Exportar (0) Imprimir
Expandir Tudo
1 de 1 pessoas classificaram isso como útil - Avalie este tópico

Notas de versão do Exchange 2013

 

Aplica-se a: Exchange Server 2013

Tópico modificado em: 2014-02-26

Bem-vindo ao Microsoft Exchange Server 2013! Este tópico contém informações importantes e necessárias à implantação bem-sucedida da Atualização Cumulativa 3 para Exchange 2013. Leia este tópico completamente antes de iniciar a sua implantação.

Este tópico contém as seguintes seções:

  • A Instalação solicita incorretamente o .NET Framework 4.0   Se você tentar instalar o Exchange 2013 sem o .NET Framework instalado no computador, a Instalação solicita incorretamente que você instale o .NET Framework 4.0 quando, na verdade, o .NET Framework 4.5 é requerido.

    Para contornar esse problema, instale o .NET Framework 4.5. Você não precisa instalar o .NET Framework 4.0. Para uma lista completa de pré-requisitos, consulte Pré-requisitos do Exchange 2013.

  • Os arquivos XML de configuração de aplicativo do Exchange são substituídos durante a instalação da atualização cumulativa   Quaisquer configurações personalizadas por servidor feitas nos arquivos XML de configuração de aplicativo do Exchange, por exemplo, arquivos web.config em servidores de Acesso para Cliente ou o arquivo EdgeTransport.exe.config em servidores de Caixa de Correio, serão substituídas quando você instalar uma Atualização Cumulativa do Exchange (CU). Certifique-se de salvar essas informações para poder reconfigurar facilmente o servidor após a instalação. Você deve reconfigurar essas configurações após a instalação de uma Atualização Cumulativa do Exchange.

Para obter mais informações sobre como instalar o Exchange 2013, consulte Planejamento e implantação.

  • Aumento de tamanho das caixas de correio ao migrar de versões anteriores do Exchange   Ao mover uma caixa de correio de uma versão anterior do Exchange para o Exchange 2013, o tamanho relatado da caixa de correio pode aumentar em 30% a 40%. O espaço usado pelo banco de dados de caixas de correio não aumentou, somente a atribuição de espaço usado por cada caixa de correio. O aumento no tamanho da caixa de correio se deve à inclusão de todas as propriedades de itens no cálculo da cota, o que proporciona um computação mais precisa do espaço ocupado por itens dentro da caixa de correio. Esse aumento pode fazer que alguns usuários excedam suas cotas de tamanho de caixa de correio quando a caixa deles é movida para o Exchange 2013.

    Para evitar que os usuários excedam suas cotas de tamanho de caixa de correio, aumente os valores de cota do banco de dados ou das caixas de correio para acomodar o novo cálculo de cota. Para configurar os valores de cota de caixa de correio ou do banco de dados, use os parâmetros IssueWarningQuota, ProhibitSendQuota e ProhibitSendReceiveQuota nos cmdlets Set-MailboxDatabase e Set-Mailbox, respectivamente.

  • Talvez os clientes do Outlook 2007 e do Outlook 2010 não consigam baixar o Catálogo de Endereços Offline   Se a URL interna do Catálogo de Endereços Offline (OAB) não puder ser acessada da Internet, talvez os clientes do Outlook 2007 e do Outlook 2010 não consigam baixar o OAB.

    Para solucionar esse problema para os clientes do Outlook 2007 e do Outlook 2010, torne a URL interna do OAB acessível pela Internet. O Outlook 2013 não é afetado por esse problema.

  • A instalação do Exchange 2013 em uma organização existente do Exchange pode fazer com que todos os clientes baixem o OAB   A instalação do primeiro servidor do Exchange 2013 em uma organização existente do Exchange 2007 or Exchange 2010 pode fazer com que todos os clientes na organização baixem uma nóva cópia do OAB, causando saturação da rede e problemas de desempenho do servidor. Esse problema ocorre porque o Exchange 2013 cria um novo OAB padrão na organização que substitui o OAB do Exchange 2007 ou do Exchange 2010. As caixas de correio que não têm um OAB específico atribuído, ou que estão localizadas em um banco de dados de caixa de correios que não tem um OAB específico atribuído, baixarão o novo OAB padrão.

    Para impedir que os clientes baixem uma nova cópia do OAB quando o Exchange 2013 é instalado, atribua um OAB a cada caixa de correio ou ao banco de dados da caixa de correio onde as caixas estão localizadas. Isso precisa ser feito antes de o Exchange 2013 ser instalado na organização.

  • As permissões de pastas públicas podem se perder depois que as caixas de correio de pastas públicas são movidas   Em uma organização Exchange 2013 que utilize Pastas Públicas Modernas e tenha o Exchange 2013 CU2 compilação 15.00.0712.022 instalado, se você mover uma caixa de correio de pasta pública, a estrutura de permissões de algumas pastas públicas poderá se perder. Pode ocorrer perda de permissões nas seguintes situações:

    • Se você mover (via New-MoveRequest) uma caixa de correio secundária de pasta pública, as permissões em qualquer pasta pública (inclusive em pastas bem conhecidas) não armazenadas na caixa de correio secundária de pasta pública podem ser perdidas na caixa de correio secundária de pasta pública e substituídas pela ACL (lista de controle de acesso) padrão. As ACLs originais podem ser restauradas por meio de um evento de sincronização completa, pela execução deste comando:

      Update-PublicFolderMailbox -InvokeSynchronizer <Public Folder Mailbox> -FullSync
      
      
    • Se você mover (via New-MoveRequest) a caixa de correio principal de pasta pública, as permissões em qualquer pasta pública (inclusive em pastas bem conhecidas) não armazenadas nessa caixa de correio de pasta pública serão perdidas e substituídas pela ACL padrão.

    A ACL padrão concede permissões de Autor para Usuários autenticados padrão.

     

    Para contornar esse problema, instale o Exchange 2013 CU2 compilação 15.00.712.024 ou posterior. Para saber mais sobre como baixar a atualização cumulativa mais recente, veja Atualizações cumulativas para o Exchange 2013.

     

    Para saber mais sobre esse problema, incluindo respostas para perguntas comuns, veja os seguintes posts no Blog da Equipe do Exchange.

  • Os cmdlets TransportAgent nos servidores de Cliente para Acesso exigem Windows PowerShell local   Existem um problema nos cmdlets *-TransportAgent que impede que esses cmdlets instalem, desinstalem e gerenciem agentes de transporte em servidores de Acesso para Cliente usando o Shell de Gerenciamento do Exchange. Para instalar, desinstalar e gerenciar agentes de transporte em servidores de Acesso para Cliente, é necessário carregar manualmente o snap-in do Exchange Windows PowerShell e executar os cmdlets *-TransportAgent. Se você tentar instalar, desinstalar ou gerenciar agentes de transporte usando o Shell de Gerenciamento do Exchange, as suas alterações serão aplicadas ao servidor de Caixa de Correio do Exchange 2013 ao qual estiver conectado.

    Para instalar, desinstalar ou gerenciar agentes de transporte em servidores de Acesso para Cliente, faça o seguinte no servidor de Acesso para Cliente que deseja gerenciar:

    CuidadoCuidado:
    Carregar o snap-in do Windows PowerShell Microsoft.Exchange.Management.PowerShell.SnapIn e executar cmdlets que não sejam *-TransportAgent não é suportado e pode resultar em dano irreparável à sua implantação Exchange.
    É necessário ser um Administrador local no servidor de Acesso para Cliente em que você deseja instalar, desinstalar ou gerenciar agentes de transporte. Não oferecemos suporte à modificação de listas de controle de acesso (ACLs) de arquivos do Exchange, diretórios ou objetos do Active Directory.
    ImportanteImportante:
    Execute o procedimento a seguir apenas em servidores de Acesso para Cliente. Não é necessário carregar o snap-in do Exchange Windows PowerShell se quiser gerenciar agentes de transporte em servidores de Caixa de Correio.
    1. Abra uma nova janela do Windows PowerShell.

    2. Execute o seguinte comando.

      Add-PSSnapin Microsoft.Exchange.Management.PowerShell.SnapIn
      
    3. Execute tarefas de gerenciamento de agente de transporte normalmente.

    4. Repita este procedimento em cada servidor de Acesso para Cliente que deseja gerenciar.

  • A autenticação NTLM falha para clientes não pertencentes ao domínio   A autenticação entre um cliente, como o Windows Live Mail, e o Exchange 2013 pode falhar quando as seguintes condições são verdadeiras:

    • Então, o método de autenticação que o cliente usa é NTLM.

    • O computador não ingressou no domínio.

    Para contornar esse problema, execute um destes procedimentos:

    • Ingresse o computador em que o cliente está em execução no domínio.

    • Altere o tipo de autenticação que o cliente usa de NTLM para autenticação Básica por TLS.

  • A autenticação GSSAPI falha quando usada com o cmdlet Send-MailMessage   A autenticação GSSAPI (interface de programa do aplicativo de serviço de segurança genérica) pode falhar quando o cmdlet Send-MailMessage, que é incluído com as instalações padrão do Windows PowerShell, é usado para enviar email autenticado para o Exchange 2013. Se isso acontecer, você verá uma entrada no log de evento Aplicativo, no servidor Acesso para Cliente do Exchange 2013 que recebeu a conexão, contendo estas informações:

    • Origem   MSExchangeFrontEndTransport

    • ID do Evento   1035

    • Descrição   Falha na autenticação de entrada com o erro IllegalMessage para o front-end cliente do conector de recebimento <nome do servidor>. O mecanismo de autenticação é Gssapi. O endereço IP de origem do cliente que tentou se autenticar no Microsoft Exchange é [<endereço IP do cliente>].

    Para contornar esse problema, é preciso remover o método de autenticação Integrated do conector de recebimento cliente, nos servidores Acesso para Cliente do Exchange 2013. Para remover o método de autenticação Integrated de um conector de recebimento cliente, execute o seguinte comando em cada servidor Acesso para Cliente do Exchange 2013 que poderia receber conexões de computadores executando o cmdlet Send-MailMessage:

    Set-ReceiveConnector "<server name>\Client Frontend <server name>" -AuthMechanism Tls, BasicAuth, BasicAuthRequireTLS
    
    
  • As solicitações para acessar caixas de correio do Exchange 2010 talvez não funcionem se houver proxy por meio de servidores Acesso para Cliente do Exchange 2013   Em alguns casos, a solicitação de proxy entre o Exchange 2013 e os servidores Acesso para Cliente do Exchange 2010 Service Pack 3 (SP3), sem a instalação de qualquer pacote cumulativo de atualizações, pode não funcionar corretamente e gerar erros. isso pode acontecer se todas as condições a seguir forem verdadeiras:

    • Um usuário com uma caixa de correio do Exchange 2013 tenta abrir uma vaixa de correio do Exchange 2010 usando um dos seguintes métodos:

      • A opção Abrir Outra Caixa de Correio no Outlook Web App -OU-

      • A opção Outro usuário no Centro de administração do Exchange

    • O servidor de Acesso para Cliente ao qual o usuário está conectado está executando o Exchange 2013.

    • O servidor Acesso para Cliente do Exchange 2010 foi atualizado para o Exchange 2010 SP3 com base na versão RTM (Release to Manufacturing) do Exchange 2010 ou em um service pack anterior do Exchange 2010.

    Se todas as condições acima forem verdadeiras, o usuário não poderá acessar as opções do Outlook Web App do Exchange 2010 do outro usuário e uma página em branco poderá aparecer.

    Para contornar esse problema, instale o Pacote Cumulativo de Atualizações 1 do Exchange 2010 SP3 ou posterior em cada servidor Exchange 2010.

 
Isso foi útil para você?
(1500 caracteres restantes)
Agradecemos os seus comentários
Mostrar:
© 2014 Microsoft. Todos os direitos reservados.