Exportar (0) Imprimir
Expandir Todos

Descrições de cmdlets do Windows PowerShell

Publicada: Junho de 2012

Atualizada: Janeiro de 2013

Aplica-se a: Office 365, Windows Intune

noteNota
Este tópico fornece conteúdo de ajuda online que é aplicável a vários serviços baseados na nuvem Microsoft, incluindo o Windows Intune e o Office 365.

Como administrador, pode utilizar os cmdlets do Microsoft Online Services para Windows PowerShell para efetuar várias tarefas de gestão a partir da linha de comandos. Este tópico lista e fornece uma descrição de todos os cmdlets do Microsoft Online Services, ordenados por tarefa administrativa comum, tal como a gestão de utilizadores e gestão de domínios.

Para obter informações mais detalhadas, cada cmdlet tem um ficheiro de ajuda que pode visualizar ao digitar na linha de comandos: get-help <cmdlet-name> -detailed. A vista detalhada do ficheiro de ajuda cmdlet inclui uma descrição do cmdlet, a sintaxe do comando, descrições dos parâmetros e um ou mais exemplos que demonstram a utilização do cmdlet.

O que pretende fazer?

Gerir utilizadores

Utilize os cmdlets seguintes para efetuar várias tarefas relacionadas com a gestão de utilizadores, palavras-passe e UPNs.

 

Cmdlet do Windows PowerShell Descrição

Convert-MsolFederatedUser

O cmdlet Convert-MsolFederatedUser é utilizado para atualizar um utilizador num domínio convertido recentemente do single sign-on (também denominado federação de identidades) para o tipo de autenticação padrão. Deve ser fornecida ao utilizador uma nova palavra-passe.

Get-MsolUser

O cmdlet Get-MsolUser pode ser utilizado para obter um utilizador individual ou uma lista de utilizadores. Um utilizador individual será obtido se for utilizado o parâmetro ObjectId ou UserPrincipalName.

New-MsolUser

O cmdlet New-MsolUser é utilizado para criar um novo utilizador no Windows Azure AD. Para dar acesso aos serviços ao utilizador, tem de se lhe atribuir também uma licença (através do parâmetro LicenseAssignment).

Remove-MsolUser

O cmdlet Remove-MsolUser é utilizado para remover um utilizador do Windows Azure AD. Este cmdlet elimina o utilizador, as respetivas licenças e quaisquer outros dados associados.

Restore-MsolUser

O cmdlet Restore-MsolUser restaura o estado original de um utilizador na vista Utilizadores eliminados. Os utilizadores permanecerão na vista Utilizadores eliminados durante 30 dias.

Set-MsolUser

O cmdlet Set-MsolUser é utilizado para atualizar um objeto de UTILIZADOR. Tenha em atenção que este cmdlet deve ser utilizado unicamente para propriedades básicas. As licenças, palavras-passe e o Nome Principal de Utilizador de um utilizador podem ser atualizados através dos cmdlets Set-MsolUserLicense, Set-MsolUserPassword e Set-MsolUserPrincipalName, respetivamente.

Set-MsolUserPassword

O cmdlet Set-MsolUserPassword é utilizado para alterar a palavra-passe de um utilizador. Este cmdlet só pode ser utilizado para os utilizadores com identidades padrão.

Set-MsolUserPrincipalName

O cmdlet Set-MsolUserPrincipalName é utilizado para alterar o Nome Principal de Utilizador ([Valor do Token de Modelo]) de um utilizador. Este cmdlet pode ser utilizado para mover um utilizador entre um domínio federado e um domínio padrão, o que resulta na alteração do tipo de autenticação para o do domínio de destino.

Set-MsolPasswordPolicy

O cmdlet Set-MsolPasswordPolicy pode ser utilizado para atualizar a política de palavras-passe de um domínio ou inquilino especificado. São necessárias duas definições: a primeira é a indicação do período de validade de uma palavra-passe antes de ter de ser alterada; a segunda é a indicação do número de dias até à expiração da palavra-passe, o qual determinará a data em que os utilizadores receberão a primeira notificação de que a palavra-passe irá expirar brevemente.

Get-MsolPasswordPolicy

O cdmlet Get-MsolPasswordPolicy pode ser utilizado para obter os valores associados à janela de Expiração da Palavra-passe ou à janela de Notificação da Expiração da Palavra-passe de um inquilino ou domínio especificado. Nos casos em que esteja especificado um nome de domínio, este deve ser um domínio verificado para a empresa.

O que pretende fazer?

Gerir a associação a grupos e funções

Utilize os cmdlets seguintes para efetuar várias tarefas relacionadas com a associação a grupos e funções, incluindo a adição de um utilizador a um grupo ou a uma função, e a criação e remoção de grupos.

 

Cmdlet do Windows PowerShell Descrição

Add-MsolGroupMember

O cmdlet Add-MsolGroupMember é utilizado para adicionar membros a um grupo de segurança. Os novos membros podem ser utilizadores ou outros grupos de segurança.

Get-MsolGroup

O cmdlet Get-MsolGroup é utilizado para obter grupos do Windows Azure AD. Este cmdlet pode ser utilizado para devolver um grupo individual (se ObjectId for transmitido) ou para procurar em todos os grupos.

Get-MsolGroupMember

O cmdlet Get-MsolGroupMember é utilizado para obter membros do grupo especificado. Os membros podem ser utilizadores ou grupos.

New-MsolGroup

O cmdlet New-MsolGroup é utilizado para adicionar um novo grupo de segurança ao Windows Azure AD.

Remove-MsolGroup

O cmdlet Remove-MsolGroup é utilizado para eliminar um grupo do Windows Azure AD.

Remove-MsolGroupMember

O cmdlet Remove-MsolGroupMember é utilizado para remover um membro de um grupo de segurança. Este membro pode ser um utilizador ou um grupo.

Set-MsolGroup

O cmdlet Set-MsolGroup é utilizado para atualizar as propriedades de um grupo de segurança.

Add-MsolRoleMember

O cmdlet Add-MsolRoleMember é utilizado para adicionar um membro a uma função. Atualmente, só é possível adicionar utilizadores a uma função (a adição de grupos não é suportada).

Get-MsolRole

O cmdlet Get-MsolRole pode ser utilizado para obter uma lista de funções de administrador.

Get-MsolUserRole

O cmdlet Get-MsolUserRole é utilizado para obter todas as funções de administrador associadas ao utilizador especificado. Este cmdlet devolve também as funções das quais um utilizador é membro através da associação a um grupo de segurança.

Get-MsolRoleMember

O cmdlet Get-MsolRoleMember é utilizado para obter todos os membros da função especificada.

Remove-MsolRoleMember

O cmdlet Remove-MsolRoleMember é utilizado para remover um utilizador de uma função de administrador.

O que pretende fazer?

Gerir principais do serviço

Utilize os seguintes cmdlets para executar diferentes tarefas relacionadas com os principais do serviço.

 

Cmdlet do Windows PowerShell Descrição

Set-MsolServicePrincipal

O cmdlet Set-MsolServicePrincipal atualiza um principal do serviço no Windows Azure AD. Pode ser utilizado para atualizar o nome a apresentar, ativar/desativar o principal do serviço, fidedigno para delegação, os nomes dos principais do serviço (SPNs) ou os endereços.

New-MsolServicePrincipal

O cmdlet New-MsolServicePrincipal cria um principal do serviço que pode ser utilizado para representar uma aplicação de Linha de Negócios (LOB) ou um servidor local, como o Microsoft Exchange, o SharePoint ou o Lync, no Windows Azure AD, enquanto objetos do "principal do serviço". Adicionar uma nova aplicação como principal do serviço permite a autenticação dessa aplicação noutros serviços, tais como o Microsoft Office 365.

Get-MsolServicePrincipal

O cmdlet Get-MsolServicePrincipal pode ser utilizado para obter um principal do serviço ou uma lista de principais do serviço a partir do diretório do Windows Azure AD.

Remove-MsolServicePrincipal

O cmdlet Remove-MsolServicePrincipal remove um principal do serviço do Windows Azure AD.

New-MsolServicePrincipalAddress

O cmdlet New-MsolServicePrincipalAddress cria um novo objeto de endereço do principal do serviço que pode ser utilizado para atualizar os endereços de um determinado principal do serviço.

Get-MsolServicePrincipalCredential

O cmdlet Get-MsolServicePrincipalCredential pode ser utilizado para obter uma lista de credenciais associadas ao principal do serviço.

New-MsolServicePrincipalCredential

O cmdlet New-MsolServicePrincipalCredential pode ser utilizado para adicionar uma nova credencial a um principal do serviço ou para adicionar ou lançar as chaves de credenciais de uma aplicação. O principal do serviço é identificado através do ID de objeto, do ID da aplicação ou do nome do principal do serviço (SPN).

Remove-MsolServicePrincipalCredential

O cmdlet Remove-MsolServicePrincipalCredential pode ser utilizado para remover uma chave de credenciais de um principal do serviço no caso de comprometimento ou como parte da expiração de rollover da chave de credenciais. O principal do serviço é identificado através do ID de objeto, do ID da aplicação ou do nome do principal do serviço (SPN). A credencial a remover é identificada pelo ID da respetiva chave.

O que pretende fazer?

Gerir domínios

Utilize os cmdlets seguintes para efetuar várias tarefas de gestão de domínios, incluindo a criação ou remoção de um domínio.

 

Cmdlet do Windows PowerShell Descrição

Confirm-MsolDomain

O cmdlet Confirm-MsolDomain é utilizado para confirmar a propriedade de um domínio. Para poder confirmá-la, deve ser adicionado um registo DNS TXT personalizado relativo ao domínio. Este deve ser adicionado com o cmdlet Add-MsolDomain e, em seguida, deve ser chamado o cmdlet Get-MsolDomainVerificationDNS para obter os detalhes do registo DNS a definir. Tenha em atenção que pode haver um atraso (de 15 a 60 minutos) entre a atualização do DNS e o momento em que o cmdlet é capaz de confirmar a propriedade de um domínio.

Get-MsolDomain

O cmdlet Get-MsolDomain é utilizado para obter domínios de empresas.

Get-MsolDomainVerificationDns

O cmdlet Get-MsolDomainVerificationDns é utilizado para devolver os registos DNS que têm de ser definidos para verificar um domínio.

New-MsolDomain

O cmdlet New-MsolDomain é utilizado para criar um novo objeto de domínio. Este cmdlet pode ser utilizado para criar um domínio com identidades geridas ou federadas, embora o cmdlet New-MsolFederatedDomain deva ser utilizado para domínios federados, para garantir uma configuração correta.

Remove-MsolDomain

O cmdlet Remove-MsolDomain é utilizado para eliminar um domínio do Windows Azure AD. O domínio a ser eliminado tem de estar vazio, isto é, não pode conter utilizadores nem grupos com endereços de correio eletrónico.

Set-MsolDomain

O cmdlet Set-MsolDomain é utilizado para atualizar as definições de um domínio. Através deste cmdlet, podem ser alterados o domínio predefinido ou as capacidades (Correio eletrónico, Sharepoint, Office Communications Online).

Set-MsolDomainAuthentication

O cmdlet Set-MsolDomainAuthentication é utilizado para alterar a autenticação de domínio entre a identidade padrão e o single sign-on. Este cmdlet só atualiza as definições no Windows Azure AD; geralmente, deve ser antes utilizado o cmdlet Convert-MsolDomainToStandard ou Convert-MsolDomainToFederated.

O que pretende fazer?

Gerir o single sign-on

Utilize os cmdlets seguintes para executar tarefas relacionadas com o single sign-on, tais como a adição de um novo domínio de single sign-on (também denominado domínio de federação de identidades) ao Windows Azure AD.

 

Cmdlet do Windows PowerShell Descrição

New-MsolFederatedDomain

O cmdlet New-MsolFederatedDomain adiciona um novo domínio de single sign-on (também denominado domínio de federação de identidades) ao Windows Azure AD e configura as definições de fidedignidade de entidade confiadora entre o servidor de Serviços de Federação do Active Directory 2.0 no local e o Windows Azure AD. Devido aos requisitos de verificação de domínios, é possível que tenha de executar este cmdlet várias vezes para poder concluir o processo de adição do novo domínio de single sign-on.

Convert-MsolDomainToStandard

O cmdlet Convert-MsolDomainToStandard converte o domínio especificado de single sign-on (também denominado federação de identidades) em autenticação padrão. Este processo também remove as definições de fidedignidade de entidade confiadora do servidor de Serviços de Federação do Active Directory 2.0 e do Windows Azure AD. Após a conversão, este cmdlet passa a converter todos os utilizadores existentes de single sign-on em autenticação padrão. Qualquer utilizador existente que tenha sido configurado para o single sign-on receberá uma nova palavra-passe temporária como parte do processo de conversão. Cada nome de utilizador convertido e nova palavra-passe temporária serão registados num ficheiro para consulta do administrador. Este poderá então distribuir a nova palavra-passe temporária a cada utilizador convertido para que possa iniciar sessão no serviço em nuvem.

Convert-MsolDomainToFederated

O cmdlet Convert-MsolDomainToFederated converte o domínio especificado de autenticação padrão para single sign-on (também denominado federação de identidades), incluindo a configuração das definições de fidedignidade de entidade confiadora entre o servidor de Serviços de Federação do Active Directory 2.0 e o Windows Azure AD. No âmbito da conversão de um domínio de autenticação padrão em single sign-on, devem também ser convertidos todos os utilizadores. Esta conversão ocorre automaticamente da próxima vez que um utilizador iniciar sessão; não é necessária qualquer ação por parte do administrador.

Get-MsolFederationProperty

O cmdlet Get-MsolFederationProperty obtém definições chave do servidor de Serviços de Federação do Active Directory 2.0 e do Windows Azure AD. Pode utilizar estas informações para resolver problemas de autenticação causados por definições não correspondentes entre o servidor de Serviços de Federação do Active Directory 2.0 e o Windows Azure AD.

Get-MsolDomainFederationSettings

O cmdlet Get-MsolDomainFederationSettings obtém definições chave do Windows Azure AD. Utilize o cmdlet Get-MsolFederationProperty para obter definições para o Windows Azure AD e para o servidor de Serviços de Federação do Active Directory.

Remove-MsolFederatedDomain

O cmdlet Remove-MsolFederatedDomain remove o domínio de single sign-on especificado do Windows Azure AD e as definições de fidedignidade de entidade confiadora associadas dos Serviços de Federação do Active Directory 2.0. Nota: se o domínio especificado tiver objetos associados, não poderá remover o domínio.

Set-MsolDomainFederationSettings

O cmdlet Set-MsolDomainFederationSettings é utilizado para atualizar as definições de um domínio de sign-on individual.

Set-MsolADFSContext

O cmdlet Set-MsolADFSContext define as credenciais para ligar ao Windows Azure AD e ao servidor de Serviços de Federação do Active Directory 2.0 (AD FS 2.0). Este cmdlet tem de ser executado antes de serem chamados quaisquer outros cmdlets de single sign-on (também denominado federação de identidades). Se este cmdlet for chamado sem parâmetros, será pedido ao utilizador que introduza as credenciais para ligar aos diferentes sistemas. Quando o servidor de AD FS 2.0 é utilizado remotamente, o utilizador tem de especificar o nome de computador do servidor de AD FS 2.0 principal. Tenha em atenção que o ficheiro de registo especificado é partilhado por todos os cmdlets de single sign-on da sessão. Se não houver um ficheiro de registo especificado, será criado um.

Update-MsolFederatedDomain

O cmdlet Update-MsolFederatedDomain altera definições no servidor de Serviços de Federação do Active Directory 2.0 e no Windows Azure AD. É necessário executar este cmdlet sempre que os URLs ou as informações de certificados dos Serviços de Federação do Active Directory 2.0 mudem devido a alterações da configuração ou à manutenção regular dos certificados, como quando um certificado está prestes a expirar. Este cmdlet também deve ser executado quando existam alterações no Windows Azure AD. Para confirmar que as informações nos dois sistemas está correta, as definições podem ser obtidas através do cmdlet Get-MsolFederationProperty.

O que pretende fazer?

Gerir subscrições e licenças

Utilize os cmdlets seguintes para gerir subscrições, contas e licenças.

 

Cmdlet do Windows PowerShell Descrição

Get-MsolSubscription

O cmdlet Get-MsolSubscription devolve todas as subscrições que a empresa adquiriu. Para atribuir licenças aos utilizadores, deve ser antes utilizada a API Get-MsolAccountSku.

Get-MsolAccountSku

A Get-MsolAccountSku devolve todos os SKUs que a empresa possui.

New-MsolLicenseOptions

O cmdlet New-MsolLicenseOptions cria um novo objeto de Opções de Licença. Este cmdlet desativa planos de serviço específicos, quando é atribuída uma licença a um utilizador através dos cmdlets Add-MsolUser e Set-MsolUserLicense.

Set-MsolUserLicense

O cmdlet Set-MsolUserLicense pode ser utilizado para ajustar as licenças de um utilizador, o que pode incluir adicionar uma nova licença, remover uma licença, atualizar as opções de licença ou uma qualquer combinação destas ações.

O que pretende fazer?

Gerir informações da empresa e o serviço

Utilize os cmdlets seguintes para efetuar tarefas relacionadas com a gestão das informações da empresa e a ligação ao serviço baseado na nuvem Microsoft. Também existem cmdlets para tarefas efetuadas por empresas parceiras.

 

Cmdlet do Windows PowerShell Descrição

Connect-MsolService

O cmdlet Connect-MsolService tenta iniciar uma ligação ao Windows Azure AD. O chamador deve fornecer as suas credenciais (um objeto PSCredential) ou utilizar a opção UseCurrentCredential, caso o utilizador com sessão iniciada esteja federado com o Windows Azure AD. Este cmdlet pode devolver um aviso ou erro, se a versão do módulo a ser utilizado estiver desatualizada.

Set-MsolDirSyncEnabled

O cmdlet Set-MsolDirSyncEnabled é utilizado para ativar ou desativar a sincronização de diretórios de uma empresa.

Get-MsolPartnerContract

O cmdlet Get-MsolPartnerContract só deve ser utilizado por parceiros, uma vez que serve para obter uma lista de contratos relativos a um parceiro. A entrada neste cmdlet deve ser um domínio a consultar e o respetivo tenant deve ser verificado. Se a empresa existir e o parceiro tiver acesso à mesma, o contrato correspondente será devolvido.

Get-MsolPartnerInformation

O cmdlet Get-MsolPartnerInformation é utilizado para obter informações específicas de parceiros. Este cmdlet só deve ser utilizado para tenants de parceiros.

Set-MsolPartnerInformation

O cmdlet Set-MsolPartnerInformation é utilizado por parceiros para definir propriedades específicas de parceiros. Estas propriedades poderão ser vistas por todos os tenants a que o parceiro tem acesso.

Get-MsolContact

O cmdlet Get-MsolContact pode ser utilizado para obter um objeto de contacto ou uma lista de contactos. Será obtido um contacto individual se for utilizado o parâmetro ObjectId.

Remove-MsolContact

O cmdlet Remove-MsolContact é utilizado para eliminar um contacto do Windows Azure AD.

Get-MsolCompanyInformation

O cmdlet Get-MsolCompanyInformation obtém informações ao nível da empresa.

Set-MsolCompanyContactInformation

O cmdlet Set-MsolCompanyContactInformation é utilizado para definir as preferências de contacto ao nível da empresa, incluindo endereços de correio eletrónico para notificações de teor técnico, de faturação e marketing sobre o serviço em nuvem.

Set-MsolCompanySettings

O cmdlet Set-MsolCompanySettings é utilizado para estabelecer definições de configuração ao nível da empresa.

Redo-MsolProvisionContact

O cmdlet Redo-MsolProvisionContact pode ser utilizado para tentar novamente o aprovisionamento de um objeto de contacto no Windows Azure AD se tiver ocorrido um erro numa tentativa anterior de criação do objeto de contacto.

Redo-MsolProvisionGroup

O cmdlet Redo-MsolProvisionGroup pode ser utilizado para tentar novamente o aprovisionamento de um objeto de grupo no Windows Azure AD se tiver ocorrido um erro numa tentativa anterior de criação do objeto de grupo.

Redo-MsolProvisionUser

O cmdlet Redo-MsolProvisionUser pode ser utilizado para tentar novamente o aprovisionamento de um objeto de utilizador no Windows Azure AD se tiver ocorrido um erro numa tentativa anterior de criação do objeto de grupo.

O que pretende fazer?

Considera isto útil?
(1500 caracteres restantes)
Obrigado pelos seus comentários
Mostrar:
© 2014 Microsoft