Exportar (0) Imprimir
Expandir Tudo
Este tópico ainda não foi avaliado como - Avalie este tópico

Introduzindo o Fluxo de Trabalho do Windows PowerShell

Atualizado: agosto de 2012

Aplica-se a: Windows 8, Windows Server 2012

Profissionais e desenvolvedores de TI frequentemente automatizam o gerenciamento de seus ambientes com vários computadores, executando sequências de tarefas de execução longa ou fluxos de trabalho que podem afetar vários dispositivos ou computadores gerenciados ao mesmo tempo. O Fluxo de Trabalho do Windows PowerShell® permite que profissionais e desenvolvedores de TI aproveitem os benefícios dos fluxos de trabalho com os recursos de automação e a facilidade do Windows PowerShell.

O Fluxo de Trabalho do Windows PowerShell é um novo conjunto de recursos que vem no Windows Server® 2012 e no Windows 8 como parte do Windows PowerShell 3.0.

Um fluxo de trabalho é uma sequência de etapas programadas e conectadas que executam tarefas de execução longa ou exigem a coordenação de várias etapas em vários computadores. O Fluxo de Trabalho do Windows PowerShell permite que profissionais e desenvolvedores de TI criem sequências de atividades de gerenciamento de vários computadores ou etapas únicas dentro de um fluxo de trabalho — que sejam de execução longa, reproduzíveis, frequentes, paralelizáveis, interrompíveis e reiniciáveis — como fluxos de trabalho. Por design, os fluxos de trabalho podem ser suspensos e retomados após uma suspensão ou interrupção acidental, como uma interrupção da rede, reinicialização do computador ou falta de energia. Os fluxos de trabalho são migráveis; eles podem ser exportados como arquivos XAML ou importados destes.

Configurações de sessão personalizadas permitem que fluxos de trabalho ou atividades em um fluxo de trabalho sejam executados por profissionais de TI delegados ou subordinados. As configurações de sessão podem conter diferentes credenciais de conta de usuário, que são passadas aos nós gerenciados em diferentes estágios de um fluxo de trabalho, conforme a necessidade.

O Windows PowerShell, introduzido pela primeira vez com o lançamento do Windows Vista® e do Windows Server® 2008, é um mecanismo de automação distribuída, shell de linha de comando e linguagem de scripts criado sobre o Microsoft® .NET Framework. Foi desenvolvido especialmente para automação do gerenciamento do Windows.

O Windows Workflow Foundation (WWF) 4.0 oferece a estrutura declarativa para criação de lógica de aplicativos e serviços, proporcionando aos desenvolvedores uma linguagem mais geral para lidar com tarefas paralelas e assíncronas, bem como outros tipos de processamento complexo. O Windows Workflow Foundation 4.0 inclui alterações significativas em relação às versões anteriores da tecnologia que vinha como parte do .NET Framework 3.0 e 3.5. Para obter mais informações, consulte o artigo sobre novidades no Windows Workflow Foundation 4.0 (http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkID=251922).

A lista a seguir descreve muitos dos benefícios do Fluxo de Trabalho do Windows PowerShell. O Fluxo de Trabalho do Windows PowerShell ajuda a automatizar a distribuição, orquestração e conclusão de tarefas em vários computadores, liberando os usuários e administradores para se concentrarem em tarefas mais gerais.

  • Automatizar tarefas de execução longa em sequência

    Orquestração e monitoramento remoto de tarefas de execução longa. O status e o progresso das atividades (etapas de um fluxo de trabalho) ficam visíveis a qualquer momento.

  • Recuperação de falhas automatizada

    O fluxo de trabalho sobrevive a interrupções planejadas e não planejadas, como reinicializações do computador. Você pode suspender um fluxo de trabalho em execução e depois reiniciá-lo ou retomá-lo do ponto em que foi suspenso. Persistência - o estado e os metadados do fluxo de trabalho são salvos (ou persistem) em pontos específicos - (no começo, no fim e onde o autor especificar), para que você possa retomar o fluxo de trabalho da última tarefa persistida, em vez de reiniciá-lo do começo.

  • Conectar e desconectar

    Os usuários podem se conectar e desconectar da sessão de fluxo de trabalho, mas ele permanece em execução. Por exemplo, você pode fazer logoff do computador cliente ou reiniciá-lo e monitorar o fluxo de trabalho em execução a partir de outro computador (como um computador doméstico), sem interromper o fluxo de trabalho. Os usuários podem se conectar e desconectar do servidor, mas o fluxo de trabalho permanece em execução.

  • Gerenciamento de vários computadores

    Aplique simultaneamente tarefas de fluxo de trabalho a centenas de nós gerenciados. O Fluxo de Trabalho do Windows PowerShell adiciona parâmetros comuns aos fluxos de trabalho automaticamente, como o parâmetro PSComputerName, a fim de possibilitar cenários de gerenciamento de vários computadores. Para obter mais informações sobre parâmetros que estão disponíveis para os fluxos de trabalho inicialmente, consulte o Apêndice.

  • Execução de processos complexos de ponta a ponta em uma única tarefa

    Você pode combinar scripts relacionados que implementam um cenário inteiro em um único fluxo de trabalho.

  • Agendamento de tarefas

    As tarefas de fluxo de trabalho podem ser agendadas e disparadas quando condições específicas são cumpridas, como acontece com qualquer outro cmdlet ou script do Windows PowerShell.

Os fluxos de trabalho são úteis quando suas tarefas têm os seguintes requisitos:

  • Coordenação de tarefas de execução longa

  • São reproduzíveis, frequentes, paralelizáveis, suspendíveis, anuláveis e/ou reiniciáveis

  • Robustez

  • Resiliência e capacidade de recuperação

  • Recursos de suspensão e retomada

  • Persistência de saída, estado e metadados

  • Continua depois que o computador é reiniciado

  • Algumas ou todas as tarefas precisam executar um fluxo de trabalho preexistente em um ambiente do Windows PowerShell

  • Escalabilidade para centenas de nós gerenciados

Os fluxos de trabalho são executados como qualquer outro comando do Windows PowerShell. Os fluxos de trabalho são sobrepostos sobre a infraestrutura de Trabalhos do Windows PowerShell e são executados como trabalhos do Windows PowerShell. Os cmdlets Job são usados para gerenciar os fluxos de trabalho enquanto estão em execução.

Consulte também

Isso foi útil para você?
(1500 caracteres restantes)
Agradecemos os seus comentários

Contribuições da comunidade

ADICIONAR
Mostrar:
© 2014 Microsoft. Todos os direitos reservados.