Exportar (0) Imprimir
Expandir Todos

Problemas Conhecidos do Windows Azure AD Rights Management

Publicada: Julho de 2012

Atualizada: Agosto de 2012

Aplica-se a: Office 365

O tópico seguinte contém informações sobre problemas atualmente conhecidos com o Gestão de Direitos do Windows Azure AD ou respetiva ajuda instalada e ficheiros de suporte.

Problemas conhecidos com a ajuda do Windows PowerShell para o Rights Management

A secção seguinte contém informações sobre problemas atualmente conhecidos com o ficheiro de ajuda do Windows PowerShell fornecido com o módulo de administração do Gestão de Direitos. Para mais informações sobre como instalar e utilizar este módulo, consulte Instalar o Windows PowerShell para gestão de direitos.

A Ajuda para Connect-AadrmService mostra atribuição incorreta de nomes de parâmetro

A ajuda do PowerShell para o cmdlet Connect-AadrmService mostra um parâmetro com o nome ConnectionUri, mas este parâmetro não é obrigatório e a sua utilização já não é suportada. O cmdlet foi remodelado para deixar de exigir a especificação de quaisquer parâmetros, conforme mostrado a seguir.

C:\PS>Connect-AadrmService

A administração baseada em funções não está a funcionar

Os seguintes cmdlets de administração baseada em funções estão atualmente a funcionar, mas a funcionalidade por eles suportada não se encontra atualmente disponível para utilização nesta versão preliminar.

  • Add-AadrmRoleBasedAdministrator

  • Get-AadrmRoleBasedAdministrator

  • Remove-AadrmRoleBasedAdministrator

Se executar estes cmdlets, serão executados conforme pretendido. Contudo, os administradores baseados em funções que adicionar não terão privilégios administrativos e não conseguirão iniciar sessão como administrador do Rights Management. Este é um problema conhecido que deve ser corrigido e a funcionalidade será restaurada após a correção e resolução do mesmo.

Além disso, a ajuda destes cmdlets apresenta informações incorretas ou desatualizadas sobre os parâmetros. Para obter as informações mais recentes sobre os parâmetros, consulte Adicionar, listar ou remover administradores baseados em funções para gestão de direitos.

O conteúdo com direitos protegidos por parceiros do Office 365 pode ficar órfão

Em caso de colaboração entre duas organizações diferentes que utilizem o Office 365, um utilizador poderá proteger conteúdo utilizando a chave de uma organização parceira. Se a outra organização decidir deixar o Office 365, o conteúdo protegido utilizando a chave organizacional dessa empresa pode tornar-se órfão e deixar de estar acessível. Com base nos primeiros comentários sobre este comportamento, o comportamento deverá ser atualizado em versões posteriores.

Como posso descobrir quais são os IDs ou GUIDs de Objeto dos utilizadores ou grupos do Office 365 que pretendo administrar para o Rights Management?

No portal de administração do Office 365, não são apresentados os GUIDs utilizados para identificar objetos de utilizadores ou grupos específicos. Se pretender procurar os GUIDs associados a qualquer dos seus utilizadores ou grupos do Office 365 que esteja a considerar administrar para o Rights Management, terá de utilizar os cmdlets do Windows PowerShell para o Office 365 para procurar os valores dos GUIDs utilizando os passos descritos no procedimento seguinte.

Para procurar os IDs (GUIDs) de Objeto para objetos de utilizadores ou grupos do Office 365

  1. Importe os cmdlets de administração do Office 365 executando Import-Module MSOnline, ligue ao Serviço executando Connect-MsolService e execute o seguinte cmdlet do Get-MsolGroup para procurar o ID de Objeto do grupo de segurança que criou para administrar direitos administrativos baseados em funções para o Rights Management.

    Se tiver muitos grupos, utilize o cmdlet Where-Object no Windows PowerShell para filtrar os resultados. Por exemplo, pode introduzir o seguinte cmdlet para filtrar e devolver apenas os grupos que começam com "Rights".

    PS C:\windows> Get-MsolGroup | where {$_.DisplayName -like "Rights*" }
    
  2. Na saída do cmdlet Get-MsolGroup, copie o valor do GUID a partir do ID de Objeto devolvido e utilize (cole) esse valor como valor do parâmetro -Id ao executar o cmdlet Add-RoleBased Administrator.

Para obter mais informações sobre como instalar os cmdlets de administração do Office 365, consulte Install the Windows PowerShell cmdlets (Instalar os cmdlets do Windows PowerShell) para integração no Azure Active Directory.

A autenticação falha se não for definida a autenticação integrada do Windows no Internet Explorer

Se encontrar problemas em que a autenticação SSPI (Security Support Provider Interface) não solicita a autenticação ao utilizar o Gestão de Direitos e for apresentada uma mensagem de erro como a seguinte:

Cannot use this feature without credentials.

pode ser necessário verificar se a autenticação integrada do Windows foi ativada nas definições do Internet Explorer.

Para verificar se a autenticação integrada do Windows se encontra ativada no Internet Explorer

  1. Abra o Internet Explorer.

  2. No menu Ferramentas, clique em Opções da Internet.

  3. Clique no separador Avançadas.

  4. Em Definições desloque-se para a secção Segurança, verifique se a opção Ativar Autenticação Integrada do Windows se encontra selecionada e clique em OK.

  5. Reinicie o Internet Explorer conforme necessário para aplicação das novas definições e repita a autenticação no serviço Gestão de Direitos utilizando o Office 365.

Considera isto útil?
(1500 caracteres restantes)
Obrigado pelos seus comentários

Conteúdo da Comunidade

Adicionar
Mostrar:
© 2014 Microsoft