Exportar (0) Imprimir
Expandir Tudo

Fornecendo suporte a funcionários da área de informações com serviços e armazenamento confiáveis de arquivos

Publicado: fevereiro de 2012

Atualizado: fevereiro de 2012

Aplica-se a: Windows 8, Windows Server 2012



Uma das maiores metas dos profissionais de TI é dar suporte a operadores de informações que usam aplicativos cliente, como um processador de textos, para trabalhar com arquivos armazenados em compartilhamentos de arquivos. Os operadores de informações precisam de altos níveis de disponibilidade e desempenho dos servidores que armazenam seus arquivos. Os profissionais de TI também precisam que esses servidores sejam econômicos, gerenciáveis e criados pensando na segurança.

Diversos recursos foram aprimorados ou adicionados ao Windows Server 2012 em resposta às necessidades dos operadores de informações e profissionais de TI que dão suporte e eles. De modo geral, a maioria desses recursos pode ser dividida entre as três categorias a seguir.

Em resposta aos pedidos dos clientes, tornamos a disponibilidade uma de nossas principais prioridades ao desenvolvermos o Windows Server 2012.

No Windows 8 e no Windows Server 2012, os administradores podem configurar a experiência dos usuários com Arquivos Offline para funcionar sempre offline, mesmo que estejam em uma conexão de rede de alta velocidade. O Windows atualiza os arquivos no cache de Arquivos Offline sincronizando a cada hora em segundo plano, por padrão. Isso soluciona um problema dos clientes, no qual os usuários precisavam alternar entre os modos Online e Offline, dependendo da disponibilidade e das condições da rede, mesmo estando o modo de links lentos (também chamado de modo de conexão lenta) habilitado e configurado com um limite de latência de 1 milissegundo.

Para mais informações, consulte Visão geral de redirecionamento de pasta, arquivos offline e perfis de usuário móvel.

As ferramentas de atualização de servidor existentes são orientadas para servidores autônomos. Usar tais ferramentas em servidores clusterizados pode ser trabalhoso e causar erros, resultando em tempo de inatividade inesperado durante manutenções de atualização necessárias. O recurso CAU (Atualização com Suporte a Cluster) fornece opções para realizar atualizações planejadas nos nós do servidor em um cluster de failover com tempo de inatividade e sobrecarga administrativa mínimos.

Para saber mais, confira Atualizando clusters de failover mantendo ao mesmo tempo a disponibilidade com atualização compatível com cluster: visão geral do cenário.

O failover transparente é uma tecnologia que permite que os servidores de arquivos façam failover para outro nó no cluster de maneira totalmente transparente para os aplicativos que possuem arquivos abertos em compartilhamento de arquivo SMB ou NFS v3 no nó do servidor com falha. O atraso das solicitações de arquivo do aplicativo pode ocorrer por apenas alguns segundos, enquanto as operações são transferidas para o próximo nó no cluster. Combinado à CAU, o failover transparente cuida tanto da manutenção planejada quanto de falhas inesperadas com o mínimo de impacto.

Para saber mais, confira Visão geral do protocolo SMB.

Antes, corrupções do sistema de arquivos poderiam resultar em tempo de inatividade inesperado enquanto o Chkdsk varria o volume e corrigia tais corrupções, sendo o tempo de inatividade proporcional ao número de arquivos do volume.

O Windows Server 2012 apresenta um novo modelo de integridade para o NFTS e uma nova abordagem para o Chkdsk, reduzindo surpresas, colocando o usuário no controle e tornando os computadores mais disponíveis e escalonável. A detecção de corrupções do sistema de arquivos ocorre online, enquanto a correção dos erros é executada em poucos segundos, offline. A meta de design do Windows Server 2012 é possibilitar que os administradores implantem grandes volumes com confiança, inclusive volumes de 64 TB, sem precisar se preocupar com disponibilidade e escalabilidade.

Os Espaços de Armazenamento permitem virtualizar o armazenamento com o agrupamento de discos, econômicos e no padrão do mercado, em pools de armazenamento. Eles são, então, criados (chamados de discos virtuais no Gerenciador do Servidor) com a capacidade disponível nos pools de armazenamento.

Os Espaços de Armazenamento ajudam a aumentar a disponibilidade de dados críticos para os negócios de maneira econômica, independentemente de você trabalhar em uma grande empresa, empresa de hospedagem ou pequena empresa. Os Espaços de Armazenamento reduzem os custos de administração através da redução do tempo gasto pelos administradores para provisionamento de armazenamento. Eles também simplificam as tarefas de administração, permitindo que os administradores que não sejam profissionais de armazenamento configurem e gerenciem o armazenamento flexível e de alta disponibilidade. Os Espaços de Armazenamento também reduzem os custos de hardware, permitindo o uso de discos com o padrão do mercado para armazenamento flexível de até petabytes, com alta disponibilidade.

Para saber mais, confira Visão geral de Serviços de Arquivo e Armazenamento.

Para filiais que se conectarem por redes WAN (redes de longa distância) com alta latência, reduzir o número de viagens entre um cliente e um servidor melhorará drasticamente os tempos de resposta dos aplicativos. A concessão de diretórios é uma melhoria do protocolo SMB existente que reduz o número de viagens de ida e volta entre o cliente e o servidor.

Com a concessão de diretórios, os computadores cliente solicitam um bloqueio de concessão nas informações do diretório (que contém os metadados de arquivo), permitindo que o Windows armazene as informações em cache por períodos mas longos. Como muitos aplicativos de usuário final acessam metadados de arquivos com frequência, armazená-los por mais tempo reduz as viagens pelas quais o cliente precisa aguardar, melhorando o tempo de resposta do aplicativo.

Para saber mais, confira Visão geral do protocolo SMB.

Reconhecemos que a economia é uma das nossas principais prioridades, competindo com a disponibilidade pelo primeiro lugar.

O Windows Server 2012 identifica discos virtuais provisionados dinamicamente (não confundir com discos rígido virtuais, ou VHDs) criados em um pool de armazenamento e habilita a recuperação transparente da capacidade quando os arquivos são excluídos. Isso aprimora a utilização da capacidade quando usado em conjunto com o subsistema Espaços de Armazenamento ou um subsistema de armazenamento de terceiros.

Aplicativos sofisticados podem identificar discos provisionados dinamicamente usando a WMI (Instrumentação de Gerenciamento do Windows) ou o Windows PowerShell, podendo invocar comandos para recuperar a capacidade de arquivos excluídos, conforme apropriado. Os aplicativos serão notificados por eventos padrão do Windows sempre que a capacidade disponível no pool de armazenamento subjacente de um disco virtual provisionado dinamicamente estiver abaixo de um limite especificado, permitindo que os aplicativos tomem ações apropriadas.

Para recuperar a capacidade não usada em discos virtuais provisionados dinamicamente e realizar outras tarefas de otimização, o novo Otimizador de Armazenamento é executado automática e periodicamente. Juntos, esses aprimoramentos permitem que os administradores separem os requisitos de implantação das decisões de compra e livrem-se da carga de prever com precisão os requisitos futuros de capacidade de armazenamento.

Para saber mais, confira Thin Provisioning and Trim Storage Overview.

Ao usar o novo serviço de função Eliminação de Duplicação de Dados para reduzir a quantidade de blocos de dados duplicados no armazenamento, você pode armazenar mais dados em uma determinada quantidade da capacidade de armazenamento do que antes possível com o SIS (Single Instance Storage) ou a compactação do sistema de arquivos NTFS (New Technology File System). Os servidores de arquivos para fins gerais podem reduzir normalmente a utilização da capacidade de armazenamento na proporção de 2:1 (por exemplo, os arquivos que previamente usaram 1 TB usariam 500 GB após a eliminação de duplicação). Os servidores que hospedam dados de virtualização (como por exemplo, arquivos em VHD) geralmente reduzem a utilização da capacidade de armazenamento na proporção de 20:1, o que reduz 1 TB de dados para 50 GB. A eliminação de duplicação de dados representa sobrecarga de CPU e memória mínima e mantém um alto nível de integridade dos dados.

Para saber mais, confira Visão geral de Eliminação de Duplicação de Dados.

O serviço de função BranchCache para Arquivos de Rede, no Windows Server 2012, usa a mesma tecnologia que o serviço de função Eliminação de Duplicação de Dados para reduzir os dados duplicados em conexões WAN. Como resultado, o BranchCache do Windows Server 2012 pode reduzir ainda mais os custos de WAN e melhorar os tempos de resposta de aplicativos para usuários de filiais.

O Windows Server 2012 conta com suporte aprimorado para discos SATA de baixo custo. Esse aprimoramento reduz a possibilidade de inconsistência de metadados devida à falha de energia inesperada em discos rígidos comuns ao permitir que o disco armazene em cache os dados associados tanto quanto seguramente possível. Isso permite que os clientes utilizem com maior confiabilidade unidades SATA econômicas em implantações corporativas.

Antes, quando os usuários tinham acesso negado a um arquivo ou pasta, geralmente em um compartilhamento de arquivos, eles recebiam pouca ajuda para resolver o problema. Muitas vezes, a solução era encontrar o proprietário do compartilhamento de arquivos e enviar um email para ele solicitando acesso. Outras vezes, os usuários ligavam para a assistência técnica ou até mesmo desistiam.

Com a assistência para acesso negado, os administradores do servidor de arquivos podem fornecer mensagens de acesso negado personalizadas aos usuários, incluindo informações para solucionar o problema e a possibilidade de solicitar assistência por email. Ao receber o email solicitando assistência, o proprietário designado da pasta pode ver os detalhes fornecidos pelo Windows para ajudar a determinar por que o usuário teve o acesso negado e tomar as devidas ações.

A assistência para acesso negado poderá reduzir custos de suporte ao possibilitar que os administradores do servidor forneçam aos usuários as ferramentas para resolverem por si mesmos problemas de acesso negado e obter assistência diretamente dos proprietários das pastas quando precisarem de ajuda adicional.

Para saber mais, confira Assistência para acesso negado.

No Windows Server 2012, você pode designar um conjunto de computadores, chamados de computadores primários, para cada usuário do domínio. Isso permite controlar os computadores que usarão Redirecionamento de Pasta, Perfis de Usuário Móvel ou ambos. Por exemplo, o administrador pode escolher para fazer roaming de dados e configurações do usuário entre o desktop e o laptop de um usuário e não fazer roaming das informações quando esse usuário faz logon em qualquer outro computador, como um computador de sala de conferência. Designar computadores primários é um método simples e eficaz de associar os dados e as configurações do usuário a determinados computadores ou dispositivos, simplificar a supervisão do administrador, melhorar a segurança dos dados e ajudar a proteger os perfis de usuário contra danos.

Para mais informações, consulte Visão geral de redirecionamento de pasta, arquivos offline e perfis de usuário móvel.

Um problema de segurança que ocorre ao se transportar dados em redes não confiáveis é a exposição a ataques de interceptação. As soluções existentes para o problema geralmente usam IPsec, aceleradores WAN ou outras soluções de hardware dedicado. Porém, essas soluções são caras de se configurar e manter.

O Windows Server 2012 inclui uma criptografia integrada para o protocolo SMB. Isso proporciona proteção dos dados de ponta a ponta contra ataques de espionagem, sem qualquer custo de implantação adicional. Você terá a flexibilidade de decidir se todo o servidor ou somente compartilhamentos específicos deverão ter a criptografia habilitada. A criptografia de SMB também será relevante para cargas de trabalho de aplicativo do servidor se os dados do aplicativo estiverem em um servidor de arquivos e trafegarem por redes não confiáveis. Com esse recurso, a segurança dos dados é mantida durante o percurso.

Para saber mais, confira Visão geral do protocolo SMB.

A governança e retenção dos dados e conformidade com as normas são responsáveis por uma grande parte dos orçamentos de TI. As tecnologias Controle de Acesso Dinâmico e File Classification Infrastructure incluídas no Windows Server 2012 fornecem novas maneiras de classificar dados, controlar o acesso a eles e obedecer às normas. Elas fornecem autorização e controles de auditoria sofisticados, bem como funcionalidades de classificação de dados que permitem que as organizações apliquem governança das informações a dados não estruturados nos servidores de arquivos. Agora, você terá maior controle sobre os dados do servidor de arquivos, um modelo ACL (lista de controle de acesso) de expressão condicional, autorização centralizada, gerenciamento de políticas de auditoria e dados orientados para os negócios.

Para saber mais, confira Novidades do Gerenciador de Recursos de Servidor de Arquivos.

A função Serviços de Arquivo e Armazenamento no Gerenciador de Servidores permite que você gerencie remotamente vários servidores de arquivos, incluindo os serviços de função e armazenamento, todos de uma única janela.

Essa funcionalidade é criada sobre uma infraestrutura WMI e do Windows PowerShell. Como resultado, o Windows Server 2012 inclui os cmdlets do Windows PowerShell para executar a maioria das tarefas de administração para servidores de arquivos e armazenamento, simplificando a automatização de tarefas comuns.

Para saber mais, confira Visão geral de Serviços de Arquivo e Armazenamento.

O Windows Server 2012 inclui interfaces WMI aprimoradas para redirecionamento de pasta, arquivos offline e perfis de usuário móvel, facilitando a integração de gerenciamento, monitoração e solução de problemas dessas tecnologias nas ferramentas já existentes dos ISVs (fornecedores independentes de software) fornecedores de pacotes de gerenciamento.

Consulte também

Isso foi útil para você?
(1500 caracteres restantes)
Agradecemos os seus comentários

Contribuições da comunidade

ADICIONAR
Mostrar:
© 2014 Microsoft