Exportar (0) Imprimir
Expandir Todos

Guia Passo a Passo dos Cenários do Gestor de Servidor

Aplica-se a: Windows Server 2008

O Gestor de servidor é uma nova ferramenta disponível com o Windows Server® 2008 que guia os administradores de tecnologia da informação (TI) através do processo de instalação, configuração e gestão de funções e funcionalidades de servidores que fazem parte do Windows Server 2008.

Este guia passo a passo fornece uma descrição geral do Gestor de servidor e instruções para vários cenários comuns utilizando o Gestor de servidor na sua empresa, centrando-se em funcionalidades novas e melhoradas do Gestor de servidor. Este guia ajuda-o a aprender como o Gestor de servidor funciona como uma ferramenta de gestão, desactivação e implementação de função de servidor. O guia também descreve como o Gestor de servidor ajuda a melhorar a produtividade, de modo a que os profissionais de TI gastem menos tempo a implementar, a gerir e a manter as respectivas infra-estruturas e despenderem mais tempo utilizando pacotes de software do Windows Server 2008 para adicionar valor comercial.

Os cenários descritos neste guia passo a passo incluem tarefas de configuração inicial do servidor bem como a implementação, gestão e remoção de funções e funcionalidades de servidor.

Este guia passo a passo é útil para:

  • Um administrador, planeador ou analista de TI que esteja a avaliar o Windows Server 2008.

  • Um planeador ou designer de TI de uma empresa.

  • Um adoptante inicial do Windows Server 2008.

  • Um arquitecto de TI responsável pela gestão e segurança dos computadores na organização.

  • Um engenheiro de operações de TI responsável pela resolução de problemas e gestão diárias de redes, servidores, sistemas operativos ou aplicações.

  • Um gestor de operações de TI responsável pela gestão de redes e servidores, orçamentos de hardware e software de TI, e decisões técnicas.

O Gestor de servidor torna a administração de servidores mais eficiente ao permitir que os administradores utilizem uma ferramenta para efectuar o seguinte:

  • Visualizar e fazer alterações nas funções e nas funcionalidades instaladas no servidor.

  • Executar tarefas de gestão associadas ao ciclo de vida operacional do servidor, tais como iniciar ou parar serviços e gerir contas de utilizadores locais.

  • Executar tarefas de gestão associadas ao ciclo de vida operacional das funções, serviços de função e funcionalidades instalados no servidor.

  • Determinar o estado do servidor, identificar eventos críticos e analisar e resolver problemas de configuração ou falhas.

Antes de utilizar o Gestor de servidor, recomendamos que se familiarize com as funções, terminologia, necessidades e tarefas de gestão diárias das funções que tenciona instalar no servidor. Para obter informações mais detalhadas sobre as funções de servidor, consulte o TechCenter do Windows Server (http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=48541). (Esta página poderá estar em inglês.)

O Gestor de servidor é instalado por predefinição como parte do processo de configuração do Windows Server 2008. Para utilizar o Gestor de servidor, tem de ter sessão iniciada no computador como membro do grupo Administradores do computador local.

Os cenários seguintes orientam-no através de várias utilizações comuns do Gestor de servidor e das respectivas tecnologias relacionadas: Tarefas de configuração iniciais e Ferramentas de administração do servidor remoto.

Após a Configuração do Windows Server 2008 terminar, um administrador inicia sessão no servidor pela primeira vez e a janela Tarefas de configuração iniciais abre-se automaticamente. O administrador conclui a configuração do servidor novo utilizando os comandos da janela Tarefas de configuração iniciais.

noteNota
Se fechar acidentalmente as Tarefas de configuração iniciais, clique em Iniciar e, em seguida, clique em Executar. Escreva oobe na caixa de texto e Abrir, em seguida, clique em OK ou prima ENTER.

  1. Na janela Tarefas de configuração iniciais, na área Fornecer Informações sobre o Computador, clique em Indicar o nome do computador e o domínio.

  2. No separador Nome do Computador da caixa de diálogo Propriedades do Sistema, clique em Alterar para alterar o nome do computador.

  3. Na caixa de diálogo Alterações de Nome do Computador/Domínio, escreva um nome para este computador e forneça o nome de um domínio ou grupo de trabalho ao qual pretende que o computador adira. Clique em OK.

  4. Para que as alterações do computador e domínio entrem em vigor, reinicie o computador. Pode adiar a execução desta operação até ter concluído o seu trabalho nas Tarefas de configuração iniciais.

  5. Configure as definições de rede para este servidor, tal como a forma como o servidor obtém um endereço IP. Por exemplo, pode configurar definições que determinam a forma como o endereço IP é atribuído. Na janela Tarefas de configuração iniciais, na área Fornecer Informações sobre o Computador, clique em Configurar rede.

  6. Na janela Ligações de Rede, clique em Ficheiro e, em seguida, clique em Nova Ligação de Recepção para criar uma nova ligação de rede para este computador.

  7. Configure Activar a actualização automática e o envio de comentários de acordo com as políticas da sua organização.

  8. Configure a utilização do servidor do Ambiente de Trabalho Remoto de acordo com as políticas da sua organização.

  9. Se pretender abrir as Tarefas de configuração iniciais sempre que um administrador iniciar sessão no computador, seleccione Não mostrar esta janela durante o início de sessão e, em seguida, feche a janela Tarefas de configuração iniciais.

Embora as tarefas de configuração inicial tenham sido concluídas e a janela Tarefas de configuração iniciais esteja agora encerrada, um administrador decidiu activar a actualização automática e os comentários no computador com o Windows Server 2008. O administrador utiliza o Gestor de servidor para modificar as definições, em vez de executar as Tarefas de configuração iniciais de novo. O administrador inscreve o servidor no CEIP (Customer Experience Improvement Program) e activa a actualização automática e a funcionalidade Relatórios de Erros do Windows.

  1. Clique em Iniciar. Aponte para Ferramentas Administrativas e clique em Gestor de Servidor.

  2. Expanda a área Recursos e Suporte, se ainda não estiver aberta.

  3. Clique em Configurar o CEIP, para abrir a caixa de diálogo Configuração do Programa de Melhoramento da Experiência do Cliente.

  4. Seleccione Sim, quero participar no CEIP. Clique em OK.

  1. Se o Gestor de servidor ainda não estiver aberto, abra o Gestor de servidor clicando em Iniciar, apontando para Ferramentas Administrativas e, em seguida, clicando em Gestor de Servidor.

  2. Expanda a área Resumo do Servidor, se ainda não estiver aberta.

  3. Expanda a área Informações de Segurança, se ainda não estiver aberta. Clique em Configurar Actualizações.

  4. Na caixa de diálogo Windows Update, seleccione um dos seguintes procedimentos:

    • Clique em O Windows deverá instalar as actualizações automaticamente para transferir e instalar actualizações à medida que vão ficando disponíveis. Esta é uma operação recomendada.

    • Clique em Deixar-me escolher para abrir a janela Alterar Definições, que permite desactivar as actualizações ou seleccionar a forma como as actualizações são transferidas e instaladas no servidor, se pretender que as actualizações automáticas estejam activadas.

  5. Se tiver aberto a janela Alterar Definições clicando em Deixar-me escolher, quando concluir a execução das alterações, clique em OK.

  1. Abra Gestor de servidor clicando em Iniciar, apontando para Ferramentas Administrativas e, em seguida, clicando em Server Manager.

  2. Expanda a área Recursos e Suporte, se ainda não estiver aberta.

  3. Clique em Activar o Relato de Erros do Windows.

  4. Na caixa de diálogo Configuração do Relato de Erros do Windows, seleccione uma das seguintes opções:

    • Sim, enviar relatórios detalhados automaticamente.

    • Sim, enviar relatórios de resumo automaticamente.

    As outras definições - Perguntar sobre o envio de relatórios sempre que ocorrer um erro e Não quero participar e não perguntar novamente - desactivam o Relatórios de Erros do Windows. Perguntar sobre o envio de relatórios sempre que ocorrer um erro pergunta se pretende relatar erros apenas à medida que ocorrem.

  5. Clique em OK.

Uma empresa acabou de adquirir um novo servidor. O computador novo tem de executar os Serviços de Terminal para fornecer acesso centralizado a aplicações individuais sem a necessidade de fornecer acesso de Ambiente Remoto a cada empregado.

O administrador executa os passos seguintes para adicionar e configurar os Serviços de Terminal.

O administrador do sistema instala a função Serviços de Terminal no computador novo.

  1. Se o Gestor de servidor ainda não estiver aberto, abra o Gestor de servidor clicando em Iniciar, apontando para Ferramentas Administrativas e, em seguida, clicando em Gestor de Servidor.

  2. Adicione os Serviços de Terminal utilizando o Assistente para Adicionar Funções do Gestor de servidor. Seleccione os serviços de função Servidor de Terminais e Acesso Web TS na página Seleccionar Serviços de Função do Assistente para Adicionar Funções.

    noteNota
    O serviço de função Acesso Web TS depende do Servidor Web (IIS) e do WSRM (Windows System Resource Manager). O Gestor de servidor pede que instale o IIS e o WSRM, se ainda não estiverem instalados no computador.

  3. O processo de instalação dos Serviços de Terminal requer um administrador para especificar várias opções de configuração. Preencha as páginas de configuração do Assistente para Adicionar Funções com base nas necessidades da sua organização. Para mais informações sobre como configurar Serviços de Terminal e sobre guias detalhados passo a passo, consulte a página Serviços de Terminal no Windows Server TechCenter (http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=48555). (Esta página poderá estar em inglês.)

O administrador abre os snap-ins do Serviços de Terminal e executa as tarefas de gestão dos Serviços de Terminal na janela Gestor de servidor.

  1. Se o Gestor de servidor ainda não estiver aberto, abra o Gestor de servidor clicando em Iniciar, apontando para Ferramentas Administrativas e, em seguida, clicando em Gestor de Servidor.

  2. No painel de hierarquia, expanda Funções e, em seguida, expanda Serviços de Terminal.

  3. Se os Serviços de Terminal estiverem instalados, mas as ferramentas de gestão de snap-ins dos Serviços de Terminal não aparecerem no painel de hierarquia, feche e, em seguida, reabra os Gestor de servidor.

  4. Abra a Configuração dos Serviços de Terminal e, em seguida, os snap-ins Gestor dos Serviços de Terminal seleccionando os seus objectos no painel de hierarquia.

  5. Na home page de função dos Serviços de Terminal, abra a área Resumo e a área Serviços de Sistema, se ainda não estiverem abertas.

  6. Na área Serviços de Sistema, clique em Parar e, em seguida, em Reiniciar para parar e, em seguida, reiniciar o serviço Serviços de Terminal.

  7. No painel de hierarquia do Gestor de servidor, expanda Diagnóstico.

  8. Expanda Visualizador de Eventos, expanda Vistas Personalizadas e, em seguida, expanda Funções de Servidor.

  9. Se Serviços de Terminal não aparecer como um objecto subordinado de Funções de Servidor, prima F5 para actualizar a consola do Gestor de servidor. Se Serviços de Terminal continuar a não aparecer, feche e, em seguida, reabra o Gestor de servidor.

  10. Para verificar a existência de mensagens de novos eventos, prima F5 ou clique com o botão direito do rato no nó Visualizador de Eventos e, em seguida, clique em Actualizar. Verifique se existem eventos críticos, avisos ou eventos informativos relativamente aos Serviços de Terminal, veja as propriedades de evento e altere as preferências de filtro para eventos.

Após vários meses, o administrador do sistema pretende instalar os Serviços de Terminal num computador mais potente e remover completamente os Serviços de Terminal do servidor no qual está em execução.

  1. Se o Gestor de servidor ainda não estiver aberto, abra o Gestor de servidor clicando em Iniciar, apontando para Ferramentas Administrativas e, em seguida, clicando em Gestor de Servidor.

  2. Abra a área Resumo das Funções, se ainda não estiver aberta.

  3. Clique em Remover funções.

  4. Na página Remover Funções de Servidor do Assistente para Remover Funções, desmarque a caixa de verificação para Serviços de Terminal. Clique em Seguinte.

  5. Após confirmar que pretender remover os Serviços de Terminal, na página Confirmar Selecções de Remoção, clique em Remover.

Um administrador tem a opção de instalação Server Core do Windows Server 2008 em execução. O administrador instala a função Serviços de impressão nesse servidor. Depois, o administrador pretende gerir o servidor remotamente a partir de outro computador que tem uma instalação completa do Windows Server 2008 em execução.

Para gerir a função Serviços de impressão remotamente a partir do computador com a instalação completa do Windows Server 2008, o administrador instala as Ferramentas de administração do servidor remoto.

  1. Abra Gestor de servidor clicando em Iniciar, apontando para Ferramentas Administrativas e, em seguida, clicando em Server Manager. Na secção Funcionalidades da home page do Gestor de servidor, clique em Adicionar funcionalidades.

  2. Na página Seleccionar Funcionalidades do Assistente para Adicionar Funcionalidades, expanda Ferramentas de Administração Remota do Servidor.

  3. Expanda Ferramentas de Administração de Funções e, em seguida, seleccione Ferramentas dos Serviços de Impressão.

    noteNota
    Ao instalar as Ferramentas de administração do servidor remoto não instala quaisquer funções, serviços de função ou funcionalidades num computador. Para cada função, serviço de função ou funcionalidade seleccionada nas Ferramentas de administração do servidor remoto, estará a instalar apenas as ferramentas de gestão e snap-ins que lhe permitem executar tarefas de administração para funções, serviços de função ou funcionalidades especificadas instaladas noutros computadores.

  4. Clique em Seguinte e, em seguida, clique em Instalar.

  5. Uma vez concluída a instalação, feche o assistente.

Para gerir o servidor de impressão remoto e assegurar que é detectável na rede, o administrador reinicia o serviço de spooler de impressão no computador com a instalação Server Core do Windows Server 2008 em execução. Para reiniciar os serviços de spooler no computador com a função Serviços de impressão em execução, escreva os comandos net stop spooler, seguido de net start spooler, na linha de comandos.

Depois de reiniciar o serviço de spooler, o administrador está pronto a gerir os Serviços de impressão remotamente a partir do computador com a instalação completa do Windows Server 2008 em execução.

  1. Abra o snap-in Gestão de Impressão clicando em Iniciar, apontando para Ferramentas Administrativas e, em seguida, clicando em Gestão de Impressão.

  2. Clique com o botão direito do rato no nó Gestão de Impressão na parte superior do painel de hierarquia e, em seguida, clique em Adicionar/Remover Servidores.

  3. Adicione ou procure o nome do servidor que está a executar a função Serviços de impressão.

  4. Clique em OK.

Posteriormente, o administrador decide que os Serviços de impressão não devem ser geridos a partir deste computador. O administrador remove as ferramentas de administração remota para os Serviços de impressão do computador executando a instalação completa do Windows Server 2008.

  1. Abra Gestor de servidor clicando em Iniciar, apontando para Ferramentas Administrativas e, em seguida, clicando em Server Manager. Na secção Funcionalidades da home page do Gestor de servidor, clique em Remover funcionalidades.

  2. Na página Seleccionar Funcionalidades do Assistente para Remover Funcionalidades, expanda Ferramentas de Administração Remota do Servidor e, em seguida, expanda Ferramentas de Administração de Funções.

  3. Desmarque a caixa de verificação para Ferramentas dos Serviços de Impressão. Clique em Seguinte.

  4. Na página Confirmar Opções de Remoção, clique em Remover.

    noteNota
    A remoção das Ferramentas de administração do servidor remoto não remove quaisquer funções, serviços de função ou funcionalidades de um computador. Para cada função, serviço de função ou funcionalidade seleccionada nas Ferramentas de administração do servidor remoto, estará a remover apenas as ferramentas de gestão e snap-ins que lhe permitem executar tarefas de administração para funções, serviços de função ou funcionalidades especificadas instaladas noutros computadores.

  5. Uma vez concluída a remoção, feche o assistente.

Uma empresa adquiriu um novo servidor. O novo computador tem de executar os Serviços de impressão para o departamento de engenharia. Depois de instalar o Windows Server 2008 no computador e de concluir as tarefas de configuração inicial, um administrador de sistema adiciona a função Serviços de impressão ao servidor utilizando a linha de comandos Gestor de servidor.

O administrador pode iniciar a linha de comandos Gestor de servidor e adicionar os Serviços de impressão a partir de qualquer directório no computador local. Primeiro, o administrador adiciona apenas o serviço de função Servidor de Impressão, mas depois decide adicionar os serviços de função Serviço LPD e o Serviço de Impressão Através da Internet.

noteNota
O comando Gestor de servidor não é sensível a maiúsculas e minúsculas.

  1. Abra uma janela Linha de Comandos com privilégios elevados clicando com o botão direito do rato no executável Linha de Comandos ou no objecto Linha de Comandos do menu Iniciar e, em seguida, clicando em Executar como administrador.

  2. Na linha de comandos, escreva o seguinte e, em seguida, prima ENTER:

    ServerManagerCmd.exe -install Print-Server

    noteNota
    ServerManagerCmd.exe também instala automaticamente todas as funções, serviços de função ou funcionalidades. Neste cenário, o Gestor de servidor instala automaticamente o Servidor Web (IIS) e os Serviços de Activação de Processos do Windows.

  3. Quando a instalação estiver concluída, a janela Linha de Comandos apresenta a seguinte mensagem:

    Êxito: Instalação com êxito.

  4. Verifique se o serviço de função Servidor de Impressão dos Serviços de impressão foi instalado escrevendo o seguinte na linha de comandos:

    ServerManagerCmd.exe -query

    Certifique-se de que o item de linha Serviços de impressão está marcado e realçado nos resultados do comando -query e de que o objecto subordinado Servidor de Impressão está também marcado e realçado. Certifique-se também de os outros serviços de função dos Serviços de impressão não estão marcados.

  5. Na linha de comandos, escreva o seguinte e, em seguida, prima ENTER:

    ServerManagerCmd.exe -install Print-Internet Print-LPD-Service

    noteNota
    Pode instalar cada serviço de função adicional individualmente ou utilizar a opção
    –allSubFeatures para instalar todos os elementos subordinados de uma função ou funcionalidade. O Gestor de servidor ignora automaticamente os elementos já instalados no computador, neste caso o serviço de função Servidor de Impressão.

  6. Quando a instalação estiver concluída, a janela Linha de Comandos apresenta a seguinte mensagem:

    Êxito: Instalação com êxito.

  7. Verifique se os serviços de função Serviço LPD e Serviço de Impressão Através da Internet foram instalados escrevendo o seguinte na linha de comandos:

    ServerManagerCmd.exe -query

    Certifique-se de que o item de linha Serviços de impressão está marcado e realçado nos resultados do comando -query e de que todos os serviços de função de Serviços de impressão estão agora marcados e realçados.

Volvidos vários dias, o administrador decide utilizar um computador diferente para servir as necessidades de impressão de computadores baseados em UNIX e remove o Serviço LPD do computador actual. No entanto, o administrador pretende continuar a utilizar o computador actual como um servidor de impressão básico, mantendo o serviço de função Servidor de Impressão. O administrador utiliza a linha de comandos Gestor de servidor para remover apenas o Serviço LPD.

  1. Abra uma janela Linha de Comandos com privilégios elevados, caso ainda não esteja aberta, clicando com o botão direito do rato no executável Linha de Comandos ou no objecto Linha de Comandos do menu Iniciar e, em seguida, clicando em Executar como administrador.

  2. Na linha de comandos, escreva o seguinte e, em seguida, prima ENTER:

    ServerManagerCmd.exe -remove Print-LPD-Service -restart

    Se adicionar -restart à linha de comandos, o computador é automaticamente reiniciado quando a remoção for concluída, se tal for requerido pelo software que está a remover. Nesta instância, é necessário um reinício do servidor para remover completamente o Serviço LPD.

  3. Verifique se o Serviço LPD foi removido do computador escrevendo o seguinte na linha de comandos:

    ServerManagerCmd.exe -query

    Certifique-se de que o objecto Serviços de impressão nos resultados da consulta está marcado e realçado e o Serviço LPD não está.

Volvidos vários meses, o administrador move os serviços de impressão principais para um servidor diferente, de modo a que possam ser atribuídos novos objectivos a este servidor. O administrador remove a função Serviços de impressão completamente deste computador utilizando a linha de comandos.

  1. Abra uma janela Linha de Comandos com privilégios elevados, caso ainda não esteja aberta, clicando com o botão direito do rato no executável Linha de Comandos ou no objecto Linha de Comandos do menu Iniciar e, em seguida, clicando em Executar como administrador.

  2. Na linha de comandos, escreva o seguinte e, em seguida, prima ENTER:

    ServerManagerCmd.exe -remove Print-Services -restart

    Se adicionar -restart à linha de comandos, o computador é automaticamente reiniciado quando a remoção for concluída, se tal for requerido pelo software que está a remover. Nesta instância, é necessário um reinício do servidor para remover os Serviços de impressão.

  3. Verifique se os Serviços de impressão foram removidos do computador escrevendo o seguinte na linha de comandos:

    ServerManagerCmd.exe -query

    Certifique-se de que o objecto Serviços de impressão nos resultados da consulta não está marcado nem realçado.

noteNota
As funções, serviços de função ou funcionalidades que são instalados devido a dependências, tal como o Servidor Web (IIS) e o Serviço de Activação de Processos do Windows, não são removidas com a remoção dos Serviços de impressão.

Um administrador pretender criar um espaço de nomes DFS para facilitar a partilha de ficheiros entre os empregados da empresa. Como estão alojados dados importantes no servidor com os Serviços de ficheiros em execução, é importante fazer uma cópia de segurança do servidor utilizando a subfuncionalidade Cópia de Segurança do Windows Server.

noteNota
Para o esquema completo da linha de comandos do Gestor de servidor, consulte o Web site da Microsoft (http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=81203). (Esta página poderá estar em inglês.)

O administrador cria um ficheiro de resposta XML para utilizar com a linha de comandos Gestor de servidor e adicionar a função Serviços de ficheiros e a subfuncionalidade Cópia de Segurança do Windows Server ao servidor.

  1. Crie o ficheiro de resposta seguinte para a linha de comandos Gestor de servidor e guarde-o numa localização conveniente como um documento XML:

    <?xml version="1.0" encoding="utf-8" ?> <ServerManagerConfiguration Action="Install" xmlns="http://schemas.microsoft.com/sdm/Windows/ServerManager/Configuration/2007/1" xmlns:xs="http://www.w3.org/2001/XMLSchema"> <RoleService Id="FS-DFS-Namespace" /> <Feature Id="Backup" />
    
    noteNota
    Embora o único serviço de função dos Serviços de ficheiros instalados por este ficheiro de resposta seja o Espaço de Nomes DFS, é instalada a função Serviços de ficheiros.

  2. Abra uma janela Linha de Comandos com privilégios elevados, caso ainda não esteja aberta, clicando com o botão direito do rato no executável Linha de Comandos ou no objecto Linha de Comandos do menu Iniciar e, em seguida, clicando em Executar como administrador.

  3. Na linha de comandos, escreva o seguinte e, em seguida, prima ENTER:

    ServerManagerCmd.exe -inputPath < ficheiroderesposta .xml> -whatIf -restart

    O marcador de posição ficheiroderesposta representa o caminho e o nome do ficheiro de resposta XML criado no Passo 1. O parâmetro -whatIf apresenta uma lista de todo o software instalado como resultado do comando, incluindo as funções, serviços de função e funcionalidades dependentes.

    Se adicionar -restart à linha de comandos, o computador é automaticamente reiniciado quando a instalação for concluída, se tal for requerido pelo software que está a remover. Nesta instância, é necessário um reinício do servidor para instalar a subfuncionalidade Cópia de Segurança do Windows Server.

  4. Quando a instalação estiver concluída, a janela Linha de Comandos apresenta a seguinte mensagem:

    Êxito: Instalação com êxito.

  5. Abra a consola Gestor de servidor clicando em Iniciar, apontando para Ferramentas Administrativas e, em seguida, clicando em Server Manager.

  6. Verifique se a função Serviços de ficheiros está instalada com o serviço de função Espaço de Nomes DFS e se está igualmente instalada a subfuncionalidade Cópia de Segurança do Windows Server das Funcionalidades de Cópia de Segurança do Windows Server.

Após a instalação do Espaço de Nomes DFS e da Cópia de Segurança do Windows Server, o administrador utiliza os Serviços de ficheiros e as ferramentas de Cópia de Segurança do Windows Server do Gestor de servidor para gerir o servidor.

  1. Faça uma cópia de segurança do servidor. Para mais informações sobre como fazer uma cópia de segurança do servidor, consulte a Ajuda fornecida com as Funcionalidades de Cópia de Segurança do Windows Server.

  2. Se o Gestor de servidor ainda não estiver aberto, abra o Gestor de servidor clicando em Iniciar, apontando para Ferramentas Administrativas e, em seguida, clicando em Gestor de Servidor.

  3. No painel de hierarquia Gestor de servidor, expanda Funções e, em seguida, seleccione Serviços de Ficheiro para ver a home page de gestão de funções dos Serviços de ficheiros.

  4. Veja o estado das mensagens de eventos e serviços relacionadas com os Serviços de ficheiros. Expanda o nó Serviços de Ficheiro no painel de hierarquia.

  5. Seleccione o nó Gestão de DFS para abrir o snap-in Gestão de DFS. Adicione, remova ou modifique espaços de nomes. Adicione um novo grupo de replicação, seguindo os passos do assistente.

Seis meses depois, o administrador pretende utilizar este computador para executar uma diferente função de servidor. O administrador modifica o ficheiro de resposta para remover todas as funções, serviços de função e funcionalidades instalados neste computador, substituindo o parâmetro –install pelo parâmetro –remove. O administrador adiciona o parâmetro -whatIf ao fim da linha de comandos para gerar uma lista completa das funções, serviços de função e funcionalidades removidos pelo comando.

  1. Crie o ficheiro de resposta seguinte para a linha de comandos Gestor de servidor e guarde-o numa localização conveniente como um documento XML:

    <?xml version="1.0" encoding="utf-8" ?> <ServerManagerConfiguration Action="Remove" xmlns="http://schemas.microsoft.com/sdm/Windows/ServerManager/Configuration/2007/1" xmlns:xs="http://www.w3.org/2001/XMLSchema"> <RoleService Id="FS-DFS-Namespace" /> <Feature Id="Backup-Features" />
    
  2. Abra uma janela Linha de Comandos com privilégios elevados, caso ainda não esteja aberta, clicando com o botão direito do rato no executável Linha de Comandos ou no objecto Linha de Comandos do menu Iniciar e, em seguida, clicando em Executar como administrador.

  3. Na linha de comandos, escreva o seguinte e, em seguida, prima ENTER:

    ServerManagerCmd.exe -inputPath < ficheiroderesposta .xml> -whatIf -restart

    O marcador de posição ficheiroderesposta representa o caminho e o nome do ficheiro de resposta XML criado no Passo 1. O parâmetro -whatIf apresenta uma lista de todo o software removido como resultado do comando, incluindo as funções, serviços de função e funcionalidades dependentes.

    Se adicionar -restart à linha de comandos, o computador é automaticamente reiniciado quando a instalação for concluída, se tal for requerido pelo software que está a remover.

  4. Quando a remoção estiver concluída, a janela Linha de Comandos apresenta a seguinte mensagem:

    Êxito: Remoção com êxito.

  5. Abra a consola Gestor de servidor clicando em Iniciar, apontando para Ferramentas Administrativas e, em seguida, clicando em Server Manager.

  6. Verifique se a função Serviços de ficheiros e a subfuncionalidade Cópia de Segurança do Windows Server ainda estão instaladas no computador.

Uma empresa pretende utilizar o Hyper-V™ para executar máquinas virtuais. O administrador do sistema instala o Hyper-V no computador e, em seguida, gere-o utilizando snap-ins do Gestor de servidor.

ImportantImportante
O cenário do Hyper-V destina-se apenas a computadores com a edição de 64 bits do Windows Server 2008 e que têm suporte ao nível do processador para virtualização. Requisitos de hardware mais específicos para Hyper-V são descritos no Guia Passo a Passo do Hyper-V no Windows Server TechCenter (http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=98822). (Esta página poderá estar em inglês.) Recomenda-se vivamente que verifique estes requisitos de hardware antes de concluir qualquer tarefa deste cenário.

A primeira tarefa do administrador é executar a Configuração para os dois pacotes de actualização do Hyper-V. Depois de as actualizações estarem concluídas, o Hyper-V está disponível para instalação utilizando o Gestor de servidor.

  1. Faça duplo clique nos dois pacotes de actualização seguintes armazenados %windir%\WSV para disponibilizar o Hyper-V para instalação utilizando o Gestor de servidor:

    • Windows6.0-KB939854-x64.msu

    • Windows6.0-KB939853-x64.msu

  2. Se o Gestor de servidor ainda não estiver aberto, abra o Gestor de servidor clicando em Iniciar, apontando para Ferramentas Administrativas e, em seguida, clicando em Gestor de Servidor.

  3. Na área Resumo das Funções, clique em Adicionar Funções.

  4. Na página Seleccionar Funções de Servidor do Assistente para Adicionar Funções, seleccione Hyper-V.

  5. Conclua o Assistente para Adicionar Funções. Para obter mais informações sobre as definições e páginas de configuração específicas para o Hyper-V, consulte o Guia Passo a Passo do Hyper-V no Windows Server TechCenter (http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=98822). (Esta página poderá estar em inglês.)

Depois de instalar o Hyper-V, o administrador utiliza os snap-ins disponíveis no Gestor de servidor para gerir a função.

  1. Se o Gestor de servidor ainda não estiver aberto, abra o Gestor de servidor clicando em Iniciar, apontando para Ferramentas Administrativas e, em seguida, clicando em Gestor de Servidor.

  2. No painel de hierarquia, expanda Funções e, em seguida, expanda Virtualização do Windows Server.

  3. Com a janela Gestor de servidor activa, prima F5 para actualizar a consola se o Hyper-V estiver instalado, mas os snap-ins e as ferramentas de gestão do Hyper-V não são mostrados no painel de hierarquia.

Vários meses depois, a empresa já não necessita que este servidor seja utilizado como uma máquina virtual executando múltiplos sistemas operativos e o administrador do sistema remove a função Hyper-V.

  1. Se o Gestor de servidor ainda não estiver aberto, abra o Gestor de servidor clicando em Iniciar, apontando para Ferramentas Administrativas e, em seguida, clicando em Gestor de Servidor.

  2. Abra a área Resumo das Funções, se ainda não estiver aberta. Clique em Remover funções.

  3. Na página Remover Funções de Servidor do Assistente para Remover Funções, desmarque a caixa de verificação para Virtualização do Windows Server. Clique em Seguinte.

  4. Após confirmar que pretender remover o Hyper-V, na página Confirmar Selecções de Remoção, clique em Remover.

  5. Verifique se o Hyper-V foi removido do servidor actualizando o Gestor de servidor e visualizando a área Resumo de Funções.

  • Gestor de servidor no Windows Server TechCenter (http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=48541). (Esta página poderá estar em inglês.)

  • Gestor de servidor Descrição Geral Técnica (http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=85101). (Esta página poderá estar em inglês.)

  • Gestor de servidor Esquema da Linha de Comandos (http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=81203). (Esta página poderá estar em inglês.)

Considera isto útil?
(1500 caracteres restantes)
Obrigado pelos seus comentários

Conteúdo da Comunidade

Adicionar
Mostrar:
© 2014 Microsoft