Exportar (0) Imprimir
Expandir Tudo

Novidades do Gerenciador de Recursos do Servidor de Arquivos

Publicado: fevereiro de 2012

Atualizado: maio de 2012

Aplica-se a: Windows Server 2012

Este tópico descreve os recursos que foram adicionados ao Gerenciador de Recursos do Servidor de Arquivos no Windows Server 2012

Você quis dizer ...

O Gerenciador de Recursos de Servidor de Arquivos fornece um conjunto de recursos que permite gerenciar e classificar dados que são armazenados em servidores de arquivos. O Gerenciador de Recursos de Servidor de Arquivos inclui os seguintes recursos:

  • Infraestrutura de Classificação de Arquivos Proporciona visão dos seus dados, automatizando os processos de classificação de modo que você possa gerenciar seus dados com maior eficiência. Você pode classificar arquivos e aplicar políticas com base nessa classificação. Exemplos de políticas incluem Controle de Acesso Dinâmico para restringir o acesso aos arquivos, criptografia de arquivos e expiração de arquivos. Os arquivos podem ser classificados automaticamente usando regras de classificação de arquivos ou manualmente, modificando as propriedades de um arquivo ou pasta selecionado.

  • Tarefas de Gerenciamento de Arquivos Aplique uma política ou ação aos arquivos, com base em sua classificação. As condições de uma tarefa de gerenciamento de arquivos incluem a localização do arquivo, as propriedades de classificação, data em que o arquivo foi criado, a data da última modificação do arquivo ou a última vez que o arquivo foi acessado. As ações que a tarefa de gerenciamento de arquivos pode tomar incluem a capacidade de expirar arquivos, criptografar arquivos ou executar um comando personalizado.

  • Gerenciamento de Cota Limite o espaço permitido para um volume ou pasta, e cotas poderão ser automaticamente aplicadas às novas pastas que forem criadas em um volume. Você também pode definir modelos de cota que podem ser aplicados a novos volumes ou pastas.

  • Gerenciamento de Triagem de Arquivo Controle os tipos de arquivos que os usuários podem armazenar num servidor de arquivos. Você pode limitar a extensão que pode ser armazenada em seus compartilhamentos de arquivos. Por exemplo, pode criar uma triagem de arquivos que não permita que arquivos com extensão MP3 sejam armazenados em pastas compartilhadas pessoais em um servidor de arquivos.

  • Relatórios de Armazenamento Identifique tendências na utilização do disco e como os seus dados são classificados, além de monitorar tentativas de um grupo selecionado de usuários de salvar arquivos não autorizados.

Os recursos que estão incluídos no Gerenciador de Recursos de Servidor de Arquivos podem ser configurados e gerenciados através do console MMC do Gerenciador de Recursos de Servidor de Arquivos ou utilizando o Windows PowerShell.

A tabela a seguir lista as mudanças que são novas no Gerenciador de Recursos de Servidor de Arquivos no Windows Server 2012

 

Recurso/funcionalidade Novo ou atualizado Descrição

Controle de Acesso Dinâmico

Novo

O Controle de Acesso Dinâmico utiliza a Infraestrutura de Classificação de Arquivos para ajudá-lo a controlar e auditar centralmente o acesso aos arquivos nos servidores de arquivos.

Classificação automática

Atualizado

As atualizações na classificação automática permitem que você obtenha controle mais preciso sobre como os dados são classificados nos seus servidores de arquivos, incluindo classificação contínua, usando o Windows PowerShell para classificação personalizada, atualizações do classificador de conteúdo atual e espaço de nome dinâmico para regras de classificação.

Classificação manual

Novo

A Classificação Manual permite aos usuários classificar arquivos e pastas manualmente, sem a necessidade de criar regras de classificação automática.

Tarefas de gerenciamento de arquivos

Atualizado

As atualizações nas tarefas de gerenciamento de arquivos incluem uma tarefa de gerenciamento de arquivos do Active Directory Rights Management Services (AD RMS), tarefas de gerenciamento contínuo de arquivos e espaço de nome dinâmico para tarefas de gerenciamento de arquivos.

Assistência de acesso negado

Novo

A assistência de acesso negado permite que você personalize a mensagem de erro de acesso negado no Windows 8 que os usuários veem quando não têm acesso a um arquivo ou pasta.

No Windows Server 2012, você pode aplicar governança de dados em seus servidores de arquivos para controlar quem pode ter acesso às informações e auditar quem acessou as informações. O Controle de Acesso Dinâmico permite:

  • Identificar dados classificando arquivos automaticamente ou manualmente.

  • Controlar o acesso aos arquivos, aplicando políticas de acesso central.

  • Auditar o acesso aos arquivos usando políticas de auditoria central para relatórios de conformidade e análise forense.

Qual o valor agregado desta alteração?

As organizações podem definir políticas de acesso e auditoria centrais no Active Directory e utilizá-las para controlar quem pode ter acesso às informações e controlar quem acessou as informações nos servidores de arquivos.

A classificação automática utilizando a Infraestrutura de Classificação de Arquivos foi aprimorada no Windows Server 2012 das seguintes formas:

  • Classificação contínua Configure a Infraestrutura de Classificação de Arquivos para classificar arquivos alguns segundos após terem sido criados ou modificados no servidor de arquivos, sem ter de aguardar a próxima hora agendada para que a classificação ocorra.

  • Classificador do Windows PowerShell Classifique um arquivo automaticamente executando um script do Windows PowerShell que determina a classificação dos arquivos. O classificador do Windows PowerShell facilita a implementação de lógica de classificação personalizada específica para a sua organização. Por exemplo, você pode classificar um arquivo com base em quem o criou ou modificou mais recentemente.

  • Classificador de conteúdo aprimorado Especifique as ocorrências mínima e máxima de uma cadeia de caracteres ou expressão regular. Por exemplo, você poderia classificar um arquivo que contém mais de dez CPFs como tendo informações de identificação pessoal.

  • Espaço de nome dinâmico para regras de classificação Especifique o tipo de informação que uma pasta contém, como dados de aplicativos, dados de grupo ou dados do usuário e, em seguida, configure as regras de classificação com base no tipo de informações no qual você deseja que eles operem.

Na guia Classificação das propriedades do arquivo no Windows Server 2012, a Infraestrutura de Classificação de Arquivos adiciona a capacidade de classificar arquivos manualmente. Você também pode classificar pastas para que qualquer arquivo adicionado à pasta classificada herde as classificações da pasta pai.

Qual o valor agregado desta alteração?

A classificação manual fornece aos usuários e proprietários do conteúdo a capacidade de classificar seus arquivos e pastas utilizando a folha de propriedades desse arquivo ou pasta.

No Windows Server 2012, as tarefas de gerenciamento de arquivos foram atualizadas das seguintes formas:

  • Tarefa de gerenciamento de arquivos do Active Directory Rights Management Services Criptografe automaticamente qualquer arquivo que tenha um protetor AD RMS quando uma determinada condição for satisfeita. Você pode selecionar um modelo de política de direitos do AD RMS existente ou especificar a política manualmente.

  • Tarefas de gerenciamento contínuo de arquivos Configure as tarefas de gerenciamento de arquivos para serem executadas alguns segundos após a criação ou modificação dos arquivos em um servidor de arquivos, quando as propriedades de classificação são definidas como uma condição na tarefa de gerenciamento de arquivos.

    noteObservação
    Não é possível configurar as tarefas de gerenciamento de arquivos de forma contínua se você configurou uma notificação ou se uma agenda fixa está atribuída.

  • Espaço de nome dinâmico para tarefas de gerenciamento de arquivos Especifique o tipo de informação que uma pasta contém, como dados de aplicativos, dados de grupo ou dados do usuário e, em seguida, configure tarefas de gerenciamento de arquivos com base no tipo de informações no qual você deseja que eles operem.

A assistência de acesso negado permite que você personalize a mensagem de erro de Acesso Negado que é exibida quando um usuário executando o Windows 8 não tem acesso a um arquivo ou pasta em um servidor de arquivos. Você pode configurar a mensagem de erro para que o usuário possa solicitar acesso ao arquivo diretamente a partir da caixa de diálogo. Você também pode especificar o grupo de usuários ao qual a solicitação de acesso é enviada usando o Gerenciador de Recursos do Servidor de Arquivos.

Qual o valor agregado desta alteração?

A assistência de acesso negado torna mais fácil para os usuários solucionar seus problemas de acesso, para que obter acesso ao arquivo e pastas de que necessitam de uma forma mais eficiente.

No Windows Server 2012, as ferramentas de linha de comando do Gerenciador de Recursos do Servidor de Arquivos (dirquota.exe, filescrn.exe e storrept.exe) estão preteridos e todas as funcionalidades foram replicadas em cmdlets do Windows PowerShell. As ferramentas de linha de comando ainda existem no produto, mas todas as tarefas de gerenciamento podem ser realizadas usando cmdlets do Windows PowerShell.

noteObservação
Nenhuma das tarefas que requerem uma agenda pode ser configurada usando a linha de comando. Você deve usar os cmdlets do Windows PowerShell no Gerenciador de Recursos do Servidor de Arquivos.

A tabela a seguir fornece recursos adicionais para avaliar o Gerenciador de Recursos do Servidor de Arquivos.

 

Tipo de conteúdo Referências

Avaliação do produto

Novidades do Gerenciador de Recursos do Servidor de Arquivos

Tecnologias relacionadas

Visão geral dos Serviços de Arquivo e Armazenamento

Isso foi útil para você?
(1500 caracteres restantes)
Agradecemos os seus comentários

Contribuições da comunidade

ADICIONAR
A Microsoft está realizando uma pesquisa online para saber sua opinião sobre o site do MSDN. Se você optar por participar, a pesquisa online lhe será apresentada quando você sair do site do MSDN.

Deseja participar?
Mostrar:
© 2014 Microsoft