Exportar (0) Imprimir
Expandir Todos

Guia de Implementação do Windows Server 2008 SP2

Actualizado: Abril de 2009

Aplica-se a: Windows Server 2008

Este guia destina-se a administradores de TI que estão a implementar o Windows Server® 2008 Service Pack 2 (SP2). O documento inclui informações técnicas, procedimentos e recomendações para a instalação do SP2 num ambiente de negócios ou empresarial. Apesar de este guia incluir algumas informações básicas sobre o sistema operativo, assumimos que já tem conhecimentos práticos do Windows Server 2008 e da instalação de actualizações.

Para mais informações sobre a implementação, consulte os seguintes recursos da Microsoft:

noteNota
Para fazer comentários sobre este guia, envie uma mensagem de correio electrónico a ws08spfb@microsoft.com.

Os termos definidos na tabela seguinte são utilizados ao longo do documento.

 

Termo Definição

Instalação integrada

Esta instalação também é conhecida como "instalação slipstream". Neste método de instalação, o service pack é integrado no sistema operativo. Como resultado, o sistema operativo e o service pack são instalados em simultâneo. A instalação integrada é utilizada para actualizar computadores e para efectuar novas instalações em computadores sem sistema operativo.

Offline

No contexto da actualização de imagens, o termo "offline" refere-se à actualização ou à aplicação de alterações a uma imagem do sistema operativo que não está em execução. Por exemplo, poderá actualizar um ficheiro .wim (Windows® Image) utilizando o ImageX do Windows Automated Installation Kit (AIK).

Online

No contexto da actualização de imagens, o termo "online" refere-se à actualização ou à aplicação de alterações a um sistema operativo em que o computador foi iniciado. Por exemplo, a instalação de uma actualização com o Windows Update é uma operação online.

Pacote

Uma colecção de ficheiros que representa uma actualização que corrige um problema ou introduz uma nova funcionalidade. Os pacotes incluem os ficheiros dos componentes e os metadados necessários para gerir os pacotes. Muitos pacotes são distribuídos como ficheiros .msu, cada um dos quais contém um ficheiro .cab comprimido.

Service pack

O modo como as actualizações de produto são consolidadas e distribuídas. Os service packs são pacotes de software que poderão conter actualizações para fiabilidade do sistema, compatibilidade de programas, segurança, etc. Estas actualizações são agrupadas de modo a facilitar a sua transferência e instalação. Um service pack inclui todas as correcções até à data, bem como melhoramentos adicionais a componentes existentes.

Pacote autónomo

Uma versão do pacote do SP2 que contém todos os ficheiros necessários para instalar o pacote em qualquer computador (mesmo sem ligação à Internet). Pelo contrário, quando instala o pacote do SP2 a partir do Windows Update, só são transferidos e instalados os ficheiros necessário para esse computador específico. Normalmente, existe uma diferença considerável de tamanho entre um pacote transferido com o Windows Update e o pacote autónomo correspondente.

Actualização

  • Nome: Qualquer actualização, update rollup, service pack, pacote de funcionalidades, actualização crítica, actualização de segurança ou correcção que melhore ou corrija um produto de software lançado pela Microsoft. Para obter definições de todos estes tipos de actualizações, consulte o artigo 824684 da Base de Dados de Conhecimento da Microsoft (http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkID=43258).

  • Verbo: Tornar o computador ou um ficheiro mais actual.

Actualização

  • Nome: Um pacote de software que substituiu uma determinada versão de um produto por uma versão mais recente do mesmo produto.

  • Verbo: Actualizar entradas de registo, pastas e ficheiros de programas para uma versão mais recente utilizando o Setup.exe do suporte de dados de instalação. A actualização mantém intactos os ficheiros e as definições existentes, o que não acontece quando é efectuada uma nova instalação, em que os todos os ficheiros são eliminados e reinstalados.

Este guia abrange o seguinte:

O Windows Server 2008 SP2 é um conjunto de actualizações e correcções para o Windows Server 2008, que soluciona questões levantadas por comentários de clientes (além de fornecer melhoramentos fornecidos aos utilizadores no Windows Update). Além de incluir actualizações lançadas anteriormente, o SP2 centra-se em questões específicas de fiabilidade e de desempenho, no suporte para novos tipos de hardware e no suporte a várias normas tecnológicas emergentes. Note que, apesar de o SP2 não se destinar ao lançamento de novas funcionalidades, alguns componentes já existentes adquirem uma funcionalidade ligeiramente optimizada com o SP2. Para mais informações sobre o SP2, consulte os seguintes artigos no Web site Microsoft TechNet:

Conclua os seguintes passos antes de implementar o SP2:

  • Obtenha os ficheiros de instalação.

  • Execute as tarefas de pré-implementação.

Obtenha os ficheiros do SP2 através de um dos seguintes métodos:

  • Windows Update . O Windows Update contém o SP2, pelo que o SP2 será instalado automaticamente nos computadores definidos para receber actualizações automáticas. No entanto, antes de o SP2 ser instalado, o utilizador terá de aceitar os Termos de Licenciamento para Software Microsoft.

  • Pacote autónomo . Pode transferir o SP2 a partir do Centro de Transferências da Microsoft em http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=145430.

  • Instalação integrada. O SP2 está integrado no DVD de instalação do Windows Server 2008 SP2 e também se encontra incluído no kit de suporte de dados para clientes de licenças de volumes e subscritores dos Web sites TechNet e MSDN.

Efectue as tarefas seguintes antes de instalar o SP2. Se estiver a instalar o SP2 através do Windows Update, certifique-se de que executa estas tarefas antes de aceitar os Termos de Licenciamento para Software Microsoft.

  1. Verifique os requisitos de espaço em disco. A tabela seguinte lista os requisitos aproximados de espaço em disco para a partição do sistema, que inclui o language pack de inglês (EN) por predefinição. Note que este requisitos aumentarão se estiverem instalados outros language packs no computador. Para mais informações sobre cada método de instalação, consulte Opções de instalação.

     

    Método de instalaçãoRequisitos aproximados de espaço em disco

    Instalação autónoma

    • baseada em x86: 1,8 GB a 2,9 GB

    • baseada em x64: 3,2 GB a 4,9 GB

    • baseada em ia64: 2,9 GB a 3,2 GB

    Windows Update

    • baseada em x86: 350 MB

    • baseada em x64: 600 MB

    • baseada em ia64: 2,25 GB

    Instalação integrada

    • baseada em x86: 9 GB

    • baseada em x64: 12 GB

    • baseada em ia64: 13 GB

    noteNota
    O SP2 é suportado por computadores baseados em x86-, x64- e ia64.

    Para mais informações sobre os requisitos de sistema do Windows Server 2008, consulte http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=108506.

  2. Faça a cópia de segurança de dados importantes. No caso das instalações autónomas e do Windows Update, a Configuração cria automaticamente um ponto de restauro do sistema antes de iniciar a instalação do SP2, que faz a cópia de segurança dos ficheiros do sistema. No entanto, poderá pretender fazer a cópia de segurança de dados de utilizador antes de iniciar a instalação do SP2.

  3. Leia as notas de versão (http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=129466).

  4. Instale o RTM do Hyper-V. Se tiver activado a função Hyper-V no RTM do Windows Server 2008, mas não tiver actualizado a versão do pré-RTM do Hyper-V para o RTM do Hyper-V aplicando KB950050, tem de efectuar uma das seguintes acções:

    • Actualize o RTM do Hyper-V antes de instalar o Windows Server 2008 SP2.

    • Desactive a função Hyper-V.

      noteNota
      A desactivação da função Hyper-V não garante que as máquinas virtuais guardadas durante a execução de uma versão de pré-RTM do Hyper-V sejam executadas correctamente no RTM do Hyper-V.

    Para mais informações sobre o Hyper-V, consulte Guia de Planeamento e Implementação do Hyper-V

  5. Certifique-se de que os controladores estão actualizados. Verifique a existência de controladores actualizados no Windows Update e no fabricante de hardware. O Windows Update e os instaladores autónomos do SP2 incluem novas funcionalidades que bloquearão a instalação do SP2 se um controlador problemático estiver instalado ou fornecerão um aviso à mínima perda de funcionalidade. Se estiver a efectuar uma instalação integrada utilizando o DVD, não será confrontado com estes problemas.

  6. Desligar quaisquer cabos série ligados a dispositivos UPS. Se tiver uma fonte de alimentação ininterrupta (UPS) ligada ao computador de destino por um cabo série, remova essa ligação antes de executar a Configuração. A Configuração detecta dispositivos ligados a portas série e os dispositivos UPS podem causar problemas no processo de detecção. Pode deixar o computador ligado a uma UPS para obter energia desde que a UPS esteja ligada. No entanto, deve certificar-se de que dispõe de energia suficiente para toda a instalação, que poderá ser demorada.

  7. Ligue portáteis a uma fonte de alimentação CA.

  8. Verifique a existência de problemas relacionados com danos no arquivo de serviços e em ficheiros. Para se certificar de que o computador não tem problemas relacionados com danos em ficheiros, recomendamos que execute Verificar Disco (Chkdsk.exe), o Verificador do Ficheiro de Sistema (SFC.exe) e a ferramenta de Preparação para Actualização do Sistema (CheckSUR.exe) utilizando o procedimento seguinte.

    1. Abra uma janela da Linha de Comandos elevada (clique no botão Iniciar, escreva command na caixa Iniciar Procura, clique com o botão direito do rato na Linha de Comandos e, em seguida, clique em Executar como administrador).

    2. Execute o seguinte comando (assumindo que C é a unidade de sistema): chkdsk c: /F

    3. Depois de o comando do passo 2 ser concluído, execute o comando SFC /Scannow.

    1. Transfira a actualização KB947821 do Centro de Transferências da Microsoft (http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=109180).

    2. Faça duplo clique no ficheiro Windows6.0-KB947821-NNN.msu (em que NNN é x86, x64 ou ia64), que irá executar a Ferramenta de Preparação para Actualização do Sistema (CheckSur.exe).

Para determinar qual o melhor cenário de implementação do SP2 ou a melhor combinação de cenários para a sua organização, considere as seguintes questões. Note que a documentação do Microsoft Deployment Toolkit (http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=108442, em inglês) contém as ferramentas e as melhores práticas para o ajudar a responder a questões relativas à instalação da imagem integrada. Por exemplo, deve considerar as seguintes questões.

  • Está a actualizar computadores existentes com o Windows Server 2008, a efectuar novas instalações ou a actualizar uma versão anterior do Windows para o Windows Server 2008?

  • Qual a opção que devo utilizar?

  • Onde serão armazenados os ficheiros do service pack?

  • Haverá impactos nos meus processos de gestão da configuração e de alterações?

  • Como devo testar e validar as instalações do service pack ou da imagem antes da implementação?

  • Qual a capacidade de rede necessária para garantir que a implementação do service pack não afecta negativamente a rede ou provoca problemas de desempenho noutras aplicações empresariais?

  • Como determino que o service pack foi instalado com êxito?

As Ferramentas de Compatibilidade Aplicacional (ACT) 5.0 ajudam-no a identificar e a gerir o seu portfólio geral de aplicações, o que reduz o custo e o tempo envolvidos na resolução de problemas. Entre outras funcionalidades, as ferramentas ACT 5.0 têm uma nova interface integrada que lhe permite gerir todas as ferramentas a partir de uma única localização. Além disso, pode executar as ferramentas ACT 5.0 no seu ambiente actual (incluindo sistemas operativos Windows a partir do Windows 2000) de modo a testar todas as configurações do sistema operativo antes de iniciar a implementação. Para mais informações e para transferir as ferramentas ACT 5.0, consulte "Compatibilidade Aplicacional" (http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkID=71359, em inglês).

Existem três modos de implementar o SP2, tal como explicado na seguinte tabela.

 

Método Explicação

Instalar o SP2 através do Windows Update

Numa instalação do Windows Update, o Windows Update transfere os itens aplicáveis do service pack para o computador de destino e trabalha no sistema operativo para instalar o service pack. Este método exige uma largura de banda relativamente reduzida e minimiza o tráfego de rede devido a só serem aplicadas as alterações necessárias a um computador específico.

Este método é utilizado no Cenário 1: Instalar através do Windows Update.

Instalar o SP2 através de uma instalação autónoma

Numa instalação autónoma, o service pack é instalado para actualizar computadores que já dispõem de um sistema operativo. O tamanho da transferência do pacote autónomo é maior do que o pacote aplicado com o Windows Update. Este método é utilizado nas seguintes situações:

  • Aplicação do SP2 a computadores com conectividade limitada ou sem ligação à Internet.

  • Aplicação do service pack a mais do que um computador utilizando ferramentas de implementação como o Systems Management Server (SMS) 2003, o Servidor WSUS, o System Center Essentials ou o System Center Configuration Manager 2007.

Este método é utilizado nos seguintes cenários:

Instalar o SP2 através da instalação integrada

Numa instalação integrada (também conhecida como "instalação slipstream"), o service pack está integrado no sistema operativo e, como tal, o sistema operativo e o service pack são instalados em simultâneo. Utilize a instalação integrada para actualizar computadores com o Windows XP e para efectuar instalações limpas em computadores sem sistema operativo. Pode utilizar a instalação integrada para actualizar computadores com o Windows Server 2008 para o SP2. Para obter uma descrição geral dos caminhos de actualização suportados de versões anteriores do Windows, consulte http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=100331 (em inglês).

Se escolher esta opção, não pode desinstalar o service pack quando a instalação estiver concluída. Em vez disso, teria de reinstalar todo o sistema operativo.

Este método é utilizado nos seguintes cenários:

Os cenários seguintes descrevem alguns modos de implementação do SP2.

Cenários de pequena escala

Cenários de grande escala

O cenários seguintes são aplicáveis a empresas e indivíduos que pretendem implementar o SP2 num número relativamente pequeno de computadores.

Nesta secção:

Este método de instalação destina-se a utilizadores individuais que têm actualmente em execução o Windows Server 2008 e que têm configurado o Windows Update para transferir e instalar actualizações.

  1. Certifique-se de que está ligado à Internet.

  2. Efectue um dos seguintes procedimentos:

    • Se o computador estiver definido para instalar actualizações automaticamente, quando lhe for pedido, siga as instruções para instalar o SP2.

    • Para iniciar a instalação manualmente, efectue os passos 3 a 7.

  3. Clique em Iniciar, clique em Painel de Controlo, faça duplo clique em Windows Update e clique em Procurar Actualizações.

  4. Seleccione a actualização do SP2 (KB948465). Se existirem outras actualizações apresentadas, certifique-se de que o SP2 é a única actualização seleccionada e clique em Instalar.

  5. Depois de a Configuração transferir a actualização, aceite os Termos de Licenciamento para Software Microsoft e clique em Instalar.

  6. A Configuração iniciará a instalação. Quando lhe for solicitado, clique em Reiniciar agora. Durante esta segunda fase da instalação, a Configuração irá impedir que inicie sessão enquanto o service pack estiver a ser instalado. O instalador poderá reiniciar automaticamente o computador várias vezes durante este processo.

    CautionCuidado
    Não reinicie o computador, nem o desligue, mesmo que o computador fique num estado desconhecido durante um longo período de tempo. Se o fizer, o computador poderá ficar num estado que impossibilite o arranque.

  7. A apresentação do pedido de início de sessão do Windows é indicativa de que a Configuração está concluída. Neste momento, pode iniciar sessão no computador.

  8. Para confirmar se o SP2 está instalado, clique com o botão direito do rato em Computador e, em seguida, clique em Propriedades. Encontrará uma referência ao service pack na secção Windows Edition.

O ficheiro executável do instalador contém todos os ficheiros necessários para instalar o service pack. Este ficheiro é de extracção automática e pode ser executado a partir da linha de comandos ou fazendo duplo clique no ficheiro no Explorador do Windows.

  1. Copie ou transfira o ficheiro de instalação (Windows6.0-KB948465-X86.exe, Windows6.0-KB948465-IA64.exe ou Windows6.0-KB948465-X64.exe) para um computador. Pode transferir o SP2 a partir do Centro de Transferências da Microsoft em http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=145430.

  2. Para executar o pacote, utilize as opções da linha de comandos listadas mais à frente nesta secção ou faça duplo clique no ficheiro no Explorador do Windows. Poderá demorar alguns minutos até que a extracção dos ficheiros de instalação seja concluída. Este processo poderá ser ainda mais demorado se estiver a instalar o SP2 utilizando um recurso de rede partilhado.

  3. Siga as instruções no assistente de Configuração.

  4. Depois de a primeira fase de instalação ser concluída, o computador será reiniciado automaticamente. Durante esta segunda fase da instalação, a Configuração irá impedir que inicie sessão enquanto o service pack estiver a ser instalado.

  5. A Configuração fica concluída quando é apresentado o ecrã Actualizações da Configuração e o aviso de início de sessão. Neste momento, pode iniciar sessão no computador.

  6. Para confirmar se o SP2 está instalado, clique com o botão direito do rato em Computador e, em seguida, clique em Propriedades. Encontrará uma referência ao service pack na secção Windows Edition.

Utilize as opções listadas e descritas na tabela seguinte para definir o modo de instalação do SP2. Antes das opções indicadas a seguir, pode colocar uma barra diagonal (/) ou um hífen (-). Note que as opções não são sensíveis a maiúsculas e a minúsculas.

Utilize a seguinte sintaxe, em que NNN é x86, x64 ou ia64:

windows6.0-kb948465-NNN.exe [/quiet] [/nodialog] [/norestart]

windows6.0-kb948465-NNN.exe [/quiet] [/nodialog] [/forcerestart | /warnrestart[:<Seconds>]] [/promptrestart]

Por exemplo, para executar o ficheiro de instalação em modo silencioso sem reiniciar o computador, escreva:

windows6.0-kb948465-x86.exe /quiet /norestart

 

Opções Descrição

/forcerestart

Se o reinício for obrigatório, esta opção força quaisquer aplicações ou documentos abertos a fechar.

/nodialog

Suprime a caixa de diálogo de êxito ou de falha no fim da instalação.

/norestart

Não reinicia o computador depois de a instalação ter sido concluída, mesmo que o reinício seja obrigatório para concluir a instalação. Deve utilizar esta opção em conjunto com a opção /quiet.

/promptrestart

Se o reinício for obrigatório, uma caixa de diálogo notifica o utilizador de que é necessário reiniciar para concluir a Configuração. Deve utilizar esta opção em conjunto com a opção /quiet.

/quiet

Executa a instalação em modo silencioso. Este modo não mostra nenhuma interface durante a instalação das actualizações. É semelhante ao modo automático, com excepção de que a interface de utilizador se encontra oculta. Não serão apresentados avisos durante o processo de instalação, excepto a caixa de diálogo de êxito ou de falha no fim da instalação. Para suprimir esta caixa de diálogo, tem de especificar também a opção /nodialog.

/unattend

Instala o service pack no modo automático. Durante a instalação, só serão apresentados avisos de erros críticos e uma barra de progresso. Por exemplo, os Termos de Licenciamento para Software Microsoft não são apresentados e o computador será reiniciado automaticamente.

/warnrestart[:<seconds>]

Se o reinício for obrigatório, uma caixa de diálogo notifica o utilizador de que o computador será reiniciado no número de segundos especificado. O utilizador poderá cancelar o reinício ou reiniciar o computador de imediato. A predefinição do reinício automático é de 30 segundos.

/wsus

Devolve um código de falha se a tentativa de instalação anterior tiver falhado. Esta opção só é necessária quando está a implementar o SP2 num ambiente WSUS (Windows Server Update Services), SMS ou System Center Configuration Manager, ou num produto que não seja da Microsoft que utilize o Windows Update Agent para comunicar o êxito da instalação.

/? ou /help

Apresenta a utilização dos comandos.

Os cenários seguintes são aplicáveis a empresas que pretendem implementar o SP2 em vários computadores, que pretendem implementar imagens personalizadas ou que pretendem ambas as situações. A utilização do DVD integrado do SP2 é recomendada para instalar o SP2. Apesar de não ser recomendado, se tiver imagens personalizadas do Windows Server 2008 que pretenda actualizar, pode iniciar a imagem do Windows, aplicar o service pack e recapturar a imagem. Este método online é o único modo de actualização de imagens com o SP2. O SP2 não pode ser instalado ou desinstalado a partir de uma imagem offline do Windows Server 2008. Necessitará de obter a última versão do Windows OPK ou do Windows AIK.

O Microsoft Deployment Toolkit (http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=108442, em inglês) é a metodologia e a solução recomendadas para o ajudar a implementar o Windows Server 2008. Este toolkit pode orientá-lo na criação e na implementação de imagens personalizadas, incluindo implementações automatizadas utilizando o Systems Management Server 2003 e o System Center Configuration Manager 2007.

Nesta secção:

Utilize este método de instalação se tiver um processo automatizado para reproduzir imagens.

Ao capturar imagens personalizadas, pode utilizar o Windows OPK ou o Windows AIK lançado para o Windows Server 2008. Para actualizar uma imagem do Windows Server 2008 existente, inicie a imagem e actualize-a com o SP2. Só pode utilizar um método online para actualizar imagens com o SP2. Também não é possível instalar ou desinstalar o SP2 a partir de uma imagem offline do Windows Server 2008. Por exemplo, não existe um suporte comparável para a opção /integrate de versões anteriores do Windows.

O WSUS permite implementar as mais recentes actualizações a produtos da Microsoft em computadores com o sistema operativo Windows. Com o WSUS, pode gerir totalmente a distribuição de actualizações, lançadas pelo Microsoft Update, a computadores na sua rede. Para obter informações gerais sobre o WSUS, consulte http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkID=94244 (em inglês).

Antes de iniciar, note o seguinte:

  • Recomenda-se a implementação da actualização KB947821 em computadores servidores antes de implementar o SP2. Esta actualização está disponível no Centro de Transferências da Microsoft (http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=109180) e o ficheiro Windows6.0-KB947821-NNN.msu assegurará que cada computador está preparado para a actualização.

  • Se o servidor WSUS estiver a executar o Windows Server 2003, terá de instalar uma actualização para garantir que o SP2 é transferido com êxito. Para mais informações, consulte o artigo 938759 da Base de Dados de Conhecimento (http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=108519, em inglês).

  • Se a organização estiver a utilizar a ferramenta Service Pack Blocker Tool para impedir que o utilizador instale o SP2, a publicação do service pack no WSUS substituirá automaticamente este bloqueio e o SP2 será instalado.

O SP2 poderá ser sincronizado automaticamente no servidor WSUS, desde que o servidor esteja configurado para sincronizar os service packs do Windows Server 2008. Até que assim seja, utilize os seguintes passos para importar manualmente o service pack do site Catálogo Microsoft Update. O pacote instalado contém os pacotes de pré-requisitos e o SP2. Todo este pacote será transferido para cada computador de destino, ao contrário do Windows Update, em que só os componentes necessários a um computador específico são transferidos.

  1. Abra a consola Administrador WSUS, expanda o nó Serviços de Actualização e, em seguida, expanda o nó do servidor WSUS.

  2. Clique com o botão direito do rato no nó Actualizações e clique em Importar Actualizações.

  3. No Web site Catálogo Microsoft Update, procure Vista SP2.

  4. Nos resultados, clique em Adicionar para adicionar uma ou mais das seguintes actualizações ao seu cesto:
    Windows Server 2008 Service Pack 2 – Autónomo (x86)
    Windows Server 2008 Service Pack 2 – Autónomo (x64)
    Windows Server 2008 Service Pack 2 – Autónomo (ia64)

  5. Clique em Ver cesto.

  6. Confirme as selecções e clique em Importar para importar estes pacotes.

Este cenário explica como utilizar os Serviços de Implementação do Windows para instalar uma versão integrada do Windows Server 2008 com o SP2. No entanto, não explica como configurar os Serviços de Implementação do Windows. Para mais informações, consulte os seguintes guias passo-a-passo (consoante a sua versão dos Serviços de Implementação do Windows):

Para implementar uma imagem do Windows Server 2008 com o SP2, pode efectuar um dos seguintes procedimentos:

  • Adicione a imagem Install.wim do DVD que contém a versão integrada do Windows Server 2008 SP2 ao servidor dos Serviços de Implementação do Windows.

  • Crie uma imagem de instalação personalizada do computador de referência e, em seguida, adicione-a ao servidor dos Serviços de Implementação do Windows utilizando os seguintes procedimentos para criar uma imagem de captura e um computador de referência e para criar uma imagem de instalação com a nova imagem.

  1. Adicione o ficheiro Boot.wim, localizado na pasta \Sources do DVD do Windows Server 2008 com o SP2 ao servidor dos Serviços de Implementação do Windows.

  2. Crie uma imagem de captura do ficheiro Boot.wim e adicione-a ao servidor dos Serviços de Implementação do Windows.

  3. Crie um computador de referência que contenha o Windows Server 2008, o SP2 e todos os programas e definições que pretenda incluir na imagem.

  4. Na linha de comandos, altere os directórios para \Windows\System32\Sysprep.

  5. Execute o seguinte comando: sysprep /oobe /generalize /reboot

  1. Reinicie o computador e prima F12.

  2. Seleccione a imagem de captura criada no passo 2 do procedimento anterior.

  3. No Assistente de Captura de Imagens, seleccione o controlador adequado e forneça um nome e uma descrição para a imagem. Clique em Seguinte para continuar.

    ImportantImportante
    Só visualizará controladores que contenham sistemas operativos preparados com o Sysprep.

  4. Clique em Procurar e navegue para uma localização local em que pretenda armazenar a imagem de instalação capturada.

    ImportantImportante
    Tem de introduzir uma localização local para guardar a nova imagem. Caso contrário, não conseguirá capturar a imagem. No caso de ocorrer uma avaria na rede, isto impedirá que a imagem seja danificada.

  5. Escreva um nome para a imagem utilizando a extensão de nome de ficheiro .wim e clique em Guardar.

    ImportantImportante
    Tem de utilizar a extensão de nome de ficheiro .wim, caso contrário, a procura irá falhar.

  6. Siga as restantes instruções do Assistente de Captura de Imagens.

  7. Agora que tem a imagem de instalação personalizada no seu computador, pode efectuar um arranque em Ambiente de Execução Pré-arranque (PXE) num computador cliente e instalar a imagem. Para mais informações, utilize os passos do Guia Passo-a-Passo dos Serviços de Implementação do Windows (http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=84628)

Pode implementar o SP2 com o System Center Configuration Manager 2007, o System Center Essentials ou o SMS 2003. Para obter uma descrição das opções que pode utilizar para instalar o SP2 (especialmente a opção /wsus), consulte a secção Opções da linha de comandos mais atrás neste guia.

  • Configuration Manager 2007. Dispõe de duas opções ao implementar o SP2 com o Configuration Manager. A primeira opção é distribuir o software criando um anúncio e um pacote de distribuição de software. Para mais informações sobre esta opção, consulte "Distribuição de Software no Configuration Manager" (http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=109191, em inglês). Pode igualmente implementar o SP2 como uma actualização de software utilizando a Gestão da Actualizações de Software com o Configuration Manager 2007. A principal vantagem deste segundo método é que não existem definições de linha de comandos a configurar ou lógica de detecção a criar. No Configuration Manager 2007, o SP2 será listado como uma actualização disponível depois de uma sincronização bem sucedida do Ponto de Actualização de Software. Para mais informações sobre esta opção, consulte "Actualizações de Software no Configuration Manager" (http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=109202, em inglês).

  • System Center Essentials. O System Center Essentials é uma nova solução de gestão da família do System Center de produtos de gestão de sistemas de TI, especialmente concebida para profissionais de TI que trabalham em médias empresas. Para mais informações sobre o System Center Essentials, transfira "Descrição Geral: System Center Essentials 2007" (http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkID=89185, em inglês).

  • SMS 2003. Dispõe de duas opções ao implementar o SP2 com o SMS. Pode distribuir o software criando um anúncio e um pacote de distribuição de software. Para mais informações sobre esta opção, consulte "Distribuir Software" (http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=109218, em inglês). Ou pode implementar o SP2 como uma actualização de software utilizando a Ferramenta de Inventário para Actualizações da Microsoft (ITMU). Para mais informações sobre como implementar actualizações de software utilizando o SMS 2003 e a ITMU, consulte o artigo do Web site Microsoft TechNet "Ferramenta de Inventário do SMS 2003 para Actualizações da Microsoft" (http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=108463, em inglês).

Antes de iniciar a implementação com qualquer uma destas ferramentas, tenha em conta os dois seguintes problemas:

Em primeiro lugar, ao utilizar o Configuration Manager 2007 ou o SMS, se um computador tiver um controlador problemático (tal como indicado anteriormente neste guia), não receberá um aviso ou um erro que impeça a instalação no computador. Para minimizar questões com controladores problemáticos para o SP2, efectue o seguinte:

  1. Prepare a equipa de Suporte Técnico com informações sobre como reorganizar e corrigir questões com controladores problemáticos.

  2. Teste as instalações do SP2 antes da implementação. Se necessário, instale controladores actualizados do Windows Update ou de fabricantes de hardware à medida que são disponibilizados.

  3. Instale a actualização do SP2 nos Pontos de Actualização de Software.

  4. Configure colecções do Configuration Manager 2007 ou do SMS, bem como os Pontos de Actualização de Software, conforme necessário, para implementar o SP2 em computadores clientes gradualmente.

Em computadores com controladores problemáticos para os quais não existam actualizações disponíveis, terá de corrigir os problemas do controlador após a instalação do SP2. Para mais informações, consulte http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=113723.

Em segundo lugar, ao utilizar cada uma destas ferramentas num computador com o Windows Server 2003, tem de instalar a actualização KB938759 http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=108519, em inglês) para garantir que o SP2 seja transferido com êxito. Para o SMS e o Configuration Manager, tem de aplicar esta actualização a cada servidor de site, ponto de actualização de software e consola de administração. Note que esta actualização já está incluída no Windows Server 2008 e no Windows Server 2008, mas não está disponível no Windows XP. Além disso, tem de iniciar o Assistente de Distribuição de Actualizações de Software a partir de um computador com o Windows Server 2003 (com a actualização KB 938759 aplicada), Windows Vista ou com o Windows Server 2008.

Pode remover o Windows Server 2008 SP2 utilizando Programas e Funcionalidades (em Painel de Controlo) ou a linha de comandos. No entanto, note que não é possível desinstalar o SP2 utilizando um método qualquer. Também não é possível desinstalar o service pack e outras actualizações instaladas através de uma instalação integrada.

  1. Abra o Painel de Controlo, clique em Programas e, em seguida, clique em Ver Actualizações Instaladas.

  2. Na lista Microsoft Windows, clique com o botão direito do rato em Service Pack para o Microsoft Windows (KB948465) e clique em Desinstalar.

  3. Quando lhe for pedido, reinicie o computador.

Pode remover o Windows Server 2008 SP2 a partir da linha de comandos especificando o caminho do pacote utilizado na instalação (o caminho do ficheiro .cab expandido) ou especificando a identidade do pacote (o nome do pacote).

  1. Abra uma janela da Linha de Comandos elevada (clique no botão Iniciar, escreva comando na caixa Iniciar Procura, clique com o botão direito do rato na Linha de Comandos e, em seguida, clique em Executar como administrador).

  2. Execute o seguinte comando assumindo que o ficheiro Windows6.0-KB948465-NNN.exe se encontra na pasta C:\temp:
    C:\temp\Windows6.0-KB948465-NNN.exe /x:C:\temp

    Em que NNN é x86, x64 ou ia64.

  3. Para criar uma sandbox (ambiente virtual), escreva:
    md <sandbox>

  4. Para remover o SP2, escreva:
    start /w pkgmgr.exe /m:c:\temp\Windows6.0-KB948465-NNN.cab /up /s:<sandbox>

  5. Depois de o Pkgmgr.exe ter sido concluído, ser-lhe-á pedido para reiniciar o computador (a menos que tenha especificado a opção /quiet).

  1. Abra uma janela da Linha de Comandos elevada (clique no botão Iniciar, escreva comando na caixa Iniciar Procura, clique com o botão direito do rato na Linha de Comandos e, em seguida, clique em Executar como administrador).

  2. Execute um dos seguintes comandos:

    • Utilizando o pacote de 5 idiomas: start /w pkgmgr /up /p:"VistaSP2-KB948465~31bf3856ad364e35~NNN~~6.0.0.QQQQQ"

    • Utilizando o pacote que contém todos os idiomas: start /w pkgmgr /up /p:"VistaSP2-KB948465~31bf3856ad364e35~NNN~~6.0.1.QQQQQ"

    Em que NNN é x86, x64 ou ia64 e QQQQQ é o número de compilação.

  3. Depois de o Pkgmgr.exe ter sido concluído, ser-lhe-á pedido para reiniciar o computador (a menos que tenha especificado a opção /quiet).

Para confirmar se o SP2 está instalado, clique com o botão direito do rato em Computador e, em seguida, clique em Propriedades. Encontrará uma referência ao service pack na secção Windows Edition.

Ao instalar o SP2, alguns computadores têm problemas que bloqueiam a instalação ou provocam a sua falha. Este problemas poderão ser os seguintes:

  • Uma aplicação ou um BIOS problemático

  • Um disco rígido danificado

  • Falhas na memória

  • Problemas de sincronização do software e do sistema de ficheiros. Por motivos de desempenho, o sistema de ficheiros mantém uma cópia dos conteúdos de alguns ficheiros na memória e o processo de escrita destes conteúdos no disco rígido poderá ser demorado. Por conseguinte, por vezes, o conteúdo de alguns ficheiros no disco rígido poderá estar ligeiramente dessincronizado relativamente à memória.

Para contornar os problemas de instalação, efectue os seguintes passos pela ordem especificada:

  1. Garanta que tem espaço em disco suficiente, tal como especificado na tabela "Verifique os requisitos de espaço em disco" em Executar tarefas de pré-implementação mais atrás neste guia. Em seguida, reinicie o computador e volte a tentar a instalação do SP2. Isto assegurará que todos os ficheiros se encontram sincronizados correctamente.

  2. Se a instalação continuar a falhar, transfira e extraia a actualização KB947821 do Centro de Transferências da Microsoft. O ficheiro Windows6.0-KB947821-NNN.msu irá assegurar que o computador estará preparado para ser actualizado. Em seguida, volte a tentar a instalação do SP2. Para obter informações sobre esta actualização, incluindo informações sobre a obtenção da mesma, consulte http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=109180.

  3. Se a instalação continuar a falhar, abra uma janela da Linha de Comandos elevada e, em seguida, execute o comando chkdsk /f. A ferramenta Chkdsk verifica a existência de erros no sistema de ficheiros e nos metadados e, em seguida, corrige os erros, se possível. Em seguida, volte a tentar a instalação do SP2.

  4. Se a instalação continuar a falhar, abra uma janela da Linha de Comandos elevada e, em seguida, execute o comando MdSched.exe. A ferramenta de Diagnóstico de Memória do Windows testa a existência de erros na RAM (random access memory) do computador. Em seguida, volte a tentar a instalação do SP2.

Considera isto útil?
(1500 caracteres restantes)
Obrigado pelos seus comentários

Conteúdo da Comunidade

Mostrar:
© 2014 Microsoft