Tarefas para Carregar Dados do Histórico

 

Última modificação do tópico: 2011-04-08

As secções seguintes descrevem as tarefas necessárias para carregar dados do histórico.

O EHA requer uma licença de carregamento de dados do histórico (HDL), disponível através dos revendedores Microsoft, para cada gigabyte de dados.

Prepare os dados do histórico de acordo com as directrizes seguintes:

  • Utilize o formato de ficheiro correcto.

  • Utilize apenas tipos de mensagem suportados.

  • Prepare um ficheiro de mapeamento.

Todas as mensagens de correio electrónico do histórico têm de esta no formato .pst, com os requisitos adicionais seguintes:

  • Todos os ficheiros .pst devem estar no formato Unicode (Outlook 2007 e 2010). Se o ficheiro .pst estiver num formato não Unicode, o tamanho do ficheiro não deve exceder 1,9 GB.

  • A estrutura das pastas no ficheiro .pst não é importante.

  • Não proteja os ficheiros .pst com uma palavra-passe. Consulte Preparar e Enviar o Suporte de Dados.

O EHA suporta mensagens de correio electrónico, com ou sem anexos, mas não suporta os tipos de mensagem seguintes:

  • Itens de calendário que não estejam num formato de mensagem de correio electrónico

  • Mensagens instantâneas que não estejam num formato de mensagem de correio electrónico

  • Notas

  • Tarefas

  • Contactos

  • Mensagens Bloomberg

  • Tentativas de resgate de mensagens

  • Recibos de leitura

  • Avisos de entrega sem êxito

Para mapear os endereços internos do Exchange para endereços SMTP durante o carregamento, tem de fornecer um ficheiro de mapeamento. Se tiver vários arquivos, irá necessitar de um ficheiro de mapeamento separado para cada um.

Pode criar um ficheiro de mapeamento através do utilitário csvde.exe. Para mais informações, consulte Como utilizar o Csvde para importar contactos e objectos de utilizador para o Active Directory (em inglês). Inclua apenas os três campos requeridos: DN, ExchangeDN legado e mail.

Para gerar um ficheiro de mapeamento
  1. Abra uma linha de comandos.

  2. Introduza o seguinte na linha de comandos, substituindo o nome do domínio principal por customer_name-map-file:

    csvde -l "mail,legacyExchangeDN" -r "(objectClass=user)" -f customer_name-map-file.csv

  3. Prima Enter. O ficheiro resultante deverá ter um aspecto semelhante ao seguinte, com um utilizador por linha:

    DN,legacyExchangeDN,mail

    "CN= Pilar Ackerman,OU=USERS,OU=REDMOND,DC=contoso,DC=com",/o=contoso/ou=First Administrative Group/cn=Recipients/cn=CAckerman,pilar.ackerman@contoso.com

    "CN=Dorena Paschke,OU=USERS,OU=REDMOND,DC=contoso,DC=com",/o=contoso/ou=First Administrative Group/cn=Recipients/cn=CPaschke,dorena.paschke@contoso.com

    "CN=Jim Hance,OU=USERS,OU=REDMOND,DC=contoso,DC=com",/o=contoso/ou=First Administrative Group/cn=Recipients/cn=CHance,jim.hance@contoso.com

  4. Copie o ficheiro de mapeamento para o mesmo disco rígido USB onde colocou os ficheiros .pst.

Antes de carregar os dados do histórico para o arquivo, tem de criar contas para todos os utilizadores cujo correio electrónico vai ser arquivado, para que as mensagens sejam correctamente atribuídas a esses utilizadores. Poderá fazê-lo através do Administration Center.

NoteNota:
Se um utilizador ou alias contido nos dados do histórico não estiver configurado no Administration Center, as mensagens não serão arquivadas nem poderá ser detectadas por gestores de conformidade.

Para mais informações sobre como configurar utilizadores, consulte a secção Configurar Utilizadores em Configurar as Definições de Arquivo ao Nível do Domínio.

 
Mostrar: