Cenário de Exemplo de Gestão de Aplicações Utilizando o Configuration Manager

 

Aplica-se a: System Center 2012 Configuration Manager, System Center 2012 Configuration Manager SP1, System Center 2012 Configuration Manager SP2, System Center 2012 R2 Configuration Manager, System Center 2012 R2 Configuration Manager SP1

Este tópico fornece um cenário de exemplo de utilização do System Center 2012 Configuration Manager para gerir aplicações na empresa. Abrange o ciclo de vida de implementação de aplicações: A criação inicial e teste da implementação da aplicação, a atualização da aplicação implementada para uma versão posterior e a remoção da aplicação de computadores na rede de produção.

João é o administrador do Gestor de configuração no Banco Woodgrove encarregue de implementar a versão mais recente do Microsoft Visio para 200 utilizadores, de acordo com os seguintes requisitos:

  • Terá de instalar a aplicação apenas nos computadores com o Windows 7.

  • Por motivos de desempenho, esta aplicação apenas terá de ser instalada nos computadores com mais de 4 GB de RAM. Se os computadores tiverem menos de 4 GB de RAM, terão de executar a versão virtual da aplicação.

  • Uma aplicação específica da empresa, Woodgrove.msi, terá de ser instalada em todos os computadores da empresa antes da instalação da aplicação.

  • Se a aplicação for instalada num computador que não seja o computador principal do utilizador, terá de ser instalada uma versão virtual da aplicação.

  • Os computadores que executam o Windows Server não terão de instalar o Microsoft Visio e a aplicação Woodgrove.msi.

  • A aplicação terá também de ser disponibilizada aos utilizadores para instalação a pedido noutros computadores da organização.

As secções seguintes deste tópico fornecem passos de exemplo de como utilizar o Gestor de configuração para criar, implementar e gerir aplicações na sua organização:

Antes de poder gerir aplicações utilizando o Gestor de configuração, João terá de executar as ações descritas na tabela seguinte.

Processo

Referência

João consulta as informações disponíveis sobre os conceitos básicos de gestão de aplicações no Gestor de configuração.

Para obter informações gerais sobre a gestão de aplicações, consulte Introdução à Gestão de Aplicações no Configuration Manager.

João consulta e implementa os pré-requisitos necessários para implementar aplicações.

Para obter informações sobre os pré-requisitos da gestão de aplicações, consulte Pré-requisitos da Gestão de Aplicações no Configuration Manager.

João configura e testa o Catálogo de Aplicações e o Centro de Software, que permitem aos utilizadores procurar e instalar software.

Para obter informações sobre como configurar o Catálogo de Aplicações e o Centro de Software, consulte Configurar o Catálogo de Aplicações e o Centro de Software no Configuration Manager.

A aplicação Woodgrove.msi tem de ser instalada em todos os computadores da empresa, com exceção dos servidores. Para criar esta aplicação no Gestor de configuração, João executa as ações descritas na seguinte tabela.

Processo

Referência

A partir da consola do Gestor de configuração, João executa o Assistente para Criar Aplicação.

Para obter informações sobre como iniciar o Assistente para Criar Aplicação, consulte o Passo 1: Iniciar o Assistente para Criar Aplicação do tópico Como Criar Aplicações no Configuration Manager.

Para preencher automaticamente o assistente com informações sobre o ficheiro da aplicação Woodgrove.msi, João seleciona o tipo de ficheiro de instalação Windows Installer (Nativo).

Consulta então as informações lidas a partir do ficheiro de instalação da aplicação e fornece informações adicionais na página Geral do Assistente para Criar Aplicação. João denomina a aplicação Aplicação Empresarial Woodgrove.

João conclui o assistente. A nova aplicação e um tipo de implementação (denominado Woodgrove MSI) para a aplicação são criados e apresentados no nó Aplicações da área de trabalho Biblioteca de Software.

Para obter informações sobre como detetar automaticamente informações sobre a aplicação a partir dos ficheiros de instalação da aplicação, consulte a secção 989dfb1d-a003-4200-817d-f917d8ae096b#BKMK_Auto do tópico Como Criar Aplicações no Configuration Manager.

João inicia o Assistente para Distribuir Conteúdo de modo a copiar o conteúdo da aplicação para os pontos de distribuição necessários na hierarquia do Banco Woodgrove.

Utiliza o nó Estado do Conteúdo da área de trabalho Monitorização para confirmar se o conteúdo da aplicação foi distribuído com êxito.

Para obter informações sobre o Assistente para Distribuir Conteúdo, consulte a secção Distribuir Conteúdos em Pontos de Distribuição do tópico Operações e Manutenção da Gestão de Conteúdos no Configuration Manager.

Para mais informações sobre como monitorizar a distribuição do conteúdo da aplicação, consulte a secção Monitorização de Estado do Conteúdo do tópico Operações e Manutenção da Gestão de Conteúdos no Configuration Manager.

João cria uma coleção de dispositivos que contém todos os computadores que executam um sistema operativo de computador de secretária na hierarquia do Banco Woodgrove. Chama a esta coleção Todos os Computadores de Secretária e Portáteis.

Para obter informações sobre como criar coleções, consulte Como criar coleções de sites no Configuration Manager

João utiliza o Assistente de Implementação de Software para implementar a aplicação na coleção Todos os Computadores de Secretária e Portáteis, utilizando os seguintes parâmetros:

  • Ação de implementação - Instalar

  • Objetivo da implementação - Necessária

Para obter informações sobre como implementar aplicações, consulte Como implementar aplicações no Configuration Manager.

João monitoriza a implementação de Woodgrove.msi para garantir que é instalada com êxito em todos os computadores da coleção Todos os Computadores de Secretária e Portáteis.

Para obter mais informações sobre como monitorizar implementações de aplicações, consulte Como monitorizar aplicações no Configuration Manager (Monitorizar as Aplicações no Configuration Manager).

João terá agora de criar uma aplicação do Microsoft Visio. Para criar esta aplicação no Gestor de configuração, João executa as ações descritas na seguinte tabela.

Processo

Referência

A partir da consola do Gestor de configuração, João executa o Assistente para Criar Aplicação.

Para obter informações sobre como iniciar o Assistente para Criar Aplicação, consulte o Passo 1: Iniciar o Assistente para Criar Aplicação do tópico Como Criar Aplicações no Configuration Manager.

João utiliza o Assistente para Criar Aplicação para criar uma nova aplicação com o nome Microsoft Visio (Banco Woodgrove). Seleciona a opção para detetar automaticamente as informações sobre a aplicação a partir do ficheiro do Windows Installer (.msi) do Microsoft Visio.

João conclui o assistente. A nova aplicação e um tipo de implementação para a aplicação são criados e apresentados no nó Aplicações da área de trabalho Biblioteca de Software.

Para obter informações sobre como detetar automaticamente informações sobre a aplicação a partir dos ficheiros de instalação da aplicação, consulte a secção 989dfb1d-a003-4200-817d-f917d8ae096b#BKMK_Auto do tópico Como Criar Aplicações no Configuration Manager.

João abre as propriedades da aplicação Microsoft Visio (Banco Woodgrove) e clica no separador Tipos de Implementação. Em seguida, seleciona o tipo de implementação que acabou de ser criado e clica em Editar.

No separador Requisitos da caixa de diálogo <tipo de implementação> - Propriedades, João configura os seguintes requisitos:

  • Categoria: Dispositivo, Condição: Memória física total, Operador: Maior ou igual a, Valor (MB): 4000 - Este requisito assegura que o tipo de implementação só pode ser instalado em computadores com mais de 4 GB de RAM.

  • Categoria: Dispositivo, Condição: Sistema operativo, Operador: Um de, Windows 7 - Este requisito assegura que o tipo de implementação só pode ser instalado em computadores com o Windows 7.

    System_CAPS_noteNota

    Este requisito também impede a instalação do tipo de implementação em computadores com o Windows Server.

  • Categoria: Utilizador, Condição: Dispositivo Primário, Operador: É igual a, Valor: Verdadeiro - Este requisito assegura que o tipo de implementação Windows Installer só pode ser executado no dispositivo primário do utilizador.

Para obter informações sobre os requisitos do tipo de implementação, consulte a secção Passo 6: Especificar os Requisitos para o Tipo de Implementação do tópico Como Criar Aplicações no Configuration Manager.

No separador Dependências da caixa de diálogo <tipo de implementação> - Propriedades, João configura a seguinte dependência:

  • Nome do grupo de dependência - Aplicações Visio de Woodgrove.

  • Aplicação - Aplicação Empresarial Woodgrove

  • Tipos de Implementação Suportados - Woodgrove MSI

João seleciona também a caixa de verificação Instalação Automática, para garantir que a aplicação empresarial Woodgrove.msi será automaticamente instalada em qualquer computador, se necessário, antes da instalação do Microsoft Visio.

Para mais informações sobre dependências, consulte a secção Passo 7: Especificar Dependências para o Tipo de Implementação do tópico Como Criar Aplicações no Configuration Manager.

Para os seus efeitos comerciais, João requer dois tipos de implementação: O tipo de implementação MSI, que instala a aplicação localmente, e um tipo de implementação virtual. João cria um tipo de implementação para a aplicação virtual do Microsoft Visio, executando as ações descritas na tabela seguinte.

Processo

Referência

João utiliza o Sequenciador do Microsoft Application Virtualization (App-V) para criar uma aplicação virtual para o Microsoft Visio.

Para mais informações, consulte o tópico Como Sequenciar uma Nova Aplicação (App-V 4.6) na documentação do Application Virtualization.

João abre o nó Aplicações da área de trabalho Biblioteca de Software e seleciona a aplicação Microsoft Visio (Banco Woodgrove). Em seguida, no separador Home Page, no grupo Aplicação, clica em Criar Tipo de Implementação.

Para preencher automaticamente o assistente com as informações sobre a aplicação virtual, João seleciona o tipo de ficheiro de instalação Microsoft Application Virtualization e navega até ao ficheiro de manifesto XML da aplicação virtual do Microsoft Visio.

Para mais informações sobre como criar tipos de implementação, consulte Como Criar Aplicações no Configuration Manager.

Na página Requisitos do Assistente para Criar Tipo de Implementação, João configura os seguintes requisitos:

  • Categoria: Dispositivo, Condição: Memória física total, Operador: Maior ou igual a, Valor (MB): 4000 - Este requisito assegura que o tipo de implementação só pode ser instalado em computadores com mais de 4 GB de RAM.

  • Categoria: Dispositivo, Condição: Sistema operativo, Operador: Um de, Windows 7 - Este requisito assegura que o tipo de implementação só pode ser instalado em computadores com o Windows 7.

    System_CAPS_noteNota

    Este requisito também impede a instalação do tipo de implementação em computadores com o Windows Server.

  • Categoria: Utilizador, Condição: Dispositivo Primário, Operador: É igual a, Valor: Falso - Este requisito assegura que o tipo de implementação da aplicação virtual só será executado em dispositivos que não sejam o dispositivo primário do utilizador.

Para obter informações sobre os requisitos do tipo de implementação, consulte a secção Passo 6: Especificar os Requisitos para o Tipo de Implementação do tópico Como Criar Aplicações no Configuration Manager.

No separador Dependências da caixa de diálogo <tipo de implementação> - Propriedades, João configura a seguinte dependência:

  • Nome do grupo de dependência - Aplicações Visio de Woodgrove.

  • Aplicação - Aplicação Empresarial Woodgrove

  • Tipos de Implementação Suportados - Woodgrove MSI

João seleciona também a caixa de verificação Instalação Automática, para garantir que a aplicação empresarial Woodgrove.msi será automaticamente instalada em qualquer computador, se necessário, antes da instalação do Microsoft Visio.

Para mais informações sobre dependências de aplicações, consulte a secção Passo 7: Especificar Dependências para o Tipo de Implementação do tópico Como Criar Aplicações no Configuration Manager.

João inicia o Assistente para Distribuir Conteúdo para copiar o conteúdo da aplicação para os pontos de distribuição necessários na hierarquia do Banco Woodgrove.

Em seguida, utiliza o nó Estado do Conteúdo da área de trabalho Monitorização para confirmar se o conteúdo da aplicação foi distribuído com êxito.

Para obter informações sobre o Assistente para Distribuir Conteúdo, consulte a secção Distribuir Conteúdos em Pontos de Distribuição do tópico Operações e Manutenção da Gestão de Conteúdos no Configuration Manager.

Para mais informações sobre como monitorizar a distribuição do conteúdo da aplicação, consulte a secção Monitorização de Estado do Conteúdo do tópico Operações e Manutenção da Gestão de Conteúdos no Configuration Manager.

Antes de implementar a aplicação Microsoft Visio, João pretende testar a implementação para determinar em quantos computadores serão instaladas cópias locais e virtuais do Microsoft Visio. Pretende também determinar quantos computadores não satisfazem os requisitos de instalação da aplicação. Para obter estas informações, João configura uma implementação simulada, executando as ações descritas na tabela seguinte.

Processo

Referência

João cria duas novas coleções de utilizadores. A primeira coleção chama-se Instalação do Visio Necessária. Contém os nomes dos 200 utilizadores que têm de ter o Visio instalado. A segunda coleção, chamada Instalação do Visio Opcional, contém todos os utilizadores. Nesta segunda coleção, João adiciona uma nova regra de exclusão de coleções, de modo a que os membros da coleção Instalação do Visio Necessária sejam excluídos desta coleção.

Para mais informações sobre como criar coleções de utilizadores, consulte a secção Para criar uma coleção de utilizador do tópico Como criar coleções de sites no Configuration Manager.

João executa o Assistente para Simular Implementação de Aplicação.

Cria uma implementação simulada com uma ação Instalar e implementa-a na coleção Instalação do Visio Necessária.

Em seguida, cria uma segunda implementação simulada utilizando os mesmos parâmetros para a coleção Instalação do Visio Opcional.

Para mais informações sobre implementações de aplicações simuladas, consulte Como Simular uma Implementação de Aplicações no Configuration Manager.

João examina o estado de cada implementação simulada no nó Implementações da área de trabalho Monitorização. Estas implementações são listadas com o objetivo Simular. Descobre que cerca de dez por cento dos computadores não satisfazem os requisitos de instalação do Microsoft Visio, comunicando esta informação ao seu gerente.

Para obter mais informações sobre como monitorizar implementações de aplicações, consulte Como monitorizar aplicações no Configuration Manager (Monitorizar as Aplicações no Configuration Manager).

João está agora preparado para implementar a nova aplicação Microsoft Visio. Para tal, João executa as ações descritas na seguinte tabela.

Processo

Referência

João utiliza o Assistente de Implementação de Software para criar duas implementações da aplicação Microsoft Visio:

  • Implementação 1 - na coleção Instalação do Visio Necessária, com uma ação Instalar e o objetivo Necessária.

  • Implementação 2 - na coleção Instalação do Visio Opcional, com uma ação Instalar e o objetivo Disponível.

Para obter informações sobre como implementar aplicações, consulte Como implementar aplicações no Configuration Manager.

João monitoriza regularmente ambas estas implementações do Microsoft Visio. Consegue resolver os problemas que possam ocorrer utilizando as informações do nó Implementações da área de trabalho Monitorização.

João pode comunicar aos seus gerentes do Banco Woodgrove que a implementação do Microsoft Visio foi bem sucedida.

Para obter mais informações sobre como monitorizar implementações de aplicações, consulte Como monitorizar aplicações no Configuration Manager (Monitorizar as Aplicações no Configuration Manager).

É disponibilizada uma nova versão do Microsoft Visio e o Banco Woodgrove decide atualizar todas as cópias instaladas do software para a nova versão. Para tal, João executa as ações descritas na seguinte tabela.

Processo

Referência

João elimina as implementações atuais da aplicação Microsoft Visio.

Para obter informações sobre como eliminar a implementação de uma aplicação, consulte Como implementar aplicações no Configuration Manager.

João cria tipos de implementação para as novas versões da aplicação Microsoft Visio para a instalação completa do programa e para uma instalação virtual do mesmo.

Para obter mais informações, consulte Passo 3: Criar vários tipos de implementação para a aplicação Microsoft Visio neste tópico.

João adiciona duas novas relações de substituição: Uma para a instalação completa do Microsoft Visio e outra para a instalação virtual. Seleciona também a opção para desinstalar as versões anteriores.

Para mais informações sobre a substituição de aplicações, consulte Como utilizar a substituição de aplicações no Configuration Manager.

João volta a implementar a aplicação Microsoft Visio nos computadores da hierarquia do Banco Woodgrove.

Para obter informações sobre como implementar uma aplicação, consulte Como implementar aplicações no Configuration Manager.

João monitoriza o estado destas implementações de aplicações e pode comunicar ao seu diretor que a nova versão do Microsoft Visio foi instalada com êxito.

Para obter mais informações sobre como monitorizar implementações de aplicações, consulte Como monitorizar aplicações no Configuration Manager (Monitorizar as Aplicações no Configuration Manager).

O Banco Woodgrove decide que já não é necessário instalar o Microsoft Visio nos computadores da hierarquia. Pedem a João que remova todas as cópias do software dos computadores da empresa. Para tal, João executa as ações descritas na seguinte tabela.

Processo

Referência

João elimina as implementações da aplicação Microsoft Visio.

Para obter informações sobre como eliminar a implementação de uma aplicação, consulte Como implementar aplicações no Configuration Manager.

João verifica as propriedades de cada tipo de implementação na aplicação Microsoft Visio. No separador Programas da caixa de diálogo Propriedades da Implementação, confirma que foi especificado um programa de instalação.

Para mais informações sobre estas opções do tipo de implementação, consulte Como Criar Aplicações no Configuration Manager.

Em seguida, João implementa a aplicação Microsoft Visio em todos os computadores com a ação Desinstalar e o objetivo Necessário.

Para obter informações sobre como implementar uma aplicação, consulte Como implementar aplicações no Configuration Manager.

João monitoriza a implementação da aplicação e pode informar o seu diretor de que todas as cópias do Microsoft Visio foram removidas dos computadores do Woodgrove Bank.

Para obter mais informações sobre como monitorizar implementações de aplicações, consulte Como monitorizar aplicações no Configuration Manager (Monitorizar as Aplicações no Configuration Manager).

Mostrar: