Exportar (0) Imprimir
Expandir Tudo

Migração de servidor AD DS e DNS: tarefas pós-migração

Atualizado: abril de 2009

Aplica-se a: Windows Server 2008 R2

Concluindo a migração

Depois de concluir todas as etapas da migração e verificar a migração do Servidor AD DS (Serviços de Domínio Active Directory) e do Servidor DNS (Sistema de Nomes de Domínio), as próximas tarefas de pós-migração são opcionais.

Desativando o Servidor AD DS e o Servidor DNS no servidor de origem

A desativação do Servidor AD DS e do Servidor DNS no servidor de origem ocorre automaticamente quando você usa a ferramenta Dcpromo para remover o AD DS e rebaixar o servidor de origem para o status de servidor membro. Nesse ponto do processo de migração, você pode se preparar para rebaixar o servidor de origem.

CautionCuidado
Não rebaixe nem desative o servidor de origem até que você esteja certo de que a diretiva corporativa relacionada ao rebaixamento e à desativação do servidor foi atendida. Quando o servidor de origem for rebaixado para ser um servidor membro, redefinido ou retirado de serviço, você não poderá revertê-lo para seu estado operacional anterior.

Para obter instruções sobre como encerrar um controlador de domínio, consulte Encerrando um controlador de domínio (http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkID=128290) (em inglês).

Restaurando a função em caso de falha da migração

Se houver falha na migração do Servidor AD DS, contanto que o servidor de origem não tenha sido rebaixado, você poderá alternar o endereço IP e os nomes do servidor, a fim de reverter para a configuração operacional anterior.

Reverter uma migração

Para reverter uma migração que falhou:

  1. Renomeie o servidor de destino com um nome diferente e exclusivo, e reinicie o servidor.

  2. Desfaça as alterações dos endereços IP usando as instruções no documento Migração da configuração do IP para migrar o endereço IP do servidor de destino de volta para o servidor de origem e colocar o endereço IP do servidor de origem no servidor de destino. Para obter mais informações, consulte o Guia de migração de configuração de IP (http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkID=128513) (a página pode estar em inglês).

  3. Renomeie o servidor de origem com seu nome de servidor original.

  4. Avalie a gravidade do erro de migração. Se o erro de migração for grave, transforme o servidor de destino em um servidor membro.

Nesse ponto, a configuração original do servidor de origem é restaurada e o servidor de origem fornece serviços de controlador de domínio executando o Servidor AD DS e o Servidor DNS.

Tempo estimado de conclusão da reversão

Se o servidor de origem não tiver sido rebaixado para ser um servidor membro, redefinido ou retirado de serviço, você poderá concluir a reversão em, aproximadamente, duas horas.

Solução de problemas de migração

Se houver falha em qualquer procedimento específico de verificação, você terá que solucionar o problema e avaliar o impacto do erro na operação do servidor de destino. Se o impacto for significativo e você não puder corrigir o problema, siga as instruções em Migração de servidor AD DS e DNS: verificando a migração para reverter para a configuração original.

Referências adicionais

Para obter mais informações sobre o processo de migração, consulte os seguintes recursos:

Consulte também

Isso foi útil para você?
(1500 caracteres restantes)
Agradecemos os seus comentários

Contribuições da comunidade

ADICIONAR
A Microsoft está realizando uma pesquisa online para saber sua opinião sobre o site do MSDN. Se você optar por participar, a pesquisa online lhe será apresentada quando você sair do site do MSDN.

Deseja participar?
Mostrar:
© 2014 Microsoft