Exportar (0) Imprimir
Expandir Todos

Verificar a sincronização de diretórios

Publicada: Junho de 2012

Atualizada: Fevereiro de 2013

Aplica-se a: Office 365, Windows Intune

noteNota
Este tópico fornece conteúdo de ajuda online que é aplicável a vários serviços baseados na nuvem Microsoft, incluindo o Windows Intune e o Office 365.

Para saber se a sincronização do Active Directory está a aprovisionar corretamente os utilizadores, grupos e contactos das aplicações no local na nuvem, é necessário verificar a sincronização de diretórios. Ao verificar a sincronização de diretórios, pode conceder licenças aos utilizadores aprovisionados através do Ferramenta de Sincronização do Windows Azure Active Directory.

TipSugestão
Utiliza o Office 365? Ao verificar a sincronização de diretórios, pode conferir se a Ferramenta de Sincronização do Windows Azure Active Directory está a sincronizar e a manter a Lista de Endereços Global (GAL) atualizada na nuvem.

Para verificar se o Ferramenta de Sincronização de Diretórios está a funcionar, é necessário testar tanto a sincronização manual como a automática. Este processo pode demorar até três horas a ser concluído.

O Ferramenta de Sincronização de Diretórios escreve entradas no registo de eventos do computador da sincronização de diretórios. Estas entradas indicam o início e o fim de uma sessão de sincronização de diretórios. Os erros de sincronização são também reportados no registo de eventos e enviados por correio eletrónico ao contacto técnico designado da sua organização. Ao rever o registo de eventos, procure as entradas provenientes da origem Sincronização de Diretórios. A conclusão da sincronização de diretórios é indicada por uma entrada denominada Evento 4 e com a descrição Exportação concluída.

Quando se ativa a sincronização de diretórios, o Active Directory local torna-se o ponto central de todas as alterações aos objetos com capacidade para correio sincronizados existentes no Windows Azure Active Directory. Ao longo dos procedimentos seguintes, irá efetuar alterações aos objetos com capacidade para correio do Active Directory local e verificar essas alterações no Windows Azure AD.

O que pretende fazer?

Verificar a sincronização de diretórios após uma sincronização forçada

  1. Certifique-se de que foi indicado um endereço de correio eletrónico válido para o contacto técnico da organização relativo ao serviço baseado na nuvem designado.

  2. Inicie sessão no serviço baseado na nuvem utilizando as credenciais de administrador de serviços.

  3. Verifique as propriedades adicionais de uma conta de utilizador específica (por exemplo, Cargo, Departamento ou Endereço) que serão sincronizadas a partir do Active Directory local para o Windows Azure AD.

  4. Confirme que não é possível editar as propriedades adicionais dessa conta de utilizador no Windows Azure AD.

  5. Inicie sessão no Active Directory local com as permissões necessárias para editar contas de utilizador, contactos e grupos de distribuição.

  6. No Active Directory local, faça uma alteração simples, mas óbvia, a uma das propriedades adicionais dessa conta de utilizador específica.

  7. Abra o Assistente de Configuração da Sincronização de Diretórios do Microsoft Online Services.

    1. Forneça as informações solicitadas nas páginas do assistente.

    2. Na página Concluída, selecione Sincronizar os diretórios agora e, em seguida, clique em Concluir.

  8. Quando a sincronização de diretórios estiver concluída, veja as propriedades adicionais do utilizador no Windows Azure AD e verifique se a alteração que efetuou às propriedades adicionais da conta de utilizador específica no Active Directory local foram sincronizadas com o Windows Azure AD.

Verificar a sincronização de diretórios após uma sincronização automática

  1. Inicie sessão no serviço baseado na nuvem utilizando as credenciais de administrador de serviços.

  2. Quando a sincronização de diretórios estiver concluída, veja as propriedades da conta de utilizador no Centro de Administração da sua organização e verifique se as alterações que efetuou no Active Directory local são visíveis no Windows Azure AD.

Ver Também

Considera isto útil?
(1500 caracteres restantes)
Obrigado pelos seus comentários

Conteúdo da Comunidade

Adicionar
Mostrar:
© 2014 Microsoft