Exportar (0) Imprimir
Expandir Todos

Formatar um volume básico

Para formatar um volume básico

Utilizar a interface do Windows

  1. Abra a Gestão de computadores (Local).
  2. Na árvore da consola, clique em Gestão de computadores (Local), clique em Armazenamento e, em seguida, clique em Gestão de discos.
  3. Clique com o botão direito do rato na partição, unidade lógica ou volume básico que pretende formatar (ou reformatar) e, em seguida, clique em Formatar.
  4. Seleccione as opções que pretende e, em seguida, clique em OK.

Notas

  • Para efectuar este procedimento num computador local, é necessário ser membro do grupo Operadores de Cópia de Segurança ou do grupo Administradores no computador local ou terá de lhe ter sido delegada a autoridade correcta. Para efectuar este procedimento remotamente, é necessário ser membro do grupo Operadores de Cópia de Segurança ou do grupo Administradores no computador remoto. Se o computador pertencer a um domínio, os membros do grupo poderão ter capacidade para efectuar este procedimento. Como procedimento recomendado de segurança, considere a utilização de Executar como para executar este procedimento. Para mais informações, consulte Grupos locais predefinidos, Default groups e Utilizar 'Executar como'.
  • Para abrir a Gestão de computadores, clique em Iniciar, clique em Painel de controlo, faça duplo clique em Ferramentas administrativas e, em seguida, faça duplo clique em Gestão de computadores.
  • Não pode formatar partições de sistema, arranque, OEM ou desconhecidas.
  • Antes de activar cópias sombra num volume, recomenda-se a selecção de um tamanho de cluster de 16 KB ou superior. Se não o fizer, o número de alterações causadas pela desfragmentação do volume pode resultar na eliminação de versões anteriores de ficheiros.
  • A compressão de ficheiros é apenas suportada em volumes NTFS com tamanhos de conjunto de sectores de 4 KB e inferiores.
  • Se seleccionar a caixa de verificação Efectuar uma formatação rápida, os ficheiros são removidos do disco, mas não é efectuada uma pesquisa no disco para detectar sectores danificados. Utilize esta opção apenas se este disco tiver sido anteriormente formatado e tiver a certeza de que o disco não está danificado.

Utilizar uma linha de comandos

  1. Abra a Linha de Comandos.
  2. Escreva:
    formatvolume[/fs:sistemaficheiros] [/v:etiqueta] [/q] [/a:tamanhounidade] [/c]

 

Valor Descrição

Volume

Especifica o ponto de montagem, nome do volume ou letra da unidade (seguida por dois pontos) da unidade que pretende formatar. Se não especificar uma das seguintes opções da linha de comandos, o comando format utiliza o tipo de volume para determinar o formato predefinido para o disco.

/fs: sistemaficheiros

Especifica o sistema de ficheiros a utilizar FAT, FAT32 ou NTFS. As disquetes podem utilizar apenas o sistema de ficheiros FAT.

/v: etiqueta

Especifica o nome do volume. Se omitir a opção da linha de comandos /v ou utilizá-la sem especificar um nome de volume, o comando format pede-lhe o nome de volume depois da formatação concluída. Utilize a sintaxe /v: para evitar o pedido de um nome do volume. Se formatar mais do que um disco através do comando format, será dado o mesmo nome de volume a todos os discos.

/q

Executa uma formatação rápida. Elimina a tabela de ficheiros e o directório raiz de um volume anteriormente formatado mas não executa uma pesquisa sector a sector verificando a existência de áreas danificadas. Deverá utilizar a opção da linha de comandos /q para formatar apenas volumes anteriormente formatados que saiba estarem em boas condições.

/a: tamanhounidade

Especifica o tamanho do conjunto de sectores, também conhecido como tamanho da unidade de atribuição, a utilizar em volumes FAT, FAT32 ou NTFS. Utilize um dos seguintes valores para tamanhounidade. Se tamanhounidade não estiver especificado, será escolhido com base no tamanho do volume.

 

512

Cria 512 bytes por conjunto de sectores.

1024

Cria 1024 bytes por conjunto de sectores.

2048

Cria 2048 bytes por conjunto de sectores.

4096

Cria 4096 bytes por conjunto de sectores.

8192

Cria 8192 bytes por conjunto de sectores.

16K

Cria 16 quilobytes por conjunto de sectores.

32K

Cria 32 quilobytes por conjunto de sectores.

64K

Cria 64 quilobytes por conjunto de sectores.

/c

Apenas NTFS. Por predefinição, os ficheiros criados no novo volume serão comprimidos.

Notas

  • Para efectuar este procedimento num computador local, é necessário ser membro do grupo Operadores de Cópia de Segurança ou do grupo Administradores ou terá de lhe ter sido delegada a autoridade correcta. Se o computador pertencer a um domínio, os membros do grupo poderão ter capacidade para efectuar este procedimento. Como procedimento recomendado de segurança, considere a utilização de Executar como para executar este procedimento. Para mais informações, consulte Grupos locais predefinidos, Default groups e Utilizar 'Executar como'.
  • Para abrir uma linha de comandos, clique em Iniciar, aponte para Todos os programas, aponte para Acessórios e, em seguida, clique em Linha de comandos.
  • Não pode formatar partições de sistema, arranque, OEM ou desconhecidas.
  • A compressão só é suportada em volumes NTFS.
  • A formatação rápida remove os ficheiros do disco mas não verifica se existem sectores danificados no disco. Utilize apenas esta opção se este disco tiver sido anteriormente formatado e tiver a certeza de que o disco não está danificado.
  • Antes de activar cópias sombra num volume, recomenda-se a selecção de um tamanho de cluster de 16 KB ou superior. Se não o fizer, o número de alterações causadas pela desfragmentação do volume pode resultar na eliminação de versões anteriores de ficheiros.
  • A compressão de ficheiros é apenas suportada em volumes NTFS com tamanhos de conjunto de sectores de 4 KB e inferiores.
  • Para o Windows NT 4.0, Windows 2000, Windows XP Professional e os sistemas operativos Windows Server 2003, o tamanho do conjunto de sectores de volumes FAT16 de 2 GB a 4 GB é de 64 KB, o que pode causar problemas de compatibilidade com algumas aplicações. Por exemplo, os programas de configuração não calculam o espaço livre adequadamente num volume com conjuntos de sectores de 64 KB e não podem ser executados devido a uma falta notada de espaço livre. Por esta razão, é necessário utilizar FAT32 ou NTFS em volumes com mais de 2 GB. Format apresenta um aviso e pede a confirmação antes de formatar um volume que tenha conjuntos de sectores de 64 KB que utilizem FAT16.
  • Para mais informações sobre format, consulte os Tópicos Relacionados.

Informações sobre diferenças funcionais

  • O servidor poderá funcionar de forma diferente consoante a versão e edição do sistema operativo instalado, as permissões de conta e as definições de menu. Para mais informações, consulte Ver a Ajuda na Web.

Consulte Também

Considera isto útil?
(1500 caracteres restantes)
Obrigado pelos seus comentários

Conteúdo da Comunidade

Adicionar
Mostrar:
© 2014 Microsoft