Para exibir o arquivo em inglês, marque a caixa de seleção Inglês. Você também pode exibir o texto em inglês em uma janela popup, movendo o ponteiro do mouse sobre o texto.
Tradução
Inglês

Novidades na virtualização de rede do Hyper-V

 

Aplica-se a: Windows Server 2012 R2, System Center 2012 R2

Este tópico descreve os recursos e as funcionalidades novos e alterados da HNV (Virtualização de Rede Hyper-V) no Windows Server 2012 R2.

A HNV fornece uma abstração de rede virtual além de uma rede física. Essa abstração oferece redes virtuais para máquinas virtuais que operam da mesma forma que uma rede física. Isso é semelhante à abstração que os hipervisores fornecem ao sistema operacional em execução em máquinas virtuais. A HNV fornece essa abstração através de uma rede de sobreposição além da rede física para cada rede VM. Para uma visão geral da HNV, consulte Visão Geral da Virtualização de Rede Hyper-V.

O gateway da HNV de caixa de entrada é um gateway multilocatário que executa funções de Encaminhamento, NAT e Site a Site (VPN).

Qual é o valor agregado desta alteração?

Agora é mais fácil configurar um gateway que pode se conectar a conexões VPN multilocatário em um cenário de nuvem híbrida, ele suporta vários locatários se conectando à Internet e encaminha o tráfego de rede de uma rede de datacenter para redes virtuais em um cenário de nuvem privada.

O que passou a funcionar de maneira diferente?

  • É possível usar o System Center 2012 R2 Virtual Machine Manager para gerenciar totalmente o gateway da HNV.

  • Compatível com clustering de convidado para alta disponibilidade

  • Inclui o BGP para atualização de rotas dinâmicas

O filtro da HNV deixou de ser um LWF (filtro leve) NDIS para ser parte do comutador virtual do Hyper-V.

Qual é o valor agregado desta alteração?

O encaminhamento de extensões de comutador pode coexistir com a HNV, permitindo que várias soluções de virtualização de rede (uma fornecida pela HNV e outra pelo encaminhamento de extensões de comutador) coexistam no mesmo host que executa o Hyper-V.

O que passou a funcionar de maneira diferente?

  • Melhor interoperabilidade com extensões de comutador

  • O LWF NDIS da HNV não precisa mais ser vinculado aos adaptadores de rede. Depois que você conecta um adaptador de rede ao comutador virtual, é possível habilitar a HNV simplesmente atribuindo uma ID de Sub-rede Virtual para um adaptador de rede virtual específico. Isso é claro para quem usa o Virtual Machine Manager para gerenciar redes VM, mas, para qualquer pessoa que usa o Usando o Windows PowerShell, isso salvará uma etapa muitas vezes perdida.

As extensões de comutador funcionam no espaço CA (Endereço do Cliente) e PA (Endereço do Provedor).

Qual é o valor agregado desta alteração?

As extensões de comutador de terceiros agora podem trabalhar com tráfego da HNV, porque as extensões têm visibilidade no espaço PA (endereço do provedor) e no espaço CA (endereço do cliente).

O que passou a funcionar de maneira diferente?

  • O módulo da HNV foi movido para dentro do comutador virtual para que as extensões possam ver os espaços de endereço IP CA (virtuais) e PA (provedor). Isso permite encaminhamento e outros tipos de extensões para tomar decisões com conhecimento de ambos os espaços de endereço.

  • O encaminhamento híbrido é implementado. O encaminhamento híbrido direciona pacotes para diferentes agentes de encaminhamento, com base no tipo de pacote. Na implementação do Windows Server 2012 R2, um pacote NVGRE é encaminhado pelo módulo da HNV. Um pacote que não é NVGRE é encaminhado normalmente pela extensão de encaminhamento.

Algumas novas ferramentas de diagnóstico foram incluídas.

Qual é o valor agregado desta alteração?

Isso aumenta a sua capacidade de diagnosticar redes da HNV.

O que passou a funcionar de maneira diferente?

  • Melhoria no ping.exe (ping –p) para permitir ping para e de endereços de provedor

  • Dois novos cmdlets do Usando o Windows PowerShell (Test-VMNetworkAdapter e Select-NetVirtualizationNextHop) que permitem o diagnóstico da política da HNV e o espaço de Endereço do Cliente.

  • Adicionada a habilidade para Message Analyzer decodificar pacotes NVGRE

Para obter mais detalhes, consulte a postagem blog Novos diagnósticos de rede com o PowerShell no Windows Server R2.

A HNV aprende o endereço IP de uma máquina virtual que tenha sido atribuído manualmente ou definido via DHCP em uma rede virtual.

Qual é o valor agregado desta alteração?

  • Possibilita cenários de alta disponibilidade para máquinas virtuais em uma rede VM e o gateway da HNV.

  • Permite que você execute DHCP, DNS e Active Directory em suas redes VM.

O que passou a funcionar de maneira diferente?

  • Para pacotes de difusão ou multicast em uma rede VM, um endereço IP de multicast PA é usado, se configurado. Se um endereço de multicast PA não estiver disponível, será usada uma replicação de unicast PA inteligente.

    Os pacotes são enviados por unicast apenas a endereços PA que estão configurados para a sub-rede virtual particular na qual o pacote está. Além disso, apenas um pacote de unicast é enviado por host, não importando quantas máquinas virtuais relevantes estão no host.

  • Depois que um host descobre um novo endereço IP, ele notifica o Virtual Machine Manager. Nesse ponto, o endereço IP adquirido se torna parte da política centralizada que o Virtual Machine Manager envia. Isso permite rápida disseminação da política de roteamento da HNV e limita a sobrecarga de rede para a disseminação dessa política de roteamento da HNV.

  • Inclui suporte para pacotes DAD (Detecção de Endereço Duplicado), NUD (Detecção de Inacessibilidade de Rede) e ARP (Protocolo de Resolução de Endereços) no espaço de endereço CA para IPv4 e IPv6. O filtro da HNV também fornece um proxy ARP confiável para todas as políticas de roteamento conhecidas reduzindo outra vez a quantidade de tráfego de controle que sai na rede física.

  • Totalmente compatível com o Usando o Windows PowerShell.

Integra a HNV e o Agrupamento NIC do Windows para permitir que vários adaptadores de rede sejam colocados em uma equipe para fins de agregação de largura de banda e/ou failover de tráfego para manter a conectividade em caso de falha de um componente de rede.

Qual é o valor agregado desta alteração?

A integração da HNV com o Agrupamento NIC do Windows aumenta a taxa de transferência e a confiabilidade da rede HNV.

O que passou a funcionar de maneira diferente?

A propagação de entrada e de saída de tráfego virtualizado em uma equipe NIC está habilitada. Isso significa que os tráfegos que saem de um host ou entram em um host podem utilizar todos os adaptadores de rede na equipe NIC.

No NDIS 6.30 e posterior (Windows Server 2012 e posterior), o descarregamento de tarefas NVGRE (Virtualização de Rede Encapsulamento de Roteamento Genérico) possibilita o uso de pacotes encapsulados GRE (Encapsulamento de Roteamento Genérico) com:

  • LSO (Descarregamento de Envio Grande)

  • RSS (Receive Side Scaling)

  • VMQ (Fila de Máquina Virtual)

Qual é o valor agregado desta alteração?

Para aumentar o desempenho, a NVGRE pode descarregar as tarefas para um adaptador de rede que tenha os recursos de descarregamento de tarefa apropriados.

O que passou a funcionar de maneira diferente?

Dois parceiros anunciaram que seus adaptadores de rede de próxima geração serão compatíveis com descarregamento de tarefa encapsulada NVGRE. Você pode ler os comunicados à imprensa de Mellanox e Emulex para obter mais detalhes.

A Microsoft continua a trabalhar com fornecedores de rede adicionais para habilitar o descarregamento de tarefa NVGRE. Mais anúncios serão feitos no futuro.

Mostrar: