Resume-MailboxExportRequest

 

Aplica-se a:Exchange Server 2016

Tópico modificado em:2015-06-26

Este cmdlet está disponível somente no Exchange Server 2016 local.

Use o cmdlet Resume-MailboxExportRequest para retomar uma solicitação de exportação que foi suspensa ou falhou.

noteObservação:
Esses cmdlets estão disponíveis apenas na função Importação Exportação de Caixa de Correio e, por padrão, essa função não é atribuída a um grupo de função. Para usar esse cmdlet, você deve adicionar a função Importação Exportação de Caixa de Correio a um grupo de função. Por exemplo, para o grupo de função Gerenciamento de Organização. Para saber mais, confira a seção "Adicionar uma função a um grupo de função" no tópico Gerenciar grupos de função.

Para obter informações sobre os conjuntos de parâmetros na seção Sintaxe, abaixo, consulte SintaxeSintaxe de cmdlet do Exchange.

Resume-MailboxExportRequest -Identity <MailboxExportRequestIdParameter> [-Confirm [<SwitchParameter>]] [-DomainController <Fqdn>] [-WhatIf [<SwitchParameter>]]

Este exemplo retoma a solicitação de exportação de kweku\export.

Resume-MailboxExportRequest -Identity kweku\export

Este exemplo retoma quaisquer solicitações de movimentação de exportação que tenham falhado.

Get-MailboxExportRequest -Status Failed | Resume-MailboxExportRequest

O cmdlet Resume-MailboxExportRequest pode ser canalizado com o cmdlet Get-MailboxExportRequest.

Para executar esse cmdlet, você precisa ter permissões. Embora todos os parâmetros para este cmdlet estejam listados neste tópico, talvez você não tenha acesso a alguns parâmetros, caso eles não estejam incluídos nas permissões atribuídas a você. Para ver de que permissões você precisa, consulte o Entrada "Importar e Exportar" no tópico Permissões de destinatários.

 

Parâmetro Obrigatório Tipo Descrição

Identity

Obrigatório

Microsoft.Exchange.MailboxReplicationService.MailboxExportRequestIdParameter

O parâmetro Identity especifica a identidade da solicitação da exportação. Por padrão, as solicitações de exportação são nomeadas <alias>\MailboxExportX (onde X = 0-9). Use a sintaxe a seguir: <Nome do>\<alias>.

Confirm

Opcional

System.Management.Automation.SwitchParameter

A opção Confirm especifica se a solicitação de confirmação deve ser mostrada ou ocultada. Como essa opção afeta o cmdlet dependerá do fato de o cmdlet exigir ou não confirmação antes de continuar.

  • Cmdlets destrutivos (por exemplo, cmdlets Remove-*) têm uma pausa interna que força você a confirmar o comando antes de continuar. Para esses cmdlets, você pode ignorar a solicitação de confirmação usando esta sintaxe exata: -Confirm:$false.

  • A maioria dos outros cmdlets (por exemplo, New-* e Set-*) não tem uma pausa interna. Para esses cmdlets, especificar a opção Confirm sem um valor introduz uma pausa que força você a confirmar o comando antes de continuar.

DomainController

Opcional

Microsoft.Exchange.Data.Fqdn

O parâmetro DomainController especifica o controlador de domínio que é usado por esse cmdlet para ler dados ou gravar dados no Active Directory. Você identifica o controlador de domínio por seu FQDN (nome de domínio totalmente qualificado). Por exemplo, dc01.contoso.com.

WhatIf

Opcional

System.Management.Automation.SwitchParameter

A opção WhatIf simula as ações do comando. Você pode usar essa opção para exibir as alterações que ocorreriam sem realmente aplicar essas alterações. Não é preciso especificar um valor com essa opção.

Para ver os tipos de entrada que este cmdlet aceita, confira Tipos de entrada e saída de cmdlet. Se o campo Tipo de Entrada de um cmdlet estiver em branco, isso significa que o cmdlet não aceita dados de entrada.

Para ver os tipos de retorno, também conhecidos como tipos de saída, que este cmdlet aceita, consulte Tipos de entrada e saída de cmdlet. Se o campo Tipo de Saída estiver em branco, o cmdlet não retorna dados.

 
Mostrar: