certifique-se de avaliar o impacto em aplicativos Web e da intranet, bem como o uso de controles ActiveX em sua organização.

  2. Identificar e documentar os principais tópicos relacionados à implantação de sua organização. Inclua seções em seu plano de implantação para os seguintes tópicos:

    • Metas de implantação.

    • Fatores críticos para o êxito.

    • Pré-requisitos de instalação.

    • Tarefas, recursos e ferramentas de implantação.

    • Dependências de tarefa e recurso.

    • Orçamento dos recursos necessários para atingir as metas de implantação.

    • Responsabilidades pela tarefa e linhas de tempo para a conclusão.

    • Riscos significativos e planos de contingência.

  3. Testar o plano. Após escrever o plano, teste cada etapa completamente. Verifique todas as estratégias de implantação e identifique potenciais problemas. Atualize o plano com base nos resultados de seus testes.
    Para obter mais informações sobre como testar seu plano de implantação no laboratório, consulte Configurando e administrando um programa piloto neste guia de implantação.

  4. Revisar e aceitar o plano. Finalize o plano de implantação antes de implantar o Internet Explorer 8. Todas as equipes de projeto devem revisar e aceitar o conteúdo do plano antes do início da implantação.

Isso foi útil para você?
(1500 caracteres restantes)
Agradecemos os seus comentários
A Microsoft está realizando uma pesquisa online para saber sua opinião sobre o site do MSDN. Se você optar por participar, a pesquisa online lhe será apresentada quando você sair do site do MSDN.

Deseja participar?
Mostrar:
© 2014 Microsoft