Planear a migração de objetos do Configuration Manager para o System Center Configuration Manager

 

Aplica-se A: System Center Configuration Manager (current branch)

No O System Center Configuration Manager é possível migrar muitos dos diversos objetos associados às diferentes funcionalidades presentes num site de origem. Utilize as secções seguintes para o ajudar a planear a migração de objetos entre hierarquias.

Pode migrar objetos de atualização de software, tais como pacotes de atualização de software e implementações de atualização de software.

Para migrar com êxito objetos de atualização de software, terá primeiro de configurar a hierarquia de destino com configurações que correspondam ao ambiente da hierarquia de origem. Isso requer as seguintes ações:

  • Implemente um ponto de atualização de software ativo na hierarquia de destino.

  • Configure o catálogo de produtos e os idiomas para corresponderem à configuração da hierarquia de origem.

  • Sincronize o ponto de atualização de software na hierarquia de destino com o Windows Server Update Services (WSUS).

Ao migrar atualizações de software, tenha em consideração:

  • A migração de objetos de atualização de software poderá falhar quando não tiver sincronizado informações na hierarquia de destino para que correspondam à configuração da hierarquia de origem.

    System_CAPS_ICON_warning.jpg Aviso


    A utilização da ferramenta WSUSutil para sincronizar dados entre uma hierarquia de origem e uma hierarquia de destino não é suportada.

  • Não é possível migrar atualizações personalizadas que tenham sido publicadas utilizando o System Center Updates Publisher. Em vez disso, as atualizações personalizadas devem ser republicadas na hierarquia de destino.

Ao migrar a partir de uma hierarquia de origem do Configuration Manager 2007, o processo de migração modifica alguns objetos de atualização de software para o formato utilizado pela hierarquia de destino. Utilize a tabela seguinte para ajudar a planear a migração de objetos de atualização de software a partir do Configuration Manager 2007.

Configuration Manager 2007 objetoNome do objeto após a migração
Listas de atualização de softwareAs listas de atualização de software são convertidas em grupos de atualização de software.
Implementações de atualizações de softwareAs implementações de atualização de software são convertidas em implementações e grupos de atualização.

Após migrar uma implementação de atualização de software a partir do Configuration Manager 2007, terá de a ativar na hierarquia de destino para a poder implementar.
Pacotes de atualização de softwareOs pacotes de atualização de software mantêm a mesma designação.
Modelos de atualização de softwareOs modelos de atualização de software mantêm a sua designação.

O valor de Duração nos modelos de implementação do Configuration Manager 2007 não são migrados.

Quando migra objetos de uma hierarquia de origem do System Center 2012 Configuration Manager ou do O System Center Configuration Manager, os objetos de atualização de software não são modificados.

É possível migrar conteúdo de uma hierarquia de origem suportada para a hierarquia de destino. Para uma hierarquia de origem do Configuration Manager 2007, este conteúdo inclui pacotes de distribuição de software, programas e aplicações virtuais, tais como o Microsoft Application Virtualization (App-V). Para hierarquias de origem do System Center 2012 Configuration Manager e do O System Center Configuration Manager, este conteúdo inclui aplicações e aplicações virtuais do App-V. Ao migrar conteúdo entre hierarquias, os ficheiros de origem comprimidos são migrados para a hierarquia de destino.

Pacotes e programas

Ao migrar pacotes e programas, estes não são modificados pela migração. No entanto, antes de os migrar, terá de configurar cada pacote para utilizar um caminho (UNC) (Universal Naming Convention) para a localização do ficheiro de origem. Como parte da configuração para migrar pacotes e programas, terá de atribuir um site na hierarquia de destino para gerir este conteúdo. O conteúdo não é migrado a partir do site atribuído, mas após a migração o site atribuído acede à localização original do ficheiro de origem utilizando o mapeamento UNC.

Após a migração de um pacote e programa para a hierarquia de destino, e enquanto a migração a partir da hierarquia de origem continua ativa, poderá disponibilizar o conteúdo aos clientes dessa hierarquia utilizando um ponto de distribuição partilhado. Para utilizar um ponto de distribuição partilhado, o conteúdo terá de permanecer acessível no ponto de distribuição do site de origem. Para obter informações sobre pontos de distribuição partilhados, veja a secção Partilhar pontos de distribuição entre hierarquias de origem e de destino do tópico Planear uma estratégia de migração de implementação de conteúdos no System Center Configuration Manager.

No caso de conteúdos migrados, se a versão do conteúdo for alterada na hierarquia de origem ou na hierarquia de destino, os clientes deixarão de poder aceder ao conteúdo a partir do ponto de distribuição partilhado na hierarquia de destino. Neste cenário, terá de migrar novamente o conteúdo para restaurar uma versão consistente do pacote entre a hierarquia de origem e a hierarquia de destino. Estas informações são sincronizadas durante o ciclo de recolha de dados.

System_CAPS_ICON_tip.jpg Dica


Por cada pacote que migrar, atualize o pacote na hierarquia de destino. Esta ação pode evitar problemas na implementação do pacote nos pontos de distribuição na hierarquia de destino. No entanto, ao atualizar um pacote no ponto de distribuição na hierarquia de destino, os clientes nessa hierarquia deixarão de poder adquirir esse pacote a partir de um ponto de distribuição partilhado. Para atualizar um pacote na hierarquia de destino, na consola do Gestor de configuração, navegue para a Biblioteca de Software, clique com o botão direito do rato no pacote e, em seguida, selecione Atualizar Pontos de Distribuição. Execute esta ação para cada pacote que migrou.

System_CAPS_ICON_tip.jpg Dica


É possível utilizar o Microsoft System Center Gestor de configuração Package Conversion Manager para converter pacotes e programas em aplicações do O System Center Configuration Manager. Transfira o Package Conversion Manager a partir do site do Centro de Transferências da Microsoft. Para obter mais informações, veja Gestor de Conversão de Pacotes do Configuration Manager.

Aplicações virtuais

Ao migrar pacotes App-V a partir de um site suportado do Configuration Manager 2007, o processo de migração converte-os em aplicações na hierarquia de destino. Além disso, com base nos anúncios existentes para o pacote App-V, são criados os seguintes tipos de implementação na hierarquia de destino:

  • Se não existirem anúncios, é criado um tipo de implementação que utilize as predefinições do tipo de implementação.

  • Se existir um anúncio, é criado um tipo de implementação que utilize as mesmas definições que o anúncio do Configuration Manager 2007.

  • Se existirem vários anúncios, é criado um tipo de implementação para cada anúncio do Configuration Manager 2007, utilizando as definições do anúncio respetivo.

System_CAPS_ICON_important.jpg Importante


Se migrar um App-V do Configuration Manager 2007 anteriormente migrado, a migração falhará porque os pacotes de aplicações virtuais não suportam o comportamento de migração de substituição. Neste cenário, terá de eliminar o pacote de aplicação virtual migrado da hierarquia de destino e, em seguida, criar uma nova tarefa de migração para migrar a aplicação virtual.

System_CAPS_ICON_note.jpg Nota


Após migrar um pacote App-V, poderá utilizar o Assistente para Atualizar Conteúdo para alterar o caminho de origem dos tipos de implementação App-V. Para obter informações sobre como atualizar conteúdo para um tipo de implementação, veja a secção Como gerir tipos de implementação do tópico Tarefas de gestão para aplicações do System Center Configuration Manager.

Ao migrar a partir de uma hierarquia de origem do System Center 2012 Configuration Manager ou do O System Center Configuration Manager, além dos tipos de implementação e aplicações do App-V, poderá migrar objetos do ambiente virtual de App-V. Para obter informações sobre ambientes App-V, veja Implementar aplicações virtuais App-V com o System Center Configuration Manager.

Anúncios

Pode migrar anúncios a partir de um site de origem suportado do Configuration Manager 2007 para a hierarquia de destino utilizando a migração baseada em coleções. Se atualizar um cliente, este manterá o histórico dos anúncios anteriormente executados, para impedir que o cliente volte a executar os anúncios migrados.

System_CAPS_ICON_note.jpg Nota


Não é possível migrar anúncios para pacotes virtuais. Esta é uma exceção à migração de anúncios.

Aplicações

É possível migrar aplicações de uma hierarquia de origem suportada do System Center 2012 Configuration Manager ou do O System Center Configuration Manager para uma hierarquia de destino. Se reatribuir um cliente da hierarquia de origem para a hierarquia de destino, o cliente manterá o histórico das aplicações anteriormente instaladas, para impedir que o cliente volte a executar as aplicações migradas.

É possível migrar os critérios de coleções de uma hierarquia de origem suportada do System Center 2012 Configuration Manager ou do O System Center Configuration Manager. Para tal, utilize uma tarefa de migração baseada em objetos. Ao migrar uma coleção migrará as respetivas regras, e não as informações sobre os membros da coleção nem as informações ou objetos relacionados com os membros da coleção.

A migração do objeto de coleção não é suportada ao migrar a partir de uma hierarquia de origem do Configuration Manager 2007.

É possível migrar os seguintes objetos de implementação de sistemas operativos a partir de uma hierarquia de origem suportada:

  • Imagens e pacotes de sistemas operativos. O caminho de origem das imagens de arranque é atualizado para a localização de imagem predefinida do Windows Administrative Installation Kit (Windows AIK) no site de destino. Eis os requisitos e limitações da migração de imagens e pacotes de sistemas operativos:

    • Para migrar ficheiros de imagens com êxito, a conta de computador do servidor do Fornecedor de SMS do site de nível superior das hierarquias de destino tem de ter as permissões de Leitura e Escrita nos ficheiros de origem das imagens da localização do Windows AIK no site de origem.

    • Ao migrar um pacote de instalação do sistema operativo, certifique-se de que a configuração do pacote no site de origem aponta para a pasta que contém o ficheiro WIM, e não para o próprio ficheiro WIM. Se o pacote de instalação apontar para o ficheiro WIM, a migração do pacote de instalação falhará.

    • Ao migrar um pacote de imagem de arranque a partir de um site de origem do Configuration Manager 2007, o ID do pacote não será mantido no site de destino. O resultado é que os clientes da hierarquia de destino não poderão utilizar pacotes de imagens de arranque que estejam disponíveis em pontos de distribuição partilhados.

  • Sequências de tarefas. Ao migrar uma sequência de tarefas que contenha uma referência a um pacote de instalação de cliente, esse referência é substituída por uma referência ao pacote de instalação de cliente da hierarquia de destino.

    System_CAPS_ICON_note.jpg Nota


    Ao migrar uma sequência de tarefas, o Gestor de configuração poderá migrar objetos que não sejam necessários na hierarquia de destino. Tais objetos incluem imagens de arranque e pacotes de instalação de cliente do Configuration Manager 2007.

  • Controladores e pacotes de controladores.

É possível migrar itens de configuração e linhas de base de configuração.

System_CAPS_ICON_note.jpg Nota


A migração de itens de configuração não interpretados a partir de hierarquias de origem do Configuration Manager 2007 não é suportada. Não é possível migrar nem importar estes itens de configuração para a hierarquia de destino. Para obter informações sobre itens de configuração não interpretados, veja a secção “Item de Configuração Não Interpretado” do tópico Acerca de Itens de Configuração na Gestão de Configurações Desejadas na biblioteca de documentação do Configuration Manager 2007.

É possível importar Pacotes de Configuração do Configuration Manager 2007. O processo de importação converte automaticamente o Pacote de Configuração para o tornar compatível com o O System Center Configuration Manager.

É possível migrar limites entre hierarquias. Quando migra limites do Configuration Manager 2007, cada limite do site de origem é migrado e, ao mesmo tempo, adicionado ao novo grupo de limites que é criado na hierarquia de destino. Quando migra limites de uma hierarquia do System Center 2012 Configuration Manager ou do O System Center Configuration Manager, cada limite selecionado é adicionado a um novo grupo de limites da hierarquia de destino.

Cada grupo de limites criado automaticamente está ativado para localização de conteúdo, mas não para atribuição de site. Deste modo, é evitada a sobreposição de limites para atribuição de sites entre as hierarquias de origem e de destino. Quando migra a partir de um site de origem do Configuration Manager 2007, ajuda a impedir que novos clientes instalados do Configuration Manager 2007 sejam atribuídos incorretamente à hierarquia de destino. Por predefinição, os clientes do O System Center Configuration Manager não são automaticamente atribuídos a sites do Configuration Manager 2007.

Durante a migração, se partilhar um ponto de distribuição com a hierarquia de destino, todos os limites associados a essa distribuição migram automaticamente para a hierarquia de destino. Na hierarquia de destino, a migração cria um novo grupo de limites só de leitura para cada ponto de distribuição partilhado. Se alterar os limites do ponto de distribuição da hierarquia de destino, o grupo de limites da hierarquia de destino será atualizado com estas alterações durante o próximo ciclo de recolha de dados.

Gestor de configuração não suporta a migração de relatórios. Em alternativa, utilize o SQL Server Reporting Services Report Builder para exportar relatórios da hierarquia de origem e, em seguida, importá-los para a hierarquia de destino.

System_CAPS_ICON_note.jpg Nota


Como existem alterações de esquema dos relatórios entre o Configuration Manager 2007 e o O System Center Configuration Manager, teste todos os relatórios importados de uma hierarquia do Configuration Manager 2007 para se certificar de que funcionam conforme previsto.

Para obter mais informações sobre relatórios, veja Relatórios no System Center Configuration Manager.

É possível migrar pastas organizacionais e pastas de procura de uma hierarquia de origem suportada para uma hierarquia de destino. Além disso, a partir de uma hierarquia de origem do System Center 2012 Configuration Manager ou do O System Center Configuration Manager, pode migrar os critérios de uma pesquisa guardada para uma hierarquia de destino.

Por predefinição, o processo de migração mantém as estruturas de pastas de procura e de pastas administrativas de objetos e coleções. Porém, no Assistente Criar Tarefa de Migração, na página Definições, pode configurar uma tarefa de migração para não migrar a estrutura organizacional de objetos, desmarcando a caixa de verificação dessa opção. As estruturas organizacionais das coleções são sempre mantidas.

Uma exceção a esta regra é uma pasta de procura com aplicações virtuais. Quando é migrado um pacote de App-V, este é transformado numa aplicação do O System Center Configuration Manager. Após a migração da pasta de pesquisa, só são localizados os pacotes restantes e a pasta de pesquisa não consegue localizar o pacote de App-V devido a essa conversão para uma aplicação durante a migração do mesmo.

Quando migra uma pesquisa guardada de uma hierarquia de origem do System Center 2012 Configuration Manager ou do O System Center Configuration Manager, migra os critérios da pesquisa e não as informações sobre os resultados da pesquisa. A migração de uma procura guardada não se aplica a partir de um site de origem do Configuration Manager 2007.

É possível migrar personalizações do Asset Intelligence de uma hierarquia de origem suportada para uma hierarquia de destino. Não existem alterações significativas na estrutura das personalizações do Asset Intelligence entre o Configuration Manager 2007 e o O System Center Configuration Manager.

System_CAPS_ICON_note.jpg Nota


O System Center Configuration Manager não suporta a migração de objetos do Asset Intelligence de um site do Configuration Manager 2007 que utiliza o Asset Intelligence Service 2.0 (AIS 2.0).

Não existem alterações significativas na medição de software entre o Configuration Manager 2007 e o O System Center Configuration Manager. É possível migrar as regras de medição de software de uma hierarquia de origem suportada para uma hierarquia de destino.

Por predefinição, as regras de medição de software que migra para uma hierarquia de destino não estão associadas a um site específico da hierarquia de destino e, em vez disso, aplicam-se a todos os clientes da hierarquia. Para aplicar uma regra de medição de software a clientes de um site específico, tem de editar a regra de medição após a respetiva migração.

Planear a migração para o System Center Configuration Manager

Mostrar: