Exportar (0) Imprimir
Expandir Todos

Dsmod

Dsmod

Modifica um objecto existente de um tipo específico no directório. Os comandos dsmod incluem:

dsmod computer

Modifica atributos de um ou mais computadores existentes no directório.

Sintaxe

dsmod computer DNComputador... [-desc Descrição] [-loc Localização] [-disabled {yes | no}] [-reset] [{-s Servidor | -d Domínio}] [-u NomeUtilizador] [-p {Palavra-passe | *}] [-c] [-q] [{-uc | -uco | -uci}]

Parâmetros

DNComputador ...
Especifica os nomes distintos de um ou mais computadores a modificar. Se os valores forem omitidos, são obtidos através da entrada padrão (stdin) para suportar o encaminhamento (piping) da saída a partir de outro comando para a entrada deste comando.
-desc Descrição
Especifica a descrição do computador que pretende modificar.
-loc Localização
Especifica a localização do objecto de computador que pretende modificar.
-disabled {yes | no}
Especifica se a conta de computador está desactivada para início de sessão (yes) ou não (no).
-reset
Repõe as contas de computador.
{-s Servidor | -d Domínio}
Liga a um domínio ou servidor remoto especificado. Por predefinição, o computador está ligado ao controlador de domínio no domínio de início de sessão.
-u NomeUtilizador
Especifica o nome de utilizador com o qual o utilizador inicia sessão num servidor remoto. Por predefinição, -u utiliza o nome de utilizador com o qual o utilizador iniciou sessão. É possível utilizar qualquer um dos seguintes formatos para especificar um nome de utilizador:
  • nome de utilizador (por exemplo, Linda)
  • domínio\nome de utilizador (por exemplo, widgets\Linda)
  • nome principal de utilizador (UPN) (por exemplo, Linda@widgets.microsoft.com)
-p {Palavra-passe | *}
Especifica a utilização de uma palavra-passe ou de * para iniciar sessão num servidor remoto. Se introduzir *, é-lhe pedida uma palavra-passe.
-c
Comunica erros, mas continua com o objecto seguinte na lista de argumentos quando são especificados vários objectos de destino (modo de operação contínua). Sem esta opção, o comando sai quando ocorrer o primeiro erro.
-q
Suprime todas as saídas para a saída padrão (modo silencioso).
{-uc | -uco | -uci}
Especifica que os dados de entrada ou saída são formatados em Unicode. A tabela seguinte lista e descreve cada um dos formatos.

 

Valor Descrição

-uc

Especifica um formato Unicode para a entrada de ou saída para um encaminhamento (pipe [|]).

-uco

Especifica um formato Unicode da saída para um encaminhamento (pipe [|]) ou ficheiro.

-uci

Especifica um formato Unicode para a entrada de um encaminhamento (pipe [|]) ou ficheiro.

/?
Apresenta a ajuda na linha de comandos.

Observações

  • Este comando suporta apenas um subconjunto de atributos de classe de objectos frequentemente utilizados.
  • Se fornecer um valor com espaços, coloque o texto entre aspas (por exemplo, "CN=DC2,OU=Controladores de Domínio,DC=Microsoft,DC=Com").
  • Se fornecer vários valores para um parâmetro, utilize espaços para os separar (por exemplo, uma lista de nomes distintos).
  • Dsmod não suporta a adição de principais de segurança numa floresta a grupos localizados noutra floresta quando ambas estão associadas por uma fidedignidade de floresta. Pode utilizar o snap-in Utilizadores & Computadores do Active Directory para adicionar principais de segurança numa fidedignidade de floresta.

Exemplos

Para desactivar várias contas de computador, escreva:

dsmod computer CN=ServidorMembro1,CN=Computadores,DC=Microsoft,DC=Com CN=ServidorMembro2,CN=Computadores,DC=Microsoft,DC=Com -disabled yes

Para repor várias contas de computador, escreva:

dsmod computer CN=ServidorMembro1,CN=Computadores,DC=Microsoft,DC=Com CN=ServidorMembro2,CN=Computadores,DC=Microsoft,DC=Com -reset

dsmod contact

Modifica os atributos de um ou mais contactos existentes no directório.

Sintaxe

dsmod contact DNContacto ... [-fn NomePróprio] [-mi Inicial] [-ln Apelido] [-display NomeApresentação] [-desc Descrição] [-office Escritório] [-tel NúmeroTelefone] [-email CorreioElectrónico] [-hometel NúmeroTelefoneResidência] [-pager NúmeroPager] [-mobile NúmeroTelemóvel] [-fax NúmeroFax] [-iptel NúmeroTelefoneIP] [-title Cargo] [-dept Departamento] [-company Empresa] [{-s Servidor | -d Domínio}] [-u NomeUtilizador][-p {Palavra-passe | *}] [-c] [-q] [{-uc | -uco | -uci}]

Parâmetros

DNContacto ...
Obrigatório. Especifica os nomes distintos dos contactos que pretende modificar. Se os valores forem omitidos, são obtidos através da entrada padrão (stdin) para suportar o encaminhamento (piping) da saída a partir de outro comando para a entrada deste comando.
-fn NomePróprio
Especifica o nome próprio do contacto que pretende modificar.
-mi Inicial
Especifica a inicial do segundo nome do contacto que pretende modificar.
-ln Apelido
Especifica o apelido do contacto que pretende modificar.
-display NomeApresentar
Especifica o nome a apresentar do contacto que pretende modificar.
-desc Descrição
Especifica a descrição do contacto que pretende modificar.
-office Escritório
Especifica a localização do escritório do contacto que pretende modificar.
-tel NúmeroTelefone
Especifica o número de telefone do contacto que pretende modificar.
-email CorreioElectrónico
Especifica o endereço de correio electrónico do contacto que pretende modificar.
-hometel NúmeroTelefoneResidência
Especifica o número de telefone da residência do contacto que pretende modificar.
-pager NúmeroPager
Especifica o número do pager do contacto que pretende modificar.
-mobile NúmeroTelemóvel
Especifica o número de telemóvel do contacto que pretende modificar.
-fax NúmeroFax
Especifica o número do fax do contacto que pretende modificar.
-iptel NúmeroTelefoneIP
Especifica o número de IP do contacto que pretende modificar.
-title Cargo
Especifica o cargo do contacto que pretende modificar.
-dept Departamento
Especifica o departamento do contacto que pretende modificar.
-company Empresa
Especifica as informações da empresa do contacto que pretende modificar.
{-s Servidor | -d Domínio}
Liga a um domínio ou servidor remoto especificado. Por predefinição, o computador está ligado ao controlador de domínio no domínio de início de sessão.
-u NomeUtilizador
Especifica o nome de utilizador com o qual o utilizador inicia sessão num servidor remoto. Por predefinição, -u utiliza o nome de utilizador com o qual o utilizador iniciou sessão. É possível utilizar qualquer um dos seguintes formatos para especificar um nome de utilizador:
  • nome de utilizador (por exemplo, Linda)
  • domínio\nome de utilizador (por exemplo, widgets\Linda)
  • nome principal de utilizador (UPN) (por exemplo, Linda@widgets.microsoft.com)
-p {Palavra-passe | *}
Especifica a utilização de uma palavra-passe ou de * para iniciar sessão num servidor remoto. Se introduzir *, ser-lhe-á pedida uma palavra-passe.
-c
Comunica erros, mas continua com o objecto seguinte na lista de argumentos quando são especificados vários objectos de destino (modo de operação contínua). Sem esta opção, o comando sai quando ocorrer o primeiro erro.
-q
Suprime todas as saídas para a saída padrão (modo silencioso).
{-uc | -uco | -uci}
Especifica que os dados de entrada ou saída são formatados em Unicode. A tabela seguinte lista e descreve cada um dos formatos.

 

Valor Descrição

-uc

Especifica um formato Unicode para a entrada de ou saída para um encaminhamento (pipe [|]).

-uco

Especifica um formato Unicode da saída para um encaminhamento (pipe [|]) ou ficheiro.

-uci

Especifica um formato Unicode para a entrada de um encaminhamento (pipe [|]) ou ficheiro.

/?
Apresenta a ajuda na linha de comandos.

Observações

  • Se fornecer um valor com espaços, coloque o texto entre aspas (por exemplo, "CN=Miguel Silva,OU=Contactos,DC=Microsoft,DC=Com").
  • Se fornecer vários valores para um parâmetro, utilize espaços para os separar (por exemplo, uma lista de nomes distintos).
  • Dsmod não suporta a adição de principais de segurança numa floresta a grupos localizados noutra floresta quando ambas estão associadas por uma fidedignidade de floresta. Pode utilizar o snap-in Utilizadores & Computadores do Active Directory para adicionar principais de segurança numa fidedignidade de floresta.

Exemplos

Para definir as informações de empresa de vários contactos, escreva:

dsmod contact "CN=Miguel Silva,OU=Contactos,DC=Microsoft,DC=Com" "CN=Diana Santos,OU=Contactos,DC=Microsoft,DC=Com" -company Microsoft

dsmod group

Modifica os atributos de um ou mais grupos existentes no directório.

Sintaxe

dsmod group DNGrupo ... [-samid NomeSAM] [-desc Descrição] [-secgrp {yes | no}] [-scope {l | g | u}] [{-addmbr | -rmmbr | -chmbr} DNMembro ...] [{-s Servidor | -d Domínio}] [-u NomeUtilizador] [-p {Palavra-passe | *}] [-c] [-q] [{-uc | -uco | -uci}]

Parâmetros

DNGrupo ...
Obrigatório. Especifica os nomes distintos dos grupos que pretende modificar. Se os valores forem omitidos, são obtidos através da entrada padrão (stdin) para suportar o encaminhamento (piping) da saída a partir de outro comando para a entrada deste comando. Se DNGrupo ... e Membro ... forem utilizados em conjunto, só é possível obter um parâmetro a partir da entrada padrão, sendo necessário especificar, pelo menos, um parâmetro na linha de comandos.
-samid NomeSAM
Especifica os nomes de conta SAM dos grupos que pretende modificar.
-desc Descrição
Especifica as descrições dos grupos que pretende modificar.
-secgrp {yes | no}
Define os tipos de grupo como grupo de segurança (yes) ou grupo de distribuição (no).
-scope {l | g | u}
Define o âmbito dos grupos como local, global ou universal. Se o domínio estiver num ambiente de modo misto, o âmbito universal não será suportado. Da mesma forma, não é possível converter um grupo local de domínio num grupo global ou vice versa.
{-addmbr | -rmmbr | -chmbr} DNMembro ...
Especifica que os membros especificados por DNMembro ... serão adicionados, removidos ou substituídos para, de ou no grupo. Apenas um destes parâmetros pode ser especificado numa única invocação de comando. DNMembro ... especifica os nomes distintos de um ou mais membros a adicionar, eliminar ou substituir no grupo especificado em DNGrupo. Cada membro tem de ter um nome distinto (por exemplo, CN=Miguel Silva,OU=Utilizadores,DC=Microsoft,DC=Com). A lista de membros tem se estar de acordo com os parâmetros -addmbr, -rmmbr e -chmbr. Se os valores forem omitidos, são obtidos através da entrada padrão (stdin) para suportar o encaminhamento (piping) da saída a partir de outro comando para a entrada deste comando. Se DNGrupo ... e Membro ... forem utilizados em conjunto, só é possível obter um parâmetro a partir da entrada padrão, sendo necessário especificar, pelo menos, um parâmetro na linha de comandos.
{-s Servidor | -d Domínio}
Liga a um domínio ou servidor remoto especificado. Por predefinição, o computador está ligado ao controlador de domínio no domínio de início de sessão.
-u NomeUtilizador
Especifica o nome de utilizador com o qual o utilizador inicia sessão num servidor remoto. Por predefinição, -u utiliza o nome de utilizador com o qual o utilizador iniciou sessão. É possível utilizar qualquer um dos seguintes formatos para especificar um nome de utilizador:
  • nome de utilizador (por exemplo, Linda)
  • domínio\nome de utilizador (por exemplo, widgets\Linda)
  • nome principal de utilizador (UPN) (por exemplo, Linda@widgets.microsoft.com)
-p {Palavra-passe | *}
Especifica a utilização de uma palavra-passe ou de * para iniciar sessão num servidor remoto. Se introduzir *, ser-lhe-á pedida uma palavra-passe.
-c
Comunica erros, mas continua com o objecto seguinte na lista de argumentos quando são especificados vários objectos de destino (modo de operação contínua). Sem esta opção, o comando sai quando ocorrer o primeiro erro.
-q
Suprime todas as saídas para a saída padrão (modo silencioso).
{-uc | -uco | -uci}
Especifica que os dados de entrada ou saída são formatados em Unicode. A tabela seguinte lista e descreve cada um dos formatos.

 

Valor Descrição

-uc

Especifica um formato Unicode para a entrada de ou saída para um encaminhamento (pipe [|]).

-uco

Especifica um formato Unicode da saída para um encaminhamento (pipe [|]) ou ficheiro.

-uci

Especifica um formato Unicode para a entrada de um encaminhamento (pipe [|]) ou ficheiro.

/?
Apresenta a ajuda na linha de comandos.

Observações

  • Se fornecer um valor com espaços, coloque o texto entre aspas (por exemplo, "CN=Vendas nos E.U.A,OU=Listas de distribuição,DC=Microsoft,DC=Com").
  • Se fornecer vários valores para um parâmetro, utilize espaços para os separar (por exemplo, uma lista de nomes distintos).
  • Dsmod não suporta a adição de principais de segurança numa floresta a grupos localizados noutra floresta quando ambas estão associadas por uma fidedignidade de floresta. Pode utilizar o snap-in Utilizadores & Computadores do Active Directory para adicionar principais de segurança numa fidedignidade de floresta.

Exemplos

Para adicionar o utilizador Miguel Silva a todos os grupos da lista de distribuição dos administradores, escreva:

dsquery group "OU=Listas de Distribuição,DC=microsoft,DC=com" -name adm* | dsmod group -addmbr "CN=Miguel Silva,CN=Utilizadores,DC=microsoft,DC=com"

Para adicionar todos os membros do grupo US Info ao grupo Canada Info, escreva:

dsget group "CN=US INFO,OU=Listas de Distribuição,DC=microsoft,DC=com" -members | dsmod group "CN=CANADA INFO,OU=Listas de Distribuição,DC=microsoft,DC=com" -addmbr

Para converter o tipo de grupo de vários grupos de security para non-security, escreva:

dsmod group "CN=US Info,OU=Listas de Distribuição,DC=Microsoft,DC=Com" "CN=Canada Info,OU=Listas de Distribuição,DC=Microsoft,DC=Com" "CN=Mexico Info,OU=Listas de Distribuição,DC=Microsoft,DC=Com" -secgrp no

Para adicionar dois novos membros ao grupo "CN=US Info,OU=Listas de Distribuição,DC=Microsoft,DC=Com", escreva:

dsmod group "CN=US Info,OU=Listas de Distribuição,DC=Microsoft,DC=Com" -addmbr "CN=Miguel Silva,CN=Utilizadores,DC=Microsoft,DC=Com" "CN=Legal,OU=Listas de Distribuição,DC=Microsoft,DC=Com" "CN=Diana Santos,CN=Utilizadores,DC=Microsoft,DC=Com"

Para adicionar todos os utilizadores da unidade organizacional Marketing ao grupo existente denominado Pessoal de Marketing, escreva:

dsquery user OU=Marketing,DC=Microsoft,DC=Com | dsmod group "CN=Pessoal de Marketing,OU=Marketing,DC=Microsoft,DC=Com" -addmbr

Para eliminar dois membros do grupo existente "CN=US Info,OU=Listas de Distribuição,DC=Microsoft,DC=Com", escreva:

dsmod group "CN=US Info,OU=Listas de Distribuição,DC=Microsoft,DC=Com" -rmmbr "CN=Miguel Silva,CN=Utilizadores,DC=Microsoft,DC=Com" "CN=Legal,OU=Listas de Distribuição,DC=Microsoft,DC=Com" "CN=Diana Santos,CN=Utilizadores,DC=Microsoft,DC=Com"

dsmod ou

Modifica atributos de uma ou mais unidades organizacionais existentes no directório.

Sintaxe

dsmod ou DNUnidadeOrganizacional ... [-desc Descrição] [{-s Servidor | -d Domínio}] [-u NomeUtilizador] [-p {Palavra-passe | *}][-c] [-q] [{-uc | -uco | -uci}]

Parâmetros

DNUnidadeOrganizacional ...
Obrigatório. Especifica os nomes distintos das unidades organizacionais que pretende modificar. Se os valores forem omitidos, são obtidos através da entrada padrão (stdin) para suportar o encaminhamento (piping) da saída a partir de outro comando para a entrada deste comando.
-desc Descrição
Especifica a descrição da unidade organizacional que pretende modificar.
{-s Servidor | -d Domínio}
Liga a um domínio ou servidor remoto especificado. Por predefinição, o computador está ligado ao controlador de domínio no domínio de início de sessão.
-u NomeUtilizador
Especifica o nome de utilizador com o qual o utilizador inicia sessão num servidor remoto. Por predefinição, -u utiliza o nome de utilizador com o qual o utilizador iniciou sessão. É possível utilizar qualquer um dos seguintes formatos para especificar um nome de utilizador:
  • nome de utilizador (por exemplo, Linda)
  • domínio\nome de utilizador (por exemplo, widgets\Linda)
  • nome principal de utilizador (UPN) (por exemplo, Linda@widgets.microsoft.com)
-p{Palavra-passe | *}
Especifica a utilização de uma palavra-passe ou de * para iniciar sessão num servidor remoto. Se introduzir *, é-lhe pedida uma palavra-passe.
-c
Comunica erros, mas continua com o objecto seguinte na lista de argumentos quando são especificados vários objectos de destino (modo de operação contínua). Sem esta opção, o comando sai quando ocorrer o primeiro erro.
-q
Suprime todas as saídas para a saída padrão (modo silencioso).
{-uc | -uco | -uci}
Especifica que os dados de entrada ou saída são formatados em Unicode. A tabela seguinte lista e descreve cada um dos formatos.

 

Valor Descrição

-uc

Especifica um formato Unicode para a entrada de ou saída para um encaminhamento (pipe [|]).

-uco

Especifica um formato Unicode da saída para um encaminhamento (pipe [|]) ou ficheiro.

-uci

Especifica um formato Unicode para a entrada de um encaminhamento (pipe [|]) ou ficheiro.

/?
Apresenta a ajuda na linha de comandos.

Observações

  • Se fornecer um valor com espaços, coloque o texto entre aspas (por exemplo, "OU=Controladores de Domínio,DC=Microsoft,DC=Com").
  • Se fornecer vários valores para um parâmetro, utilize espaços para os separar (por exemplo, uma lista de nomes distintos).
  • Dsmod não suporta a adição de principais de segurança numa floresta a grupos localizados noutra floresta quando ambas estão associadas por uma fidedignidade de floresta. Pode utilizar o snap-in Utilizadores & Computadores do Active Directory para adicionar principais de segurança numa fidedignidade de floresta.

Exemplos

Para alterar a descrição de várias unidades organizacionais ao mesmo tempo, escreva:

dsmod ou "OU=Controladores de Domínio,DC=Microsoft,DC=Com" "OU=Recursos,DC=Microsoft,DC=Com" "OU=Resolução de Problemas,DC=Microsoft,DC=Com" -desc "OU de teste"

dsmod server

Modifica propriedades de um controlador de domínio.

Sintaxe

dsmod server DNServidor ... [-desc Descrição] [-isgc {yes | no}] [{-s Servidor | -d Domínio}] [-u NomeUtilizador] [-p {Palavra-passe | *}] [-c] [-q] [{-uc | -uco | -uci}]

Parâmetros

DNServidor ...
Obrigatório. Especifica os nomes distintos de um ou mais servidores que pretende modificar. Se os valores forem omitidos, são obtidos através da entrada padrão (stdin) para suportar o encaminhamento (piping) da saída a partir de outro comando para a entrada deste comando.
-desc Descrição
Especifica a descrição do servidor que pretende modificar.
-isgc {yes | no}
Define este servidor como um catálogo global (yes) ou desactiva-o (no).
{-s Servidor | -d Domínio}
Liga a um domínio ou servidor remoto especificado. Por predefinição, o computador está ligado ao controlador de domínio no domínio de início de sessão.
-u NomeUtilizador
Especifica o nome de utilizador com o qual o utilizador inicia sessão num servidor remoto. Por predefinição, -u utiliza o nome de utilizador com o qual o utilizador iniciou sessão. É possível utilizar qualquer um dos seguintes formatos para especificar um nome de utilizador:
  • nome de utilizador (por exemplo, Linda)
  • domínio\nome de utilizador (por exemplo, widgets\Linda)
  • nome principal de utilizador (UPN) (por exemplo, Linda@widgets.microsoft.com)
-p {Palavra-passe | *}
Especifica a utilização de uma palavra-passe ou de * para iniciar sessão num servidor remoto. Se introduzir *, ser-lhe-á pedida uma palavra-passe.
-c
Comunica erros, mas continua com o objecto seguinte na lista de argumentos quando são especificados vários objectos de destino (modo de operação contínua). Sem esta opção, o comando sai quando ocorrer o primeiro erro.
-q
Suprime todas as saídas para a saída padrão (modo silencioso).
{-uc | -uco | -uci}
Especifica que os dados de entrada ou saída são formatados em Unicode. A tabela seguinte lista e descreve cada um dos formatos.

 

Valor Descrição

-uc

Especifica um formato Unicode para a entrada de ou saída para um encaminhamento (pipe [|]).

-uco

Especifica um formato Unicode da saída para um encaminhamento (pipe [|]) ou ficheiro.

-uci

Especifica um formato Unicode para a entrada de um encaminhamento (pipe [|]) ou ficheiro.

/?
Apresenta a ajuda na linha de comandos.

Observações

  • Se fornecer um valor com espaços, coloque o texto entre aspas (por exemplo "CN=Meu Servidor,CN=Servidores,CN=Local10,CN=Locais,CN=Configuração,DC=Microsoft,DC=Com").
  • Se fornecer vários valores para um parâmetro, utilize espaços para os separar (por exemplo, uma lista de nomes distintos).
  • Dsmod não suporta a adição de principais de segurança numa floresta a grupos localizados noutra floresta quando ambas estão associadas por uma fidedignidade de floresta. Pode utilizar o snap-in Utilizadores & Computadores do Active Directory para adicionar principais de segurança numa fidedignidade de floresta.

Exemplos

Para activar os controladores de domínio CORPDC1 e CORPDC9 como servidores de catálogo global, escreva:

dsmod server "CN=CORPDC1,CN=Servidores,CN=Local1,CN=Locais,CN=Configuração,DC=Microsoft,DC=Com" "CN=CORPDC9,CN=Servidores,CN=Local2,CN=Locais,CN=Configuração,DC=Microsoft,DC=Com" -isgc yes

dsmod user

Modifica os atributos de um ou mais utilizadores existentes no directório.

Sintaxe

dsmod user DNUtilizador ... [-upn UPN] [-fn NomePróprio] [-mi Inicial] [-ln Apelido] [-display NomeApresentação] [-empid IDEmpregado] [-pwd (Palavra-passe | *)] [-desc Descrição] [-office Escritório] [-tel NúmeroTelefone] [-email EndereçoCorreioElectrónico] [-hometel NúmeroTelefoneResidência] [-pager NúmeroPager] [-mobile NúmeroTelemóvel] [-fax NúmeroFax] [-iptel NúmeroTelefoneIP] [-webpg PáginaWeb] [-title Cargo] [-dept Departamento] [-company Empresa] [-mgr Gestor] [-hmdir DirectórioRaiz] [-hmdrv LetraUnidade:] [-profile CaminhoPerfil] [-loscr CaminhoScript] [-mustchpwd {yes | no}] [-canchpwd {yes | no}] [-reversiblepwd {yes | no}] [-pwdneverexpires {yes | no}] [-acctexpires NúmeroDias] [-disabled {yes | no}] [{-s Servidor | -d Domínio}] [-u NomeUtilizador] [-p {Palavra-passe | *}][-c] [-q] [{-uc | -uco | -uci}]

Parâmetros

DNUtilizador ...
Obrigatório. Especifica os nomes distintos dos utilizadores que pretende modificar. Se os valores forem omitidos, são obtidos através da entrada padrão (stdin) para suportar o encaminhamento (piping) da saída a partir de outro comando para a entrada deste comando.
-upn UPN
Especifica os nomes principais de utilizador dos objectos de utilizador que pretende modificar (por exemplo, Linda@widgets.microsoft.com).
-fn NomePróprio
Especifica os nomes próprios dos objectos de utilizador que pretende modificar.
-mi Inicial
Especifica as iniciais dos segundos nomes dos objectos de utilizador que pretende modificar.
-ln Apelido
Especifica os apelidos dos objectos de utilizador que pretende modificar.
-display NomeApresentar
Especifica os nomes a apresentar dos objectos de utilizador que pretende modificar.
-empid IDEmpregado
Especifica os ID de empregado dos objectos de utilizador que pretende modificar.
-pwd {Palavra-passe | *}
Repõe as palavras-passe dos objectos de utilizador como Palavra-passe ou *. Se * for especificado, é-lhe pedida uma palavra-passe de utilizador.
-desc Descrição
Especifica as descrições dos objectos de utilizador que pretende modificar.
-office Escritório
Especifica as localizações dos escritórios dos objectos de utilizador que pretende modificar.
-tel NúmeroTelefone
Especifica os números de telefone dos objectos de utilizador que pretende modificar.
-email EndereçoCorreioElectrónico
Especifica os endereços de correio electrónico dos objectos de utilizador que pretende modificar.
-hometel NúmeroTelefoneResidência
Especifica os números de telefone da residência dos objectos de utilizador que pretende modificar.
-pager NúmeroPager
Especifica os números do pager dos objectos de utilizador que pretende modificar.
-mobile NúmeroTelemóvel
Especifica os números de telemóvel dos objectos de utilizador que pretende modificar.
-fax NúmeroFax
Especifica os números de fax dos objectos de utilizador que pretende modificar.
-iptel NúmeroTelefoneIP
Especifica os números de IP dos objectos de utilizador que pretende modificar.
-webpg PáginaWeb
Especifica os URL das páginas Web dos objectos de utilizador que pretende modificar.
-title Cargo
Especifica os cargos dos objectos de utilizador que pretende modificar.
-dept Departamento
Especifica os departamentos dos objectos de utilizador que pretende modificar.
-company Empresa
Especifica as informações da empresa dos objectos de utilizador que pretende modificar.
-mgr Gestor
Especifica os nomes distintos dos gestores dos objectos de utilizador que pretende modificar. O gestor só pode ser especificado através do formato de nome distinto.
-hmdir DirectórioRaiz
Especifica as localizações do directório raiz dos objectos de utilizador que pretende modificar. Se o DirectórioRaiz for fornecido como um nome UNC, tem de especificar uma unidade mapeada para este caminho utilizando o parâmetro -hmdrv.
-hmdrv LetraUnidade :
Especifica as letras de unidade do directório raiz (por exemplo, E:) dos objectos de utilizador que pretende modificar.
-profile CaminhoPerfil
Especifica os caminhos do perfil dos objectos de utilizador que pretende modificar.
-loscr CaminhoScript
Especifica os caminhos do script de início de sessão dos objectos de utilizador que pretende modificar.
-mustchpwd{ yes| no}
Especifica se os utilizadores têm de alterar as respectivas palavras-passe quando iniciarem sessão da próxima vez (yes) ou não (no).
-canchpwd {yes | no}
Especifica se os utilizadores podem alterar totalmente as respectivas palavras-passe (yes) ou não (no). O valor deste parâmetro tem de ser yes se o valor do parâmetro -mustchpwd for yes.
-reversiblepwd {yes | no}
Especifica se as palavras-passe de utilizador devem ser armazenadas utilizando a encriptação reversível (yes) ou não (no).
-pwdneverexpires {yes | no}
Especifica se as contas de utilizador nunca expiram (yes) ou expiram (no).
-acctexpires NúmeroDias
Especifica o número de dias, a partir de hoje, até à expiração das contas de utilizador. O valor 0 define a expiração no final do dia actual. Um valor positivo define a expiração no futuro. Um valor negativo define a expiração no passado. O valor never define a conta para nunca expirar. Por exemplo, o valor 0 implica que a conta expira no fim do dia actual. O valor -5 implica que a conta já expirou há 5 dias atrás e define uma data de expiração no passado. O valor 5 define a expiração da conta para 5 dias no futuro.
-disabled {yes | no}
Especifica se a conta de utilizador está desactivada para início de sessão (yes) ou não (no).
{-s Servidor | -d Domínio}
Liga a um domínio ou servidor remoto especificado. Por predefinição, o computador está ligado ao controlador de domínio no domínio de início de sessão.
-u NomeUtilizador
Especifica o nome de utilizador com o qual o utilizador inicia sessão num servidor remoto. Por predefinição, -u utiliza o nome de utilizador com o qual o utilizador iniciou sessão. É possível utilizar qualquer um dos seguintes formatos para especificar um nome de utilizador:
  • nome de utilizador (por exemplo, Linda)
  • domínio\nome de utilizador (por exemplo, widgets\Linda)
  • nome principal de utilizador (UPN) (por exemplo, Linda@widgets.microsoft.com)
-p {Palavra-passe | *}
Especifica a utilização de uma palavra-passe ou de * para iniciar sessão num servidor remoto. Se introduzir *, ser-lhe-á pedida uma palavra-passe.
-c
Comunica erros, mas continua com o objecto seguinte na lista de argumentos quando são especificados vários objectos de destino (modo de operação contínua). Sem esta opção, o comando sai quando ocorrer o primeiro erro.
-q
Suprime todas as saídas para a saída padrão (modo silencioso).
{-uc | -uco | -uci}
Especifica que os dados de entrada ou saída são formatados em Unicode. A tabela seguinte lista e descreve cada um dos formatos.

 

Valor Descrição

-uc

Especifica um formato Unicode para a entrada de ou saída para um encaminhamento (pipe [|]).

-uco

Especifica um formato Unicode da saída para um encaminhamento (pipe [|]) ou ficheiro.

-uci

Especifica um formato Unicode para a entrada de um encaminhamento (pipe [|]) ou ficheiro.

/?
Apresenta a ajuda na linha de comandos.

Observações

  • Se fornecer um valor com espaços, coloque o texto entre aspas (por exemplo, "CN=Miguel Silva,CN=Utilizadores,DC=Microsoft,DC=Com").
  • Se fornecer vários valores para um parâmetro, utilize espaços para os separar (por exemplo, uma lista de nomes distintos).
  • O token especial $username$ (não sensível a maiúsculas e minúsculas) pode substituir o nome de conta SAM pelo valor dos parâmetros -webpg, -profile, -hmdir e -email. Por exemplo, se um nome de conta SAM for "Diana", o parâmetro de localização -hmdir pode ser escrito num dos seguintes formatos:
    -hmdir \utilizadores\Diana\home
    -hmdir \users\$username$\home
  • Este comando suporta apenas um subconjunto de atributos de classe de objectos frequentemente utilizados.
  • Dsmod não suporta a adição de principais de segurança numa floresta a grupos localizados noutra floresta quando ambas estão associadas por uma fidedignidade de floresta. Pode utilizar o snap-in Utilizadores & Computadores do Active Directory para adicionar principais de segurança numa fidedignidade de floresta.

Exemplos

Para repor a palavra-passe de Sérgio Figueiredo e forçá-lo a alterar a respectiva palavra-passe da próxima vez que iniciar sessão na rede, escreva:

dsmod user "CN=Sérgio Figueiredo,CN=Utilizadores,DC=Microsoft,DC=Com" -pwd A1b2C3d4 -mustchpwd yes

Para repor as palavras-passe de vários utilizadores para uma palavra-passe comum e forçá-los a alterar as respectivas palavras-passe da próxima vez que iniciarem sessão na rede, escreva:

dsmod user "CN=Sérgio Figueiredo,CN=Utilizadores,DC=Microsoft,DC=Com" "CN=Diana Santos,CN=Utilizadores,DC=Microsoft,DC=Com" -pwd A1b2C3d4 -mustchpwd yes

Para desactivar várias contas de utilizador ao mesmo tempo, escreva:

dsmod user "CN=Sérgio Figueiredo,CN=Utilizadores,DC=Microsoft,DC=Com" "CN=Diana Santos,CN=Utilizadores,DC=Microsoft,DC=Com" -disabled yes

Para modificar o caminho do perfil de vários utilizadores para um caminho comum utilizando o token $username$, escreva:

dsmod user "CN=Sérgio Figueiredo,CN=Utilizadores,DC=Microsoft,DC=Com" "CN=Diana Santos,CN=Utilizadores,DC=Microsoft,DC=Com" -profile \users\$username$\profile

dsmod quota

Modifica os atributos de uma ou mais especificações de quota existentes no directório.

Sintaxe

dsmod quota DNQuota ... [-qlimit Valor] [-desc Descrição] [{-s Servidor | -d Domínio}] [-u NomeUtilizador] [-p {Palavra-passe | *}] [-c] [-q] [{-uc | -uco | -uci}]

Parâmetros

DNQuota ...
Especifica os nomes distintos de uma ou mais especificações de quota a modificar. Se os valores forem omitidos, são obtidos através da entrada padrão (stdin) para suportar o encaminhamento (piping) da saída a partir de outro comando para a entrada deste comando.
-qlimit Valor
Especifica o número de objectos dentro da partição do directório que o principal de segurança, ao qual o objecto de quota está atribuído, pode ter. Para especificar uma quota ilimitada, utilize -1.
-desc Descrição
Especifica a descrição da especificação de quota que pretende modificar.
{-s Servidor | -d Domínio}
Liga a um domínio ou servidor remoto especificado. Por predefinição, o computador está ligado a um controlador de domínio no domínio de início de sessão.
-u NomeUtilizador
Especifica o nome de utilizador com o qual o utilizador inicia sessão num servidor remoto. Por predefinição, -u utiliza o nome de utilizador com o qual o utilizador iniciou sessão. É possível utilizar qualquer um dos seguintes formatos para especificar um nome de utilizador:
  • nome de utilizador (por exemplo, Linda)
  • domínio\nome de utilizador (por exemplo, widgets\Linda)
  • nome principal de utilizador (UPN) (por exemplo, Linda@widgets.microsoft.com)
-p {Palavra-passe | *}
Especifica a utilização de uma palavra-passe ou de * para iniciar sessão num servidor remoto. Se introduzir *, é-lhe pedida uma palavra-passe.
-c
Especifica o modo de funcionamento contínuo. Os erros são comunicados, mas o processo continua com o objecto seguinte na lista de argumentos quando especifica vários objectos de destino. Se não utilizar -c, o comando termina após a ocorrência do primeiro erro.
-q
Suprime todas as saídas para a saída padrão (modo silencioso).
{-uc | -uco | -uci}
Especifica que os dados de entrada ou saída são formatados em Unicode. A tabela seguinte lista e descreve cada um dos formatos.

 

Valor Descrição

-uc

Especifica um formato Unicode para a entrada de ou saída para um encaminhamento (pipe [|]).

-uco

Especifica um formato Unicode da saída para um encaminhamento (pipe [|]) ou ficheiro.

-uci

Especifica um formato Unicode para a entrada de um encaminhamento (pipe [|]) ou ficheiro.

/?
Apresenta a ajuda na linha de comandos.

Observações

  • Dsmod quota suporta apenas um subconjunto de atributos de classe de objectos frequentemente utilizados.
  • Se utilizar um valor com espaços, coloque o texto entre aspas (por exemplo, "CN=DC2,OU=Controladores de Domínio,DC=Microsoft,DC=Com").
  • Se utilizar vários valores para uma opção, utilize espaços para os separar (por exemplo, uma lista de nomes distintos).
  • Dsmod não suporta a adição de principais de segurança numa floresta a grupos localizados noutra floresta quando ambas estão associadas por uma fidedignidade de floresta. Pode utilizar o snap-in Utilizadores & Computadores do Active Directory para adicionar principais de segurança numa fidedignidade de floresta.

Exemplos

Para alterar o limite de uma quota com o nome DN1 para o valor 100, escreva:

dsmod quota DN1 -qlimit 100

dsmod partition

Modifica os atributos de uma ou mais partições existentes no directório.

Sintaxe

dsmod partition DNPartição ... [-qdefault Valor] [-qtmbstnwt Percentagem] [{-s Servidor | -d Domínio}] [-u NomeUtilizador] [-p {Palavra-passe | *}] [-c] [-q] [{-uc | -uco | -uci}]

Parâmetros

DNPartição ...
Especifica os nomes distintos de uma ou mais partições do directório a modificar. Se os valores forem omitidos, são obtidos através da entrada padrão (STDIN) para suportar o encaminhamento (piping) da saída a partir de outro comando para a entrada deste comando.
-qdefault Valor
Especifica que a quota predefinida para a partição do directório é definida como Valor. Esta quota predefinida será aplicada a todos os principais de segurança (utilizador, grupo, computador ou inetOrgPerson) que tenham um objecto na partição do directório, caso não exista qualquer especificação de quota que abranja o principal de segurança. Introduza -1 para especificar uma quota ilimitada.
-qtmbstnwt Percentagem
Obrigatório. Defina a percentagem segundo a qual a contagem de objectos de tombstone deve ser reduzida ao calcular a utilização da quota. A percentagem é especificada em Percentagem e tem de estar num intervalo entre 0 e 100. Por exemplo, o valor 25 significa que a contagem de um objecto de tombstone é de 25% em relação a um objecto normal ao calcular a utilização da quota. Se tiver sido atribuída ao utilizador uma quota de 100, este pode ser proprietário, no máximo, de 100 objectos normais ou de 400 objectos de tombstone no Active Directory.
{-s Servidor | -d Domínio}
Liga a um domínio ou servidor remoto especificado. Por predefinição, o computador está ligado a um controlador de domínio no domínio de início de sessão.
-u NomeUtilizador
Especifica o nome de utilizador com o qual o utilizador inicia sessão num servidor remoto. Por predefinição, -u utiliza o nome de utilizador com o qual o utilizador iniciou sessão. É possível utilizar qualquer um dos seguintes formatos para especificar um nome de utilizador:
  • nome de utilizador (por exemplo, Linda)
  • domínio\nome de utilizador (por exemplo, widgets\Linda)
  • nome principal de utilizador (UPN) (por exemplo, Linda@widgets.microsoft.com)
-p {Palavra-passe | *}
Especifica a utilização de uma palavra-passe ou de * para iniciar sessão num servidor remoto. Se introduzir *, é-lhe pedida uma palavra-passe.
-c
Comunica erros, mas continua com o objecto seguinte na lista de argumentos quando são especificados vários objectos de destino (modo de operação contínua). Sem esta opção, o comando sai quando ocorrer o primeiro erro.
-q
Suprime todas as saídas para a saída padrão (modo silencioso).
{-uc | -uco | -uci}
Especifica que os dados de entrada ou saída são formatados em Unicode. A tabela seguinte lista e descreve cada um dos formatos.

 

Valor Descrição

-uc

Especifica um formato Unicode para a entrada de ou saída para um encaminhamento (pipe [|]).

-uco

Especifica um formato Unicode da saída para um encaminhamento (pipe [|]) ou ficheiro.

-uci

Especifica um formato Unicode para a entrada de um encaminhamento (pipe [|]) ou ficheiro.

/?
Apresenta a ajuda na linha de comandos.

Observações

  • Este comando suporta apenas um subconjunto de atributos de classe de objectos frequentemente utilizados.
  • Se utilizar um valor com espaços, coloque o texto entre aspas (por exemplo, "CN=DC2,OU=Controladores de Domínio,DC=Microsoft,DC=Com").
  • A quota predefinida é aplicada a todos os principais de segurança (por exemplo, um utilizador, grupo, computador ou iNetOrgPerson), a qual cria um objecto na partição do directório quando não existe qualquer especificação de quota que abranja o principal de segurança.
  • A quota predefinida para uma determinada partição do directório é um atributo (como por exemplo, ms-DS-Default-Quota) de um contentor especial de classe ms-DS-Quota-Container, como especificado por CN=NTDS Quotas,<DNRaizPartiçãoDirectório>.
  • O peso da quota de tombstone para uma determinada partição do directório (definida com a opção -qtmbstnwt) é um atributo (como por exemplo, ms-DS-Tombstone-Quota-Factor) de um contentor especial de classe (por exemplo, ms-DS-Quota-Container), como especificado por CN=NTDS Quotas,<DNRaizPartiçãoDirectório>.
  • Dsmod não suporta a adição de principais de segurança numa floresta a grupos localizados noutra floresta quando ambas estão associadas por uma fidedignidade de floresta. Pode utilizar o snap-in Utilizadores & Computadores do Active Directory para adicionar principais de segurança numa fidedignidade de floresta.

Exemplos

Para alterar o limite de quota predefinido para uma partição do directório com o nome NC1 para o valor 1000, escreva:

dsmod partition NC1 -qdefault 1000

Legenda de formatação

 

Formatação Significado

Itálico

Informações que o utilizador deve fornecer

Negrito

Elementos que o utilizador deve escrever exactamente como são mostrados

Reticências (...)

Parâmetro que pode ser repetido várias vezes numa linha de comandos

Entre parênteses rectos ([])

Itens opcionais

Entre chavetas ({}); opções separadas por uma barra vertical (|). Exemplo: {par|ímpar}

Conjunto de opções do qual o utilizador deve escolher apenas uma

Courier font

Código ou saída do programa

Consulte Também

Considera isto útil?
(1500 caracteres restantes)
Obrigado pelos seus comentários

Conteúdo da Comunidade

Mostrar:
© 2014 Microsoft